Maranhão

Fim de semana com dez assassinatos na Região Metropolitana de São Luís

violência_tiro

Uma mulher identificada como Elenilza Gama Vaz, de 24 anos, foi encontrada morta, no início da manhã desse domingo (9), em um lixão, na Avenida Amália Saldanha, bairro Coroadinho. Segundo a Polícia Militar, a vítima teria sido assassinada a pauladas e pedradas, pois seu rosto estava deformado por conta das agressões que sofreu. Antes deste crime, o Instituto Médico Legal (IML) já havia registrado outros nove homicídios na Região Metropolitana de São Luís durante o fim de semana.

Elenilza Gama Vaz, segundo testemunhas que acompanharam os trabalhos da PM, perícia do Instituto de Criminalística (Icrim) e Polícia Civil, era mãe de seis filhos. O depósito de lixo onde seu corpo foi achado também serve como ponto de encontro de usuários de crack. Ainda de acordo com testemunhas, a vítima também tinha o apelido de Fritona, e o companheiro da vítima, Jhonatan Sousa Dias, de 22 anos, foi preso no local como suspeito e depois liberado pela polícia.

O caso foi registrado no Plantão Central da Vila Embratel e hoje deve começar a ser investigado no 10º Distrito Policial (Bom Jesus). Minutos antes, a PM já havia registrado outro assassinato na capital, desta vez no bairro Forquilha. Sobre este homicídio, praticado com uso de arma de fogo contra um homem identificado como José Ribamar Félix, de 26 anos. Segundo informações, o crime foi praticado por vários homens.

Mais Assassinatos

Além desses casos, outros sete assassinatos foram registrados na região metropolitana. A lista de homicídios segue com os jovens André Luís Ramos Diniz, de 18 anos; e Edson Carlos dos Santos Silva, de 21 anos. Ambos foram mortos a tiros no bairro Vila Conceição (área do Calhau), ainda no início da madrugada de domingo. A autoria e motivação do duplo homicídio vão ser investigadas no 9º Distrito Policial (São Francisco).

Na mesma circunscrição, foi assassinado a tiros no bairro São Francisco, na noite de sábado (8), por volta das 19h30, Israel Carvalho Oliveira, de 20 anos. Nesse mesmo dia, outros dois homicídios por arma de fogo foram anotados e tiveram como vítimas Edivaldo Roberto Moraes Andrade, de 36 anos, Rua da Alegria, próximo à feira do bairro Coroadinho; e o adolescente Leonardo Vieira Cruz Gama, 16 anos, morto a tiros no bairro São Bernardo.

Na Praia Grande, Paulo Ernane Póvoas Sales, de 25 anos, foi assassinado com uma profunda facada. O crime foi praticado pelo colega da vítima, identificado Luís Fernando Santos Nogueira. Na discussão entre os dois Paulo Ernane acabou esfaqueado. Ele foi conduzido para o Hospital Municipal Djalma Marques, o Socorrão I, onde submeteu-se a uma cirurgia, mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. O suspeito foi conduzido para o Plantão da Rffsa e autuado em flagrante.

Na Sexta-Feira

Os dois primeiros homicídios registrados no fim de semana aconteceram ainda sexta-feira (7). Um homem, ainda não identificado foi assassinado a tiros no bairro Jota Lima, município de São José de Ribamar; e Germeson dos Reis Ananias, de 33 anos, foi morto a golpes de faca, na Vila Industrial (área do bairro Maracanã). Todos os crimes são investigados pela equipe de policiais civis da Delegacia de Homicídios (DH) da capital, em apoio aos distritos policiais. (Imirante)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários