Poder

Bomba! O “esquema” Fernando Fialho no governo do clã Sarney

Apontado como um dos maiores escândalos no governo do clã Sarney, onde o coadjuvante do filme da máfia italiano chama-se, o engenheiro Fernando Fialho, secretário de Desenvolvimento Social e Agricultura Familiar.

Ex-diretor da Antaqui e apadrinhado político de José Sarney, Fialho passa por maus momentos após o estouro da bomba de efeito retardante afetar sua honra, integridade e dignidade perante a sociedade maranhense.

O elo de associações com a pasta que deveria combater a pobreza no Maranhão é, sem sombra de dúvidas, o iceberg que deverá desmoronar diante os contratos das empresas SONOTEC (Sociedade Norte Técnica de Construções Ltda.) e a I.M. Construções e Serviços, sendo a última de propriedade de Zé Augusto.

Em nome de possível laranja, a empresa Sonotec que tem à frente um assessor da Assembleia Legislativa do Maranhão, Arcelino Brito, irmão da diretora de comunicação da Assembleia Dulci Brito, conhecido como coronel, é apontado como o maior beneficiado em termo de contratos com associações.

Além do contrato com a Vera Macieira – entidade citada como fantasma pelos deputados – o Clube das Mães Nossa Senhora das Graças também firmou contrato com as empresas SONOTEC, I.M. e RJ Construcoes e Serviços Ltda., com dispensa de licitação.

Publicado no Diário Oficial do dia (28) de maio, os contratos nitidamente direcionados as empresas envolvidas no escândalo de possível desvio de R$ 4,9 milhões, somam mais de R$ 1,2 milhão e tem a mesma finalidade: execução de serviços de conclusão de obras de implantação do sistema de abastecimento de água no município de São Luís.

Neste recente contrato abocanhado pela SONOTEC, I.M e RJ Construções da qual foram assinados todos no mesmo dia 21 de março, a primeira aparece levando R$ 443 mil do convênio celebrado entre a Secretaria de Fernando Fialho e a entidade. A segunda também abocanha R$ 447 mil e a ultima R$ 444 mil. A equipe de reportagem tentou contato com o secretário do governo Roseana Sarney, mas não obteve êxito.

Segundo apurou o Blog do Neto Ferreira, há uma associação que teve um convênio celebrado por meio de influência política do deputado estadual Stênio Rezende, que tem um parente casado com a filha de Fernando Fialho. Mas isso é assunto para uma próxima publicação.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.