Poder

Pacientes reclamam da falta de exame do pezinho no Hospital de Coroatá

13219712_604083023084348_174850721_n

No Município de Coroatá, mães de recém-nascidos estão preocupadas e indignadas porque os seus bebês ainda não conseguiram realizar o teste do pezinho. O exame, que deve ser feito até o sétimo dia de vida, tem sido negado nas unidades de saúde do Município por falta de materiais, conforme denúncia recebida pelo Blog.

Segundo relatos, nas unidades de saúde que dispõe dos aparatos necessários, só são atendidas as mães que moram no mesmo bairro do posto. Isso tem revoltado as mulheres, que tem buscado de todas as formas a realização do exame na rede pública de saúde para seus filhos.

Algumas mães estão mais preocupadas, pois já passou, e muito, o período recomendado para realização do teste nos bebês. Alguns estão prestes a completar um mês de vida e não poderão mais realizar o teste do pezinho, que deve ser feito até o 30° dia após o nascimento.

Essa situação é preocupante e lamentável, uma vez, que o exame é capaz de detectar e tratar muitas doenças precocemente, antes mesmo do aparecimento de sintomas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Imperatriz recebe mais de R$ 2,2 milhões do Estado, mas saúde continua precária

Imperatriz, segunda maior cidade do Maranhão, é um Município privilegiado e muito bem abastecido por verbas estaduais e federais. No entanto, a população padece com a precariedade dos setores básicos, principalmente na área da saúde; o que revolta ainda mais, pois o prefeito Sebastião Madeira e a secretária de Saúde, primeira-dama do Município, Conceição Andrade, são médicos.

As condições precárias dos serviços médicos são totalmente neglicenciados pelo casal, o que prejudica o atendimento nas unidades de saúde, comprometendo o estado clínico dos pacientes. A população que depende dos serviços públicos está à mercê da própria sorte. Sebastião e Conceição Madeira agem em prol dos seus próprios interesses.

Para abastecer, ainda mais, as contas da prefeitura, o Governo do Estado transferiu a rica quantia de R$ 2.265.502,39 ao Fundo Municipal de Saúde de Imperatriz, para atender o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e a Farmácia Básica.

Os valores, que variaram entre R$ 148.367,11 e R$ 1.199.571,75, foram pagos nos meses de março e abril deste ano. Só no último dia 22, foram repassados R$ 1.446.848,60. Infelizmente, é muito dinheiro nas mãos de quem não o sabe administrar em prol da população.

No mês passado, o Blog divulgou uma matéria sobre as irregularidades na pasta da Saúde de Imperatriz, constatadas pela Controladoria-Geral da União (Reveja). O órgão apontou um rombo superior a R$ 11 milhões, em decorrência das fraudes contratuais.

1

2


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Anvisa aprova vacina contra a dengue

G1

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou o registro da vacina contra a dengue produiza pela Sanofi, divisão da Sanofi Pasteur. A informação foi divulgada nesta segunda-feira (28) no Diário Oficial da União.

Na prática, fica comprovada a segurança e a eficácia da vacina. Com isso, a empresa poderá comercializar a ‘Dengvaxia’, que já tinha sido aprovada no México e nas Filipinas no início deste mês, de acordo com a Reuters. Essa é a primeira vacina contra a doença a ser aprovada no Brasil.

A vacina é considerada eficaz na prevenção dos quatro tipos de dengue e poderá ser aplicada em pessoas de 9 a 45 anos, segundo comunicado divulgado pelo laboratório.

No momento não há dados suficientes para a comprovação da segurança de uso da vacina em indivíduos menores de 9 anos de idade, principalmente na faixa etária de 2 a 5 anos, bem como para os brasileiros maiores que 45 anos. O esquema de vacinação aprovado foi o intervalo de seis meses entre as doses, segundo a Avnisa.

De acordo com a Sanofi, o laboratório está pronto para colocar a vacina no mercado nos próximos meses, mas esse prazo vai depender de negociações como as autoridades brasileiras. Um dos próximos passos é a definição do preço da vacina.

A decisão de fornecê-la no Sistema Único de Saúde é do Ministério da Saúde, que levará em conta fatores como a relação entre custo, efetividade e impacto orçamentário.

A Anvisa alerta, no entanto, que a vacina não protege contra os vírus Chikungunya e Zika, transmitidos pelo mesmo vetor da dengue, o mosquito Aedes aegyti.

A contaminação pelo zika vírus está relacionada a uma série de casos de microcefalia. Segundo o Ministério da Saúde, 134 casos de microcefalia foram registrados desde o início do ano no país.

De acordo com a empresa, a ‘Dengvaxia’ reduziu as contaminações por dengue em dois terços dos participantes analisados e evitou oito de dez hospitalizações devido à doença e até 93 % dos casos de dengue severa.

Os documentos que foram apresentados pela empresa farmacêutica em março e, desde então, eram analisados pela Anvisa.

