Maranhão

Eleição da OAB-MA pode ter reviravolta

Ulysses Sousa encabeça chapa de Lauande juntamente com Mário Macieira.

Ulysses Sousa encabeça chapa de Lauande juntamente com Mário Macieira.

Parcial da pesquisa da Econométrica mostra o advogado Thiago Diaz na frente com 2%, no geral. No interior do Estado candidato da Chapa 02 lidera a corrida em 11 das 13 sub-seções, sendo acachapante as diferenças em Presidente Dutra, Pinheiro, Caxias e Chapadinha.

Thiago Diaz e Charles Dias.

Thiago Diaz e Charles Dias.

No maior colégio eleitoral do interior do Estado, Imperatriz a diferença pró-Valéria Lauande que já foi de quase 20 pontos caiu pra 5%, em Balsas para 7% quando já foi de mais de 30%. O crescimento nas pesquisas refletiu no apoio do ex-ministro Edson Vidigal e Catulé Júnior da Chapa 36 em Caxias.

O resultado parcial da pesquisa deve gerar clima de insegurança na chapa encabeçada pela candidata da situação Valéria Lauande que afora sua elevada rejeição ainda tem na chapa da o peso do causídico Ulysses Sousa, que recentemente teve denúncia recebida na Justiça Federal do Maranhão por corrupção e formação de quadrilha.

As denuncias foram apuradas na Operação Navalha, inclusive, teve mandado de prisão expedido contra si pelo Superir Tribunal de Justiça (STJ). Hoje o candidato a conselheiro federal na chapa de Lauande responde processo criminal.

O clima se insegurança tornou-se obvio quando 2 advogados de relevo no cenário maranhense deixaram de apoiar a candidata de Mário Macieira. Um é o renomado criminalista e ex-presidente do Sindicato dos Bancários e conselheiro por dois mandatos na OAB MA, Dr. Petronio Alves Macedo; outro foi o advogado Raimundo Marques, ex-presidente da OAB-MA por três mandatos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Eleição OAB-MA: candidatos igualam na preferência dos advogados

Valéria Lauande e Thiago Diaz: uma disputa igualada.

Valéria Lauande e Thiago Diaz: uma disputa igualada.

Thiago Diaz, do grupo “Renovar para Mudar”, pode estar a caminho de vencer a principal rival, advogada e conselheira federal da OAB, Valéria Lauande, na eleição de presidente da Seccional maranhense, segundo mostram dados de consumo interno.

Uma pesquisa que o Blog do Neto Ferreira teve acesso revela números surpreendentes que iguala – mesmo com 1% atrás de Valéria – a briga pela sucessão do presidente Mário Macieira.

Na mesma pesquisa é avaliado não somente a intenção de votos, mas também o cenário de rejeição perante a ótica dos causídicos do Maranhão. Nesse quesito Valéria Lauande aparece com um número expressivo que chega a quase o dobro em comparação com Thiago Diaz.

Mas, é natural de Valéria possua rejeição elevada, já que é apoiada pelo grupo oligárquico onde o mentor da campanha foi denunciado pelos alunos na Controladoria Geral da União e responde a processo administrativo por faltar aulas na Ufma como professor.

Portanto, a vitoria do candidato a, b ou c partirá, sem sombra de duvidas, da definição dos indecisos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Eleição de Valéria Lauande na OAB deve favorecer Mário Macieira em 2018

Blog do Kiel Martins

A candidatura de Valéria Lauande a presidente da seccional maranhense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MA); com a chapa, denominada “Avançar mais e mais”, que tem como a vice, Marco Lara, é para favorecer o atual presidente Mário Macieira nas eleições de 2018.

Marco Lara foi anunciado na ultima sexta-feira (16), como candidato a vice-presidente na chapa de Valéria Lauande para disputa da eleição da OAB no Maranhão. Acontece que Marco Lara é genro do Conselheiro do TCE-MA, Washington, e com isso foi feito um acordo para que o PT possa apoiar Macieira como candidato a deputado Federal em 2018.

As reuniões com líderes do PT já foram feitas para oficializar o acordo, por isso a indicação de Lara como vice de Valéria.

Tudo em torno da politicagem.

