Poder

Paviementação vai custar quase R$ 850 mil em Bom lugar

Oitocentos e quarenta e nove mil, trezentos e vinte e oito reais e dezenove centavos (R$ 849.328,19). Esse é o valor absurdo que a Prefeitura de Bom Lugar vai desembolsar com pavimentação e recapeamento das vias urbanas do município.

Os contratos foram celebrados com a empresa E.Araújo Guimarães, no dia 13 de junho. Foi o próprio prefeito, Antônio Sérgio Miranda de Melo, quem assinou o documento. O serviço de pavimentação vai custar R$ 534.610,41 e tem prazo de execução de 90 dias. Já o recapeamento custará R$ 314.717,78 e deve ser executado em 180 dias.

1

bom


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prefeitura de Itapecuru gastou R$ 1,4 milhão em pavimentação de apenas um bairro

A pavimentação asfáltica em ruas de apenas um bairro do município de Itapecuru-Mirim custou a absurda quantia de R$ 1.438.161,71 (hum milhão, quatrocentos e trinta e oito mil, cento e sessenta e um reais e setenta e um centavos).

Empreendimentos Imobiliários Piriri foi a empresa que venceu a licitação e garantiu o contrato gordo. O acordo foi firmado no dia 19 de outubro de 2015 e vigorou até 19 de abril de 2016, mas só foi publicado no Diário Oficial do Maranhão no dia 13 de julho deste ano.

Conforme a publicação, o valor exorbitante do contrato seria destinado à pavimentação apenas do bairro Roseana Sarney, localizado na sede do município de Itapecuru-Mirim, administrado pelo prefeito Magno Amorim.

Vale apenas o Ministério Público averiguar essa contratação suspeita.

itapecuru

a


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prefeitura de Balsas vai pagar R$ 1,4 milhão em pavimentação

A pavimentação asfáltica das vias urbanas do município de Balsas, administrado pelo prefeito Luiz Rocha Filho, vai ter um custo bem elevado. Será gasto a quantia absurda de R$ 1.443.858,41 (hum milhão quatrocentos e quarenta e três mil oitocentos e cinquenta e oito reais e quarenta e um centavos) com o serviço.

O pacto foi firmado com a construtora Construeng, no dia 20 de junho deste ano. O acordo tem vigência de 180 dias.  A contratação deve atender aos interesses da Secretaria Municipal de Finanças, Planejamento e Gestão Tributária.

Na resenha do contrato, aparece a construtora Construeng, inscrita no CNPJ sob o nº 02.354.503/0001-90, como a vencedora do processo licitatório. No entanto, ao realizar a consulta na página da Receita Federal, consta o nome da empresa Consril – Construtora Ripardo LTDA.  Confira:

balsas

a


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Pavimentação vai custar mais de R$ 1,2 milhão aos cofres de Vitória do Mearim

Hum milhão, duzentos e três mil, trezentos e cinco reais e noventa e seis centavos (R$ 1.203.305,96). Essa foi a quantia gasta pela Prefeitura de Vitória do Mearim com a contratação de empresa para executar obras de pavimentação asfáltica no Município.

Foram celebrados dois contratos para a prestação de serviço, no dia 8 de abril deste ano. Ambos foram assinados pela prefeita do município, Doris de Fátima Ribeiro Pearce. A empresa detentora dos acordos é a Tricone Construtora e Serviços, de São Luís.

Um dos contratos, no valor de R$ 418.465.21, especifica que a pavimentação deve ser realizada no Bairro Vila Reginaldo e no Conjunto Nova Vitória. Nesses locais, também deve ser feito os serviços de meio fio, sarjeta e drenagem superficial. 

Já no outro contrato, de maior valor (R$ 784.840,75), diga-se de passagem, não é especificada uma localidade. Diz apenas que o serviço de pavimentação asfáltica deve ser executado no município de Vitória do Mearim. Confira:

a

vitória


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Bela Vista vai gastar quase R$ 1 milhão com pavimentação

As obras devem estar a todo vapor em Bela Vista do Maranhão, haja vista que a Prefeitura vai despender a quantia de R$ 928.816,51 (novecentos e vinte e oito mil, oitocentos e dezesseis reais e cinquenta e um centavos) só com pavimentação asfáltica no município.

O serviço deve ser realizado pela empresa B.A.de Sousa Filho Construção e Incorporação, de São Luís. O acordo foi celebrado no dia 15 de junho deste ano e tem vigência de seis meses. Quem assinou o documento foi o próprio prefeito, Orias de Oliveira Mendes.

Pelo valor destinado, espera-se que os serviços sejam de qualidade e atendam à demanda da população. Confira a resenha publicada no diário Oficial do Maranhão:

bela vista

1


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.