Eficácia contra dengue
Estudos clínicos demonstraram que a vacina foi capaz de reduzir em 60,8% o número de casos de dengue em um estudo que envolveu quase 21 mil crianças e adolescentes da América Latina e Caribe. Em outro estudo, feito com mais de 10 mil voluntários da Ásia, a vacina conseguiu reduzir em 56% o número de casos da doença.

Outro estudo, feito a partir de uma análise combinada dos testes clínicos na Ásia e na América Latina, concluiu que a vacina é mais eficaz a partir dos 9 anos de idade. A partir dessa faixa etária, a vacina é capaz de proteger 66% dos indivíduos contra a dengue.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Saúde

Governo do MA lança concurso com 7.902 vagas para Saúde

O Governo do Estado, por meio da Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), Empresa Pública, criada pela Lei Estadual nº. 9.732, de 19 de dezembro de 2012, lançou na quarta-feira (30) o edital para a realização do processo seletivo público n°03/2015 para preenchimento de 7.902 vagas de cadastro de reserva para cargos de níveis fundamental, médio e superior.

O subsecretário de Estado da Saúde e presidente da Emserh, Carlos Eduardo Lula, explica que o governo está muito feliz em divulgar o edital do seletivo público ainda este ano e que a medida representa um importante avanço promovido na gestão do governador Flávio Dino, que implantou critérios democráticos e transparentes para contratações na área da saúde.

O subsecretário de Saúde informou que de forma gradual, os profissionais aprovados irão começar seus trabalhos na rede estadual, contemplando todas as nossas unidades hospitalares. Os profissionais aprovados no seletivo atual trabalharão em 42 Unidades de Saúde do Estado, distribuídas em seis regionais de saúde: Regional de Codó, Regional de Timon, Regional de São Luís, Regional de Imperatriz, Regional de Presidente Dutra e Regional de Santa Inês.

O seletivo público será realizado pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt (Funcab), e o edital está disponível no site www.funcab.org, contendo todas as informações sobre o certame. As inscrições serão realizadas pela internet no período de 12 de janeiro até 21 de fevereiro. A realização das provas objetivas para todos os cargos será dia 3 de abril e as provas práticas ocorrerão nos dias 4 e 5 de junho, sendo divulgado o resultado final do certame até o dia 8 de julho. Os salários variam de R$ 880 até R$ 4.500, distribuídos entre os cargos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder / Política

Secretária de Saúde repasse de R$ 500 mil para Tuntum

A Prefeitura Municipal de Tuntum conseguiu um belo incentivo do governo Flávio Dino. O gestor Cleomar Tema receberá via Fundo a Fundo.

De acordo com Diário Oficial, Tuntum vai receber a quantia de R$ 500 mil em parcela única do Governo do Estado para aplicar no sistema de Saúde municipal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão / Poder / Saúde

Em Itinga, mesa de cirurgia é apoiada em tábua

Mesa de cirurgia apoiada em tábua.

Mesa de cirurgia apoiada em tábua.

Enquanto o município de Itinga do Maranhão recebe milhões de verbas federais, a prefeita Vete Botelho (PDT) deixa a saúde pública padecendo, inclusive  aqueles que precisam passar por procedimento cirúrgico.

A mesa, que é utilizada no Hospital Municipal Santa Cristina para realização de partos e outros tipos de cirurgias, está apoiada em tábua.

Uma vergonha! O descaso com a saúde na cidade está grande.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

São Mateus avança com melhorias no setor de saúde

Blog da Dalvana Mendes

O prefeito de São Mateus, Hamilton Nogueira Aragão, o Miltinho (PSB), afirmou que o trabalho de sua administração para reformular o sistema de saúde pública do município está obtendo avanços e não tem mais volta. A declaração foi feita na última segunda-feira (27), durante um encontro do gestor com a editora do blog. Segundo o prefeito, desde o inicio de sua gestão, vem desenvolvendo serviços de recuperação, construções, reformas e ampliações nas Unidades Básicas de Saúde em todos os Povoados e Sede da cidade.

– Estamos obtendo avanços significativos na saúde. Desde quando assumimos a prefeitura já realizamos serviços de recuperação, construções, reformas e ampliações das Unidades Básicas de Saúde em todos os Povoados e na Sede da cidade. Hoje o nosso povo conta com espaços públicos mais adequados para consultas médicas e internação – declarou Miltinho.

O gestor mateuense também negou informações equivocadas que foram publicadas em blogs segundo o qual a Prefeitura estaria deixando médicos sem pagamentos. Ele afirmou que mesmo quando assumiu o Município mergulhado em dívidas, nunca deixou os profissionais da saúde sem receber seus vencimentos.

– Essa informação sobre atraso de salários aos médicos está equivocada. Nem quando assumimos o Município mergulhado em dívidas deixamos de efetuar os pagamentos regularmente dos profissionais da saúde – contestou o gestor.

AVANÇANDO AINDA MAIS
Desde o inicio da gestão, Miltinho, vem realizando melhorias no setor de saúde. No mês de junho de 2014, inaugurou a Unidade Básica de Saúde Vereador Francisco Torres, localizada no bairro Piqui. Totalmente equipada, a nova unidade irá atender quase duas mil famílias, através do Programa Saúde da Família.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Funcionários da saúde não recebem salário há cinco meses em Cajari

Foto_ilustração de ação realizada em escola do município pela Secretaria de Saúde

Foto_ilustração de ação realizada em escola do município pela Secretaria de Saúde

Quando a gente acha que já viu de tudo no mundo, o Maranhão surpreende com mais uma daquelas invejáveis atitudes de uma administração pública fadada ao fracasso.

A 200km da capital, a cidade de Cajari passa por maus bocados na área da saúde. Hoje (30), os funcionários do hospital da cidade, Unidade Mista Maria da Paz Cardoso, completam cinco meses sem receber o salário.

A remuneração salarial é lei – 10.243/2001, assim como as formas de pagamento regidas nos artigos 457 a 467.

Contudo, parece que a atual secretária de saúde do município, Camyla Jansen, que se intitula futura candidata à prefeitura de Cajari, inclusive apoiada pelo atual gestor da cidade, Joel Dourado Franco, não sabe das leis e tão pouco das suas obrigações.

Ela e o marido, Capitão Walteir, fizeram uma reunião em sua residência, para conversar com os funcionários e informar que não conseguiriam pagar os salários até dezembro deste ano. Motivo? Só a cúpula deve saber, porque nos bastidores nada se comenta.

Outro fato curioso é que a secretária ainda pediu para que os mesmos funcionários, que não recebem nada desde fevereiro, trabalhassem de graça até o final do ano. Os que aceitaram nada receberão, ao que tudo indica.

Os que não concordaram com o desaforo foram demitidos e saíram pela porta da frente, “com uma mão na frente e outra atrás”.

Dizem que os funcionários que aceitaram a proposta, o fizeram por se sentirem coagidos pelo “manda chuva” da cidade, o digníssimo esposo da secretária, que também é cunhado do prefeito.

Só para lembrar, o Capitão Waltei desacatou o Juiz Osmar Gomes durante o Carnaval do ano passado em Cajari, e o mesmo foi transferido de Viana, onde não trabalhava, para outra cidade bem distante.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Roseana entrega mais 2 hospitais em Maracaçumé e Governador Newton Bello

Foto 1 - SES inauguração Hospital de Maracaçumé foto Nestor Bezerra

A governadora Roseana Sarney e o secretário de Estado da Saúde, Ricardo Murad, inauguram nesta sexta-feira (7) mais duas unidades do Programa Saúde é Vida no interior do estado. Desta vez, serão entregues à população os hospitais de Maracaçumé e de Governador Newton Bello, construídos e equipados pelo Governo do Estado.

“Fico feliz em entregar esses dois hospitais e saber que as populações de Maracaçumé e Governador Newton Bello terão ainda mais qualidade de vida, com mais saúde e tranquilidade no atendimento. E o governo continua investindo de forma efetiva na saúde do Maranhão, entregando unidades em todas as regiões do estado”, declarou Roseana Sarney.

Foto 2 - SES inauguração Hospital de Newton Bello foto Nestor Bezerra

Cada uma das unidades tem 20 leitos de internação clínica, Serviço de Pronto Atendimento (SPA), centro de parto, Raio-x e exames laboratoriais. Dentro da primeira etapa do Programa Saúde é Vida, já foram entregues à população 31 hospitais – sendo 24 unidades de 20 leitos e 07 de 50 leitos – e mais 10 Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Os hospitais inaugurados estão nos municípios de Lago dos Rodrigues, Paulino Neves, Magalhães de Almeida, Morros, Sucupira do Riachão, Jatobá, São Félix de Balsas, São João do Sóter, Primeira Cruz, Bernardo do Mearim, Lago do Junco, Tufilândia, Olho d’Água das Cunhãs, Presidente Vargas, Benedito Leite, Mirador, Itaipava do Grajaú, Jenipapo dos Vieiras, Matinha, Santana do Maranhão, Ribamar Fiquene, Campestre do Maranhão, Santana do Maranhão, Matões do Norte, Grajaú, Barreirinhas, Peritoró, Alto Alegre do Maranhão, Timbiras, Monção e Coroatá.

Semana passada, foi inaugurado o Hospital de Matões do Norte. O espaço é a primeira unidade avançada do Hospital Geral de Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho e presta atendimento de traumas e cirurgias ortopédicas de urgência.

 

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Félix de Holandinha é demitido e secretaria de saúde agora será comandada pelo PMDB

castelo-e-helena

Como já era de se esperar o prefeito da capital, Edivaldo Holanda Júnior, anunciou nesta sexta-feira, 31, mais uma mudança na sua equipe de secretariado.

Dessa vez quem deixa o cargo é o secretário de Saúde, Cesar Félix, que era conhecido como o “Félix de Holandinha” em alusão ao Félix da novela Amor a Vida da Rede Globo.

Informações dão conta de que Felix foi demitido após as manifestações de funcionários do Socorrão que denunciaram as más condições de trabalho, o próximo a ser demitido deverá ser o diretor do Socorrão I.

Quem irá assumir a pasta que Felix ocupava será a vereadora Helena Duailibe (PMDB).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.