Poder

Ministério Público pede que Roseana Sarney devolva R$ 158 milhões para o Estado

roseana-sarney-e1443272517636-940x540

O titular da 2ª Promotoria de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica, Paulo Ramos, pede que a ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, devolva o valor de R$ 158.174.871,97 milhões aos cofres do Estado, segundo documento obtido pelo Blog do Neto Ferreira.

O pedido faz parte da Ação Civil Pública por atos de improbidade administrativa, que foi protocolada pelo Ministério Público, na qual acusa Roseana Sarney, o ex-secretário da Fazenda, Cláudio Trinchão, e mais 8 pessoas de integrar um esquema de concessão ilegal de isenções fiscais na Sefaz. A organização criminosa causou prejuízo superior a R$ 400 milhões ao erário.

O promotor pede também que a ex-governadora perca a função pública, os direitos políticos por 8 anos e o direito de contratar com o Poder Público por 5 anos.

Saiba mais:

Denúncia de corrupção contra Roseana Sarney é destaque na imprensa nacional

Roseana Sarney e procuradores são apontados como membros de organização criminosa

mpma5


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Roseana Sarney e procuradores são apontados como membros de organização criminosa

thumbnail_img-20161101-wa0065

O promotor de Justiça da 27ª Promotoria de Justiça Especializada (2º Promotor de Justiça de Defesa da Ordem Tributária e Econômica), Paulo Roberto Barbosa Ramos, denunciou, em um processo criminal, a ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, os procuradores do estado Marcos Alessandro Coutinho Passos Lobo, Helena Maria Cavalcanti Haickel e Ricardo Gama Pestana, e ex-secretário da Fazenda, Cláudio Trinchão.

Todos são acusados de integrar uma organização criminosa (ORCRIM), que atuava dentro da Sefaz, liderada por Cláudio Trinchão.

Segundo o promotor Paulo Ramos, a existência do esquema foi descoberto após a instauração de um procedimento investigatório criminal, por meio da Portaria n.º 02/2015, para apurar suposta prática de crime de lavagem de dinheiro praticado, em tese, por Euda Maria Lacerda – funcionária da Sefaz-, através de transações bancárias atípicas realizadas em sua conta, o que desencadeou a descoberta da existência de uma verdadeira organização criminosa que atuava no âmbito da Secretaria de Estado da Fazenda do Maranhão (SEFAZ).

Entre os crimes praticados pela quadrilha estão compensações tributárias ilegais de créditos tributários com créditos não-tributários; implantação de filtro no sistema da Sefaz para garantir compensações tributárias ilegais e fantasmas; reativação frequente de parcelamento de débitos de empresas que nunca pagavam as parcelas devidas; exclusão indevida de autos de infração do banco de dados; contratação irregular de empresa especializada na prestação de serviços de tecnologia da informação com a finalidade de garantir a continuidade de práticas delituosas.

Todas essas ações delituosas eram cometidas pelo alto escalão da Secretaria da Fazenda. E na outra ponta, Roseana Sarney também agia para dar continuidade no esquema, de acordo com a denúncia.

“Noutra ponta, essa organização criminosa contava com o decisivo beneplácito de Roseana Sarney Murad, em virtude de ter autorizado acordos judiciais baseados em pareceres manifestamente ilegais”, revelou o promotor.

Paulo Ramos ressalta que procuradores do Estado também tinham um papel fundamental na teia criminosa. Marcos Alessandro Coutinho Passos Lobo, Helena Maria Cavalcanti Haickel e Ricardo Gama Pestana assinaram pareceres manifestamente contrários ao disposto no art. 170 do Código Tributário Nacional, com o único objetivo de desviar dinheiro público, em proveito próprio ou alheio, valendo-se da condição estratégica do cargo que ocupavam.

Se a Justiça aceitar a denúncia, Roseana Sarney e os demais envolvidos no esquema podem ser condenados por organização criminosa, lavagem de dinheiro, peculato, entre outros crimes.

mpma1

mpma2

mpma3

mpma4


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Roseana Sarney declara voto em Fábio Câmara

rosecamara

A ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), afirmou que irá votar, sim, em Fábio Câmara (PMDB). A declaração desmente a informação de que a ex-gestora estaria apoiando Wellington do Curso (PP) durante a corrida eleitoral.

