Poder

Palácio dos Leões teme delação de presos pela Polícia Federal

Flávio Dino e o médico Mariano.

Flávio Dino e o médico Mariano.

O Palácio dos Leões demonstrou, obviamente, está preocupado com a probabilidade de servidores e ex-servidores com cargo de comando na Secretaria Estadual de Saúde, presos pela Polícia Federal nesta quinta-feira (16), fecharem acordo de delação premiada.

Uma das figuras que assombra o governo em caso de delatar seria o médico Mariano de Castro Silva, assessor especial da Rede de Assistência à Saúde da SES (Secretaria de Estado da Saúde). Mariano foi preso na 5ª fase da Operação Sermão aos Peixes sob acusação de integrar uma organização criminosa (ORCRIM).

A situação de Mariano é “praticamente incontornável” depois que a Polícia Federal interceptou, quebrou o sigilo bancário e constatou que ele recebeu vantagens indevidas das empresas por ele indicava para serem subcontratadas pelas entidades terceirizadas que detêm contratos com o governo Flávio Dino.

Os investigadores descobriram que Mariano tem um elo com um deputado estadual do PCdoB muito influente no governo. Através deste contato, supostamente, atendia pedidos nada republicano do parlamentar e também se utilizava do cargo de assessor governamental para conseguir contratos entre entidades (ongs) e a empresa que controlava: a Quality Serviços Anestesiologicos Medicos Ltda.

Uma delação de Mariano desmoronaria o Palácio dos Leões.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder / Política

Palácio dos Leões gera mais uma inimizade partidária

flavio-dino-marcio-jerry-940x540

Após o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), chamar o prefeito de São Paulo, João Doria, de Berlusconi do Brasil, que é do mesmo partido do vice-governador, Carlos Brandão, o PSDB, o presidente estadual do PCdoB e secretário de Comunicação e Articulações Políticas do Maranhão, Márcio Jerry, continuou “detonando” futuros aliados políticos.

Na terça-feira (11), após a divulgação da lista da Odebrecht que acusa políticos de receber propinas, Jerry fez um retweet de uma publicação do jornal Folha de São Paulo que tinha como título “Fachin manda investigar Sarney e Costa Neto por suposta propina”.

Valdemar Costa Neto é membro do Partido Republicano (PR) e já foi presidente nacional da legenda, porém, ainda, tem muita força dentro do partido, que agora é comandado pelo senador Antônio Carlos Rodrigues.

Desse modo, o secretário de Comunicação vai afastando qualquer possibilidade do PR apoiar Flávio Dino nas eleições de 2018. Assim, como fez o próprio governador em relação ao PSDB.

Com tais atitudes o Palácio dos Leões vai para o pleito do ano que vem completamente enfraquecido, afinal não é somente com partidos político que a cúpula do PCdoB anda fazendo inimizades, mas também com a imprensa.

marcio


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Palácio dos Leões e Edivaldo querem “executar” Eliziane Gama

flavio-dino-edivaldo-holanda-junior

A pesquisa Data M divulgada nesta sexta-feira (16) deixou bem claro que o Palácio dos Leões e Edivaldo Holanda Júnior, que é prefeito de São Luís e candidato à reeleição (PDT), querem aniquilar de vez Eliziane Gama (PPS) da corrida eleitoral da capital maranhense.

O levantamento mostrou que a candidata do PPS apareceu em 3º lugar com 7,8% das intenções de votos dos eleitores, quase 3 pontos percentuais a menos do que a pesquisa Ibope revelou na última quarta-feira (14), na qual Gama chegou a 10%.

datam1

Em outra sondagem divulgado pelo Data M, no dia 9 de setembro, Eliziane Gama surgiu com 7,9%. Portanto, mais uma vez, o Instituto rebaixou a candidata.

Os números “manipulados” demonstram a clara tentativa do Palácio dos Leões e de Edivaldo liquidar a pepesista da disputa, sem dá a ela qualquer chance de respirar.

Julgando pelo histórico das falhas cometidas pelo Instituto Data M na atual campanha – que já motivaram até denúncias de manipulação à Justiça Eleitoral -, é recomendável olhar com desconfiança os mais recentes números divulgados pelo instituto, cuja relação com o grupo governista, seja municipal, seja estadual, é pública e notória.

Um exemplo bastante claro são os números favoráveis ao prefeito de São Luís, pois nenhuma outra coloca Edivaldo Júnior como vencedor logo no primeiro turno das eleições municipais, ao contrário do que a Data M faz. O último levantamento do Instituto, Holandinha aparece com 40,7% contrastando com a do Ibope que apontou o pedetista com 37% das intenções de votos.

Os palacianos tentam a todo custo afundar Eliziane Gama, ou melhor, executar politicamente, e colocar Edivaldo como vencedor da corrida eleitoral. No entanto, se o resultado apurado favorece o continuísmo, a voz das ruas ecoa outra realidade, muito menos animadora para Holandinha e para os que defendem sua reeleição.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Arnaldo Melo já está com carta de renúncia de Roseana Sarney

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Arnaldo Melo (PMDB), já está com posse da carta de renúncia da governadora Roseana Sarney.

Melo se reuniu com Roseana e deixou há pouco o Palácio dos Leões com o documento que fará amanhã ele se transformar em governador do Maranhão.

Durante o encontro na noite desta terça-feira (09), ficou definido para às 09h de amanhã a cerimônia na Assembleia Legislativa e, em seguida, Arnaldo Melo se descola para o Palácio dos Leões onde receberá a faixa de governador.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.