Eleição de Valéria Lauande na OAB deve favorecer Mário Macieira em 2018


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

A omissão da OAB maranhense

A candidata a presidência da da Ordem dos Advogados do Brasil no Maranhão (OAB-MA), Valéria Lauande entre o advogado Ulisses Cesar Souza e o atual presidente da OAB-MA, Mário Macieira.

A candidata a presidência da da Ordem dos Advogados do Brasil no Maranhão (OAB-MA), Valéria Lauande entre o advogado Ulisses Cesar Souza e o atual presidente da OAB-MA, Mário Macieira.

O presidente da OAB-MA, Mário Macieira, vem deixando a desejar e, ainda, pretende eleger sua sucessora. Há um grupo de advogados comandam a entidade, enxergando apenas o próprio umbigo. É preciso uma completa alteração de rumos nos destinos da entidade que representa os advogados maranhenses – entidade que tem falhado muito na defesa dos interesses e das prerrogativas dos advogados e advogadas maranhenses.

Essas são algumas das preocupações que nortearam as manifestações do advogados. Falta afunilar a definição de um programa comum de ação em reuniões sucessivas, na capital e no interior e, depois, estabelecer um plano de propostas que expressem os anseios dos diversos setores da advocacia.

A indignação a omissão da gestão da OAB-MA, uma gestão flácida, frágil e que não condiz com o que os advogados almejam. Advogados são tratados por todos os níveis de servidores públicos do Executivo e do Judiciário. O livre exercício da profissão é uma prerrogativa expressa.

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) faz um ensurdecedor silêncio, mostrando-se conivente e cúmplice de um ataque sistemático aos advogados e advogadas maranhenses. A OAB se mostra ativa até demais, mas só quando na época de campanha eleitoral. Quando é para defender o “direito dos mano”, em vez de os “direitos humanos”, os representantes da OAB saem em campo. Já para preservar as instituições mais importantes, nada.

Por que tanta omissão? Ela não é gratuita. Tem substância política. Seria um velho toma-lá-dá-cá? Seria uma “justa paga” a seus inestimáveis serviços prestados ao governo, e não à classe?

A OAB, em vez de tomar o partido das instituições republicanas, tem preferido um silêncio mais que suspeito, lançando na lama sua credibilidade. Quando sai do silêncio, é invariavelmente para tomar o partido errado, adotar postura conivente com aqueles que vêm minando as estruturas da democracia. É lamentável.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Qual motivo a Seccional OAB/MA nega-se a emitir nota sobre morte do blogueiro Décio Sá?

Muito estranho até o momento a atitude ou postura tomada pelo presidente da Seccional OAB/MA, Mário Macieira, em se calar e principalmente não emitir nota de pesar sobre a execução ocorrida com o jornalista e blogueiro Décio Sá, em plena Avenida Litorânea em São Luís.

O presidente da OAB/MA, Mário Macieira e a vice-presidente, Valéria Lauande

O presidente da OAB/MA, Mário Macieira e a vice-presidente, Valéria Lauande

Macieira, em casos menos escabrosos, sempre se mostra presente. Então, será por qual motivo o levou a trancafiar a assessoria de comunicação da OAB em emitir nota neste crime bárbaro e hediondo? É fácil!

A sua relação com o jornalista sempre foi conturbada pelas matérias publicadas no blog (reveja), além disto, houve varias denúncias de desvio de conduta na gestão do nobre presidente da OAB (reveja).

Seria este o único motivo de Mário Macieira impedir uma simples e lamentosa nota de pesar ao jornalista. Acredito que não!

Como é do conhecimento de toda classe politica e principalmente jurídica, a forma como vêm agindo a vice-presidente da OAB-MA, Valéria Lauande, a frente do cargo que até então ocupa.

Lauande que se acha acima da lei, em duas sessões do Conselho Seccional, após a morte do jornalista, teria vetado a participação da OAB em fazer o seu papel de defender a justiça social como entidade máxima de representação dos advogados e responsável pela ordem jurídica do Estado democrático de direito.

Ao que parece, o presidente Mário Macieira, e sua vice Valéria Lauande, utilizam os cargos que hoje mantém, para fins pessoais jogando a Seccional da OBA/MA, na vala comum das entidades sem credibilidade.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.