“Ele é do meu partido, portanto não existe outra possibilidade, sou uma mulher de grupo e vou votar de acordo com o PMDB”, frisou Roseana Sarney. A notícia foi confirmada ao Blog do Diego Emir.

A ex-governadora ressaltou que não está participando ativamente da campanha porque não concorda com a escolha de Fábio Câmara para prefeito, pois acha que candidatura não tem força e que o PMDB deveria ter se aliado com algum nome com mais consistência.

“Eu sugeri que ele poderia indicar um nome ao cargo de vice-prefeito de outro candidato, mas não quis saber dessa minha orientação”, explicou.

Durante a conversa, Roseana Sarney declarou que o partido precisa passar por um processo de discussão, mas que para isso é necessário que se saiba antes o resultado das urnas. “Precisamos aguardar o desfecho das eleições para planejar o futuro”, pontuou a ex-governadora.

E sobre a disputa eleitoral na capital maranhense, Roseana disse que concorrência está entre o candidato do governador Flávio Dino e alguém que se apresenta como independente. A ex-governadora disse que Fábio Câmara apesar de estar disputando o cargo de prefeito pelo PMDB, não houve envolvimento por completo dos demais membros partidários.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

61,2% acham governo Flávio Dino igual ou pior ao de Roseana Sarney

O levantamento realizado pelo Instituto Prever-Pesquisa e Consultoria aponta que 32,2% acham que o governo Flávio Dino está igual o anterior. Outros 29% dos eleitores acham que está pior.

Na soma dos dois índices, 61,2% dos eleitores acham o governo Dino igual ou pior do que o governo de Roseana Sarney. A pesquisa realizada entre os dias 22 a 24 de julho revela dados em importantes um cenário específico.

Na sondagem, 35,7% do eleitorado acha que o governo comunista é melhor do que o anterior, fazendo assim um comparativo direto de gestões de ambos. Não sabem ou não responderam somaram 3,1%.

Encomendada pelo Blog do Neto Ferreira, a pesquisa possui margem de erro de 3,7% com intervalo de confiança de 95%, e ouviu 700 pessoas. A sondagem está registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o número MA-02842/2016.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Roseana Sarney quer o PMDB com Wellington do Curso

rose

Mesmo com o apoio incondicional do senador João Alberto, o vereador Fábio Câmara luta para manter a ex-governadora Roseana Sarney engajada em sua pré-candidatura à prefeitura de São Luís.

Segundo o Blog do Marco Aurélio D’Eça, na tarde da última segunda-feira (25), Câmara teve uma conversa tensa com Roseana Sarney, onde dialogaram sobre o futuro do PMDB nas eleições da capital maranhense. O encontro aconteceu na casa do senador João Alberto (PMDB).

Na ocasião, Roseana tentou de todas as formas convencer o vereador a desistir da candidatura e apoiar Wellington do Curso (PP), devido os últimos levantamentos das pesquisas de opinião já divulgadas na imprensa.

A ex-governadora alegou que o vereador não deslanchou como pré-candidato, mas entende que a legenda peemmedebista precisa de protagonista nas eleições municipais e que o apoio a Wellington praticamente consolidaria seu nome no segundo turno.

Fábio Câmara argumentou que, mesmo sozinho, sem apoio de nenhuma liderança do PMDB – e bombardeado dia e noite por essas próprias lideranças – conseguiu chegar em um patamar de 3% a 5% das intenções de votos.

Resta agora saber qual rumo tomará o PMDB de João Alberto, Rosesna Sarney e Ricardo Murad, que possui vários caciques.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Investigação da PF teve início no governo Roseana Sarney

A Polícia Federal iniciou o processo investigatório sobre um esquema de extração de madeiras em áreas preservadas, no ano de 2014, durante o governo Roseana Sarney.

Segundo documentos, obtidos pelo Blog do Neto Ferreira, as investigações começaram a partir de uma fiscalização realizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade – ICMBio, que apurou extrações ilegais de madeira em uma fazenda, localizada no dentro da Reserva Biológica do Gurupi.

“Com base na interceptação telefônica e na quebra de sigilo telemático, foram identificados vários indivíduos apontados pela autoridade policial como supostos integrantes de um esquema criminoso, complexo, altamente articulado e voltado para a prática de vários delitos”, declarou o juiz federal, Ricardo Macieira.

O processo de apuração desencadeou a operação Hymenaea, deflagrada ontem (14), nas cidades de São Luís, Imperatriz, Buriticupu, Açailância, Zé Doca, Alto Alegre do Pindaré, Bom Jardim, Governador Nunes Freire, todas no estado do Maranhão. No Rio Grande do Norte: Tibau, Mossoró, Parnamirin e Natal, e em Capuí no estado do Ceará.

Ao todo, foram presas 21 pessoas, que estariam envolvidas na rede criminosa de extração ilegal de madeiras provenientes da Terra Indígena Caru e da Reserva Biológica do Gurupi.

13695837_1761498920761504_2121317398_n

pf


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Cunhado de Roseana Sarney ganha cargo no Ministério do Meio Ambiente

Do site Ação Popular

caso-lunus-2002-05-original

O governo do presidente interino Michel Temer acomodou hoje o advogado Samir Jorge Murad em um cargo de direção no Serviço Florestal Brasileiro (SFB).

Irmão de Jorge Murad, que vem a ser marido da ex-governadora do Maranhão Roseana Sarney (PMDB), Samir foi nomeado em um despacho do ministro Eliseu Padilha no Diário Oficial da União para ser um dos quatro diretores do Conselho Diretor da autarquia responsável por gerenciar as florestas públicas do país.

O Serviço Florestal Brasileiro é, naturalmente, vinculado ao Ministério do Meio Ambiente, ocupado pelo irmão de Roseana, Fernando Sarney (PV). Samir Murad ganhará cerca de 28.000 reais por mês.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Crise no clã…

Há uma crise familiar entre no clã Sarney/Murad. Prova disso, foi a carta aberta que a deputada estadual Andrea Murad divulgou no Jornal Pequeno.

Andrea informou a desistência da sua pré-candidatura á Prefeitura de São Luis-MA. Uma noticia exclusiva que deveria ter sido divulgada no Jornal O Estado, que pertence à família.

Na capa do jornal pequeno, além da chamada sobre a carta da parlamentar , a manchete é extremamente agressiva ao grupo Sarney: “delação devastadora envolve Sarney e Lobão em propina milionária”.

A atitude de Andrea, segundo fontes do blog, é classificada como uma espécie de recado pela insatisfação com a tia, ex-governadora Roseana Sarney (PMDB).

E isso ainda vai dar muito o que falar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Câmara dos Vereadores aprova homenagem a Roseana Sarney que soa como piada

A piada do ano. A Câmara de Vereadores de São Luís aprovou uma Monção de Aplausos e Congratulações para parabenizar a ex-governadora do Maranhão, Roseana Sarney, pelo seu aniversário, que será nesta quarta-feira (1º).

O pedido foi de autoria do vereador e pré-candidato a prefeito de São Luís, Fábio Câmara.

Uma piada!

thumbnail_IMG-20160531-WA0043


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Orientado por Roseana Sarney, Fábio Câmara critica conselheiro Edmar Cutrim

O vereador Fábio Câmara (PMDB), protagonizou um espetáculo atendendo exclusivamente ao desejo pessoal da ex-governadora Roseana Sarney, ambos do PMDB, na Câmara de São Luís, durante a sessão de terça-feira, 10.

Presidente Municipal do PMDB, Câmara usou da tribuna do legislativo, como serviçal de Roseana, para tecer criticas a Edmar Serra Cutrim, conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

“Quero saber agora com que autoridade o Edmar Cutrim terá de julgar as contas dos gestores no Tribunal de Contas do Estado ao ter abrigado como assessor o filho de Waldir Maranhão. Se fosse outro cidadão, além de ter sido exonerado, teria que devolver o dinheiro recebido”, disse o parlamentar, amando da filha do ex-senador José Sarney.

Fábio Câmara esteve reunido na segunda-feira (09), em São Luís, com Roseana Sarney e teria recebido orientações, inclusive, para atacar o conselheiro do Tribunal, a quem ela detesta desde o posicionamento da família Cutrim – Gil Cutim prefeito de Ribamar e o deputado Raimundo Cutrim – em apoiar Flávio Dino (PCdoB) nas eleições que resultou na derrota do candidato do grupo Sarney, suplente de senador Edinho Lobão.

Para tentar viabilizar sua pré-candidatura dentro do PMDB a prefeito de São Luís, o vereador se submete, desnecessariamente, atacar desafetos da ex-governadora, mas também esquece de manter a mesma postura contra os adversários do seu criador, o ex-secretário de Saúde Ricardo Jorge Murad.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.