Poder

Acusado de mandar executar irmãos Queiroz é preso

Equipe de policiais civis da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) realizou a prisão temporária de Sérgio Lima de Oliveira, 40 anos, suspeito de participação em um duplo homicídio cometido contra os irmãos José Mauro Alves de Queiroz, 57 anos, e José Queiroz Filho, 68 anos.

O crime ocorreu no dia 11 de janeiro deste ano, no Km 10 da BR 135. Sérgio Lima de Oliveira foi preso pela Polícia Civil no Distrito Industrial, nas proximidades do Maracujá. Ele é suspeito de ser o mandante do duplo assassinato.

A prisão, segundo o delegado Roberto Wagner, que está a frente do inquérito policial, foi decretada em função de colhimento de provas testemunhais que informaram que Sérgio Lima tinha desavenças provocadas por motivações financeiras. Os três eram sócios de uma empresa recicladora de óleo.

De acordo com informações policiais, testemunhas delataram que Sérgio Lima se encontrava no local do crime no momento da ação delituosa e teria dívidas com a própria empresa da qual era sócio. O assassinato ocorreu no escritório da empresa.

Sérgio Lima de Oliveira ficará detido para averiguação policial. As investigações prosseguem no sentido de representar provas plausíveis da participação dele no crime e ainda para localizar o eventual executor do duplo homicídio.

A Polícia Civil já tem nome do provável executor, porém prefere manter em sigilo para não atrapalhar as investigações.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.