Poder

Veja a movimentação processual na justiça federal de Nenzim e Pedro Telis

Veja o desenrolar dos processos que o prefeito de Barra do Corda Manoel Mariano de Sousa, o Nenzim (PV), e o seu filho que foi preso pela Operação Astiages da Polícia Federam no inicio deste ano.  Abaixo as movimentações processuais mais recentes:

 

Abaixo movimentação processual de Pedro Telis preso pela Polícia Federal em uma quinta-feira dia, 03, de fevereiro deste ano:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Promotor de Barra do Corda investigará usina de asfalto no município

Fábrica de asfalto

Fábrica de asfalto

Após denúncia titulada “Poluição causada por fábrica de asfalto prejudica moradores de Barra do Corda”, o promotor de justiça Jorge Luís Ribeiro de Araújo da 2ª promotoria de justiça da comarca de Barra do Corda, instaurou procedimento para apurar a degradação ambiental ocasionada pela usina de asfalto localizada no município.

O Ministério Público embasado na Lei Orgânica Nacional e demais disposições legais, investigará os atos de poluição ambiental causado pela empresa de fabricação da massa asfáltica, com características de Concreto Betuminoso Usinado a Quente (CBUQ) no bairro Trizidela.

Segundo informações, a empresa é de propriedade do genro do prefeito de Barra do Corda, conhecido por ‘Inamar Medeiros’, casado com Sandra Helena Telis de Sousa Medeiros, filha de Manoel Mariano de Sousa, o “Nenzim”.

As atividades desenvolvidas na fábrica de asfalto, são potencialmente poluidoras, em razão dos elevados níveis de ruídos, vibrações e poluição do ar pela emissão de gases e material particulado, além de matar a vegetação e reduzir a disponibilidade de alimentos para a fauna, quebrando o ciclo alimentar o que pode causar danos à saúde da população de Barra do Corda. Veja abaixo o

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Professores de Barra do Corda reinvindicam pagamento do ajuste de 2010

Nenzin será precionado pelo reajuste de 2010

Nenzin será precionado pelo reajuste de 2010

Professores da rede pública municipal em Barra do Corda, estão discutindo desta ás 16h da tarde desta quarta-feira, 30, em reunião no Sindicato dos Trabalhadores do Municipais.

A reunião tem por objetivo, organizar uma reivindicar ao Prefeito de Barra do Corda Manoel Mariano de Sousa, o “Nenzim” (PV), o pagamento do ajuste referente ao ano 2010 e outros rateios.

Enquanto isso, verifique (abaixo) o quadro demonstrativo dos valores enviado pelo Governo Federal através do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) ao município de Barra do Corda de 2011 a 2008.

REPASSES DO FUNDEB PARA BARRA DO CORDA EM 2011
Janeiro 3.897.795,26 Julho 2.603.522,02
Fevereiro 3.923.300,86 Agosto 3.036.141,78
Março 2.527.223,46 Setembro 1.438.597,37
Abril 5.283.319,51 Outubro 3.065.135,62
Maio 2.948.051,38 Novembro 2.803.802,55
Junho 3.961.526,19 Total: R$ 35.488.416,00. Pesquisa feita no dia 28/11/2011. Feita no seguinte link: https://www17.bb.com.br/portalbb/djo/daf/Demonstrativo,802,4647,4652,12,1.bbx,

 

REPASSES DO FUNDEB PARA BARRA DO CORDA EM 2010
Janeiro 2.229.231,87 Julho 1.212.907,57
Fevereiro 1.280.744,38 Agosto 2.514.712,04
Março 2.380.532,21 Setembro 2.367.969,94
Abril 3.183.754,74 Outubro 2.442.781,98
Maio 2.676.395,94 Novembro 2.589.402,04
Junho 11.556.245,13 Dezembro 2.895.396,33
Total

 

