Crime

Polícia desarticula esquema que fraudava concursos no MA

A operação foi deflagrada pela Polícia Civil do Piauí, onde o esquema atuou com bastante intensidade.

20160310031012-1

O estado do Maranhão é alvo da Operação Veritas, deflagrada, nas primeiras da última quinta-feira (10), pela Polícia Civil do Piauí e pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) com objetivo de desarticular uma quadrilha suspeita de fraudar concurso públicos no Piauí.

O esquema fraudou concursos no Maranhão, entre eles do Tribunal Regional Eleitoral daquele estado, da Secretaria Estadual de Educação e Prefeitura de Morrinhos.

Ao todo já foram cumpridos 37 mandados de prisão, 34 de busca e apreensão e 46 de condução coercitiva. Entre os presos, estava Helder Richard Pacheco Cavalcante, da cidade de São Francisco do Maranhão.

Segundo a polícia, o grupo também tentou fraudar o concurso público do Tribunal de Justiça do Piauí (TJ-PI), realizado em dezembro do ano passado, o certame da prefeitura de Capitão de Campos e outros concursos. Entre os suspeitos de integrar o bando está um adolescente que deve ser apreendido pelos policiais. Agentes penitenciários e até mesmo um policial civil também são suspeitos de fazer parte da organização criminosa.

presos-na-operacao-veritas-350850


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários