Maranhão

A forte atuação de Júnior Verde…

O superintendente federal da Pesca e Aquicultura no estado do Maranhão, Júnior Verde, esteve nos últimos dois meses desempenhando uma forte atuação em pelo menos 25 municípios para a entrega de carteiras de pescadores.

Em Matinha, o superintendente explanou sobre o Plano Safra, uma importante projeto do Governo Federal.

Em Matinha, o superintendente explanou sobre o Plano Safra, uma importante projeto do Governo Federal.

Em um dos encontros que ocorreu no município de Matinha, ele entregou carteiras e detalhou sobre o Plano Safra da Pesca e Aquicultura, que disponibiliza R$ 4,1 bilhões para atender as necessidades do setor com aquisição de canoas, redes, motores, reforma de barcos, tanques escavados, custeio, entre outros instrumentos que podem contribuir com o pescador. Segundo Júnior Verde, a intenção é promover o desenvolvimento com aumento da renda do aquicultor, marisqueira e do pescador.

Junior Vede tem percorrido o Estado do Maranhão desenvolvendo trabalhos de regularização pescadores e aquicultores. Na cidade de Guimarães, um importante município pesqueiro do Estado, foram entregues carteiras de pescadores.

Júnior Verde entregando carteiras ao pescadores de Guimarães.

Júnior Verde entregando carteiras ao pescadores de Guimarães.

Os registros representam a cidadania dos trabalhadores que passam a ter acesso aos benefícios sociais do governo federal. Atualmente o Maranhão é o segundo estado com o alto nível de produção pesqueira.

Dados da superintendência mostram que 280 mil toneladas por ano de pescado é comercializado. De fato, um avanço conquistado nos últimos anos com as políticas de crédito e investimentos do Ministério da Pesca e Aquicultura.

A Superintendência de Pesca no Maranhão tem realizado em colônias e sindicatos reuniões levando informações de suma importância para categoria como o Seguro Defeso e outros benefícios voltados ao custeio da atividade pesqueira.

Em Serrano do Maranhão, Verde inaugurou o Telecentro que disponibiliza acesso a  internet e curso de informatica,

Em Serrano do Maranhão, Verde inaugurou o Telecentro que disponibiliza acesso a internet e curso de informatica,

Outro importante ação foi a inauguração do Telecentro Comunitário em Serrano do Maranhão que tem objetivo principal promover o desenvolvimento social e
econômico das comunidades atendidas, reduzindo a exclusão social e criando
oportunidades aos cidadãos.

Entre as diversas atividades que podem ser desenvolvidas no âmbito da inclusão digital, destaca-se o uso livre dos equipamentos, acesso à internet, cursos de informática básica, curso de navegação na Internet, uso preferencial de softwares de plataforma aberta e não proprietária, conforme as diretrizes do Governo Federal.

Além dessas atividades, o superintendente Júnior Verde ressaltou a importância da produção e compartilhamento de conhecimento coletivo (conteúdos produzidos a partir das capacitações), realização de atividades sócio-culturais para mobilização social e oficinas de alfabetização digital.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Escolha de Cléber Verde enfraquece o setor de pesca no Maranhão

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), durante a campanha de 2010 assumiu o compromisso de criação de uma Secretaria de Pesca no Maranhão. E que entregaria a Pasta para o setor pesqueiro.

O espertalhão Cleber Verde

O espertalhão Cleber Verde

Depois de eleita, a governadora simplesmente esqueceu-se da promessa feita durante a campanha, desconsiderou que o Maranhão tem o segundo maior litoral, a maior concentração de mangues e o maior contingente humano de trabalhadores na pesca do país. E mais: que o Governo Federal tem um Ministério de Pesca.

Nos últimos tempos, sentindo vontade de alavancar o setor, Roseana Sarney decidiu finalmente criar a Secretaria de Pesca. E a principio entrega-la para quem realmente entende do assunto: do setor pesqueiro.

Estranhamente, a governadora atendeu aos misteriosos pedidos do irmão, o empresário Fernando Sarney, para colocar na Pasta o deputado federal Cléber Verde (PRB).

Fernando Sarney, na verdade, quer agraciar o eterno amigo, ex-sócio ex-prefeito e ex-deputado federal Paulo Marinho. Se Verde for ocupar a futura Secretaria assume em seu lugar o suplente de deputado federal, Paulo Marinho Júnior. Aqui fica claro o negócio.

Cléber Verde que foi votado pela maioria dos eleitores das colônias de pescadores do Maranhão, não tem nenhuma ação ou emenda em favor do setor pesqueiro. Hoje é odiado pelos pescadores maranhenses.

O seu irmão Júnior Verde, que ocupa a Superintendência de Pesca do Governo Federal no Maranhão, só entende de peixe quando já está cozido ou frito á mesa. Ele é escrivão de policia. Durante toda a sua gestão não houve nenhum avanço do setor pesqueiro do Estado.

Entregar a Secretaria de Pesca para o deputado federal Cléber Verde, será um equivoco enorme que o Governo irá cometer. É como se Roseana Sarney estivesse levando a pesca no Maranhão do nada a lugar nenhum.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.