REPASSES DO FUNDEB PARA BARRA DO CORDA EM 2009
Janeiro 1.433.452,92 Julho 1.094.415,57
Fevereiro 1.672.110,34 Agosto 2.306.878,10
Março 2.267.776,91 Setembro 1.802.729,68
Abril 5.927.959,82 Outubro 2.407.713,17
Maio 3.165.729,29 Novembro 1.357.296,66
Junho 4.602.275,40 Dezembro 2.785.314,92
Total

 

REPASSES DO FUNDEB PARA BARRA DO CORDA EM 2008
Janeiro 1.764.018,69 Julho 1.908.133,05
Fevereiro 1.739.368,71 Agosto 2.083.522,75
Março 1.512.583,23 Setembro 2.012.044,38
Abril 1.578.763,13 Outubro 15.234.175,67
Maio 2.127.469,84 Novembro 2.179.891,12
Junho 1.972.671,14 Dezembro 9.013.858,36
Total

Após a análise desses quadros, evidencia-se que o foco dos professores nesta reunião, deverá ser a aplicação dos recursos conforme determina a Lei nº 11.494/2007, artigo 22: O município deve aplicar menos 60% (sessenta por cento) dos recursos anuais totais dos Fundos serão destinados ao pagamento dos profissionais da educação, incluindo-se aí professores, diretores, supervisores, e demais funcionários de escola (agentes administrativos, vigias, merendeiras e auxiliares de serviços gerais.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Rigo Teles nega apoio de Nenzim a grevistas de Barra do Corda

Deputado Rigo Teles

Deputado Rigo Teles

O deputado estadual Rigo Teles (PV), negou as procedências divulgadas sobre o incentivo por parte do prefeito em ajudar os militares do movimento grevista do Maranhão.

Em contato telefônico, o parlamentar disse que seu pai, o prefeito de Barra do Corda Manoel Mariano de Sousa, o Nenzim (PV), nunca doou lanches ,agua mineral e principalmente um quarto de boi como foi divulgado

Segundo o deputado, o prefeito tem o mesmo seguimento do governo, e nunca iria apoiar a este movimento, e confessou que Nenzim ficou até surpreso com as notas divulgadas de sua ida com o pré-candidato da família Telis, o militar Aderoldo ao batalhão do exercito de Barra do Corda.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Após denúncia, agiota é exonerado da secretaria de Finanças de Barra do Corda

Pedro Teles foi desmoralizado ao sair escorraçado da Prefeitura de Barra do Cora

Pedro Teles foi desmoralizado ao sair escorraçado da Prefeitura de Barra do Cora

No dia, 21 deste mês, o blog denunciou  que” O agiota Pedro Teles, preso pela Polícia Federal na Operação Astiages, reassumiu a secretaria de Finanças em Barra do Corda” (reveja).

Após a denúncia em que chama atenção do Ministério Público, os parentes e aliados políticos do prefeito Manoel Mariano de Sousa (PV), o Nenzim,  se reuniram e decidiram vetar a permanência do filho e agiota Pedro Teles, no cargo de secretário de Finanças do município.

Pedro Alberto Teles de Sousa se quer, chegou a passar (3) dias no cargo mais cobiçado do município, onde todos os recursos passam pela Pasta, só que o agiota foi escorraçado saindo desmoralizado da secretaria por meio de intervenção dos próprios familiares que rejeitam a sua permanência.

Segundo fonte que trabalha da prefeitura, as irmãs Sandra Maria Teles e Sandra Helena Teles de imediato queimou a permanência do agiota no posto, depois da “Operação Astiages” que resultou na prisão de filhos e parentes do prefeito,  Manoel Mariano de Sousa segue apenas as orientações das filhas e do deputado estadual Rigo Teles (PV) hoje desafeto de Pedro Teles.

A briga entre os irmãos por cargos na prefeitura, é de faca e foice, atualmente o ex-secretário de Finanças, vive isolado politicamente em Barra do Corda, onde voltará a atuar com força no ramo ilegal de agiotagem. Atenção Polícia Federa!!!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.