Poder

Polícias continuam as buscas para capturar assaltantes da agência do BB de Santa Helena

Quadrilha fortemente armada assaltou o Banco do Brasil.

O 10º Batalhão da Polícia Militar de Pinheiro, a Companhia de Operações Especiais (COE), o Grupo de Operações Especiais (GOE), o Grupo Tático Aéreo (GTA), policiais da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), policiais civis e a 2ª companhia destacada da PM de Santa Helena, continuam nas buscas da quadrilha que roubou a agência do Banco do Brasil da cidade, ocorrida na quarta-feira (9), por volta das 17h30.

Conforme explicou o major da PM, Dário Bertoldo, subcomandante do 10º BPM de Pinheiro, cerca de 12 assaltantes armados de fuzis, encapuzados, e usando colete à prova de balas, adentraram na agência e roubaram uma quantia em dinheiro.

Ainda segundo o major, durante a ação criminosa, os bandidos levaram o dinheiro e fizeram seis pessoas de reféns, entre elas estava o secretário de Cultura do município Renato Caruso. Segundo o que foi apurado no local, a Polícia informou que os bandidos obrigaram os funcionários a abrirem todos os cofres e caixas eletrônicos.

Informações levantadas pelas Polícias apontam que no momento da fuga, os criminosos utilizaram diversos recursos. Minutos após o roubo, eles fugiram usando motocicletas e veículos para facilitar a fuga. De acordo com informações, para dificultar as buscas da Polícia, os assaltantes saíram dos veículos, que eles utilizavam, e seguiram fuga nas motocicletas.

O major Dário Bertoldo que está acompanhando os procedimentos policiais, explicou que o roubo a agência bancária foi muito bem planejado e arquitetado, já que eles entraram totalmente equipados e atearam fogo em dois veículos nas proximidades do campo de Turilândia sobre uma ponte, para dificultar a perseguição policial.

As primeiras informações da Polícia apontam que os integrantes da quadrilha haviam fugido em direção a BR 316 nas imediações do município de Presidente Médici. Veja abaixo a ação da quadrilha ao sair do Banco:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários