Poder

Ministro deu verba a ONG de aliado que era alvo da PF

Ministro Carlos Lupi

Ministro Carlos Lupi

O ministro do Trabalho, Carlos Lupi, ajudou pessoalmente a ONG de um colega de partido mesmo depois de a Polícia Federal abrir um inquérito criminal para investigar suspeitas de irregularidades em convênio da entidade com a pasta, no valor de R$ 6,9 milhões.

O convênio, no valor de R$ 6,9 milhões, foi firmado com a ONG Adrvale (Agência de Desenvolvimento do Vale do Rio Tijucas e Rio Itajaí Mirim), de Santa Catarina, que é presidida por Osmar Boos, ex-candidato a vereador pelo PDT em Brusque.

A PF começou a investigar a ONG com base em relatório da CGU (Controladoria-Geral da União) que apontou o uso de funcionários e empresas-fantasmas.

O ministro afirmou, por meio de sua assessoria, que não tinha conhecimento da investigação da Polícia Federal sobre a Adrvale.

Da Folha


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários