Crime

Polícia Civil identifica autoria da morte de blogueiro no interior

Roberto Lano, blogueiro assassinado.

Roberto Lano, blogueiro assassinado.

A Polícia Civil, por meio da Superintendência de Homicídios do Maranhão, identificou a pessoa que efetuou os disparos que culminaram com o assassinato do blogueiro Orislândio Timóteo Araújo, o Roberto Lano, ocorrida na cidade maranhense de Buriticupu no dia 21 de outubro deste ano. Ainda de acordo com a polícia, apesar da identificação do crime, não é possível preliminarmente afirmar se o crime é de encomenda e divulgar o nome o autor.

De acordo com o delegado Leonardo Diniz, que coordena as investigações conduzidas pela Superintendência de Polícia Civil do Interior, a polícia já
pediu a prisão preventiva do autor que, de acordo com as investigações, não está mais na cidade de Buriticupu. “Estamos com dificuldades devido ao
feriado do Natal e o recesso da Justiça. No entanto, estamos avançando nas apurações e, em breve, deveremos apresentar concretamente o resultado
deste trabalho à sociedade”, afirmou.

Segundo a SHPP, a apuração do autor do crime somente foi possível após intenso trabalho na cidade onde ocorreu o crime. “A polícia foi mobilizada, com o encaminhamento de equipes até o local do delito para se saber as ligações da vítima com pessoas da região e quem, de fato, está ligado ao
assassinato”, disse o delegado que confirmou ainda a O Estado que as investigações ainda estão em andamento.

Sobre o caso da morte do também blogueiro Ítalo Diniz Barros, de 30 anos, na cidade maranhense de Governador Nunes Freire, no dia 13 de outubro deste ano, até o momento, a polícia ainda não tem informações sobre os autores do crime. “O caso está sendo investigado pela Delegacia de Homicídios, sob a responsabilidade do delegado Guilherme Sousa Filho. As investigações avançaram, no entanto, ainda não temos informações sobre
a autoria”, confirmou o delegado Leonardo Diniz.

Por fim, o delegado entende a cobrança feita pela sociedade, no sentido de elucidar o crime. No entanto, ele faz um alerta quanto, segundo ele, à
complexidade dos assassinatos. “É preciso entender que se tratam de crimes complexos, que necessitam de apurações para que se possa informar
sobre os autores”, informou.

Com informações do Imirante


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

PM prende supostos assassinos de blogueiro

A Polícia Militar de Buriticupu prendeu dois homens identificados como Anderson Pereira de Sousa, vulgo Patrão, de 27 anos e Gilvan Silva, 21 anos, no último domingo, suspeitos de terem participado da morte do blogueiro, Orislandio Timóteo Araújo, mais conhecido como Roberto Lano, ocorrida, no sábado (21), naquela cidade.

De acordo com informações exclusivas obtidas pelo Blog do Neto Ferreira, os dois criminosos se evadiram da delegacia e a fuga foi facilitada por funcionários da delegacia. Fato esse que foi negado pela Polícia Civil.

Conforme informou o delegado de Buriticupu, Diogo Melo, a prisão da dupla não tem relação com a morte do blogueiro, e sim com o porte ilegal de arma de fogo, pois estava em poder dos indivíduos uma pistola de calibre ponto 40, oriunda do estado do Pará, com um carregador contendo uma munição e um veículo Ranger de cor prata, de placas OVP-0277.

O delegado explicou que o calibre da bala que atingiu o blogueiro é o mesmo da arma apreendida, por isso a confusão, mas a participação dos elementos no crime não foi confirmada.

Até o momento a Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), vinculada a Secretaria Estadual de Segurança Pública, que está a frente das investigações das execuções dos blogueiros Ítalo Diniz, morto no dia 13 de novembro, e Roberto Lano, que morreu no dia 21 também desse mês, ainda não apresentou nenhum fato novo ou qualquer indício de elucidação dos crimes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.