Poder

Ricardo Murad tentou usar desembargadora Nelma Sarney

Desembargadora Nelma Sarney e Ricardo Jorge Murad.

Desembargadora Nelma Sarney e Ricardo Jorge Murad.

Nos autos do processo investigatório que desarticulou o esquema criminoso que atuava na Saúde do Maranhão e que resultou na Operação Sermão aos Peixes, deflagrada pela Polícia Federal, foi constatado que o ex-secretário de Saúde, Ricardo Jorge Murad PMDB), traçou estratégias para impugnar o edital de licitação da atual gestão da SES.

Segundo o relatório obtido com exclusividade pelo Blog do Neto Ferreira, o ex-chefe da Saúde pediu a sua filha, deputada estadual Andréa Murad (PMDB) para que entrasse em contato com o parlamentar Edilázio Júnior (PV), para intermediar um encontro com a desembargadora do Tribunal de Justiça, Nelma Sarney, no intuito de barrar a decisão do juiz Clésio Coelho Cunha. Nelma é casada com o irmão do ex-senador José Sarney.

A Policia Federal afirma que o despacho do juiz se refere a liminar favorável ao Estado para que fosse mantido o edital de licitação. Além disso, Ricardo Murad orienta a filha, o tempo inteiro, como expor o assunto na tribuna da Assembleia Legislativa.

Além de tentar derrubar o edital por meio do Tribunal de Justiça, Murad quis pressionar um conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) para seguir com as estratégias e tentar reverter, ou melhor, reformar, o parecer do magistrado Clésio Cunha.

“Ricardo liga para Flávio, seu advogado, e o chama para falar com Osmario Freire Guimarães, conselheiro do TCE, com objetivo de pressioná-lo a impugnar o edital de licitação pelo TCE” citou a Polícia Federal nos autos.

A assessoria da desembargadora Nelma Sarney informou ao Blog do Neto Ferreira que assuntos privados com o ex-secretário nunca foram tratados e jamais atenderia pedidos dessa natureza. Abaixo a nota:

A desembargadora Nelma Sarney, esclarece que nunca tratou sobre assuntos privados com Ricardo Murad, ou qualquer pessoa a ele vinculada, nem mesmo atuou ou atuará no sentido de interferir no curso de qualquer processo que tramita no Judiciário maranhense.

A desembargadora ratifica que não recebeu e jamais atenderia qualquer pedido dessa natureza que chegasse até ela. Ela reforçou que a magistratura maranhense é formada por homens e mulheres éticos, que julgam com imparcialidade e total autonomia no desempenho de suas funções, não havendo que existir qualquer ilação que coloquem suas atuações sob suspeita.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Três mulheres comandam o Judiciário estadual a partir de hoje

Cleonice Freire (C), Nelma Sarney (D) e Anildes Cruz (E) estarão no comando do Judiciário no biênio 2014-2015

Cleonice Freire (C), Nelma Sarney (D) e Anildes Cruz (E) estarão no comando do Judiciário no biênio 2014-2015

A poucos dias do final do ano em que o Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA) completou dois séculos de existência, o Poder Judiciário estadual passará a ser comandado por três mulheres, algo inédito em sua história. Às 10h desta sexta-feira (20), as desembargadoras Cleonice Freire, Anildes Cruz e Nelma Sarney tomarão posse nos cargos de presidente, vice e corregedora-geral da justiça, respectivamente.

O local da solenidade também leva nome de mulher: o auditório Madalena Serejo, em homenagem à desembargadora falecida em 9 de março deste ano, situado no térreo da sede do Fórum de São Luís, no Calhau.

Para completar, a presidente eleita receberá o cargo da desembargadora Maria dos Remédios Buna Magalhães, empossada na presidência após a renúncia do desembargador Guerreiro Júnior, na última quarta-feira, candidato eleito para membro efetivo do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/MA).

As três integrantes da nova mesa diretora foram eleitas em sessão plenária administrativa, no dia 2 de outubro passado, para o biênio que vai de dezembro de 2013 a dezembro de 2015.

“Precisamos passar 200 anos para que a mesa diretora do Tribunal de Justiça fosse ocupada por mulheres. Vou ter a alegria de dividir o cotidiano da Corte com as duas. Com os senhores, colegas, dividiremos tarefas e responsabilidades”, destacou Cleonice Freire, na data em que foi eleita presidente.

COLAR – A cerimônia desta sexta será aberta pela presidente Buna Magalhães. Ela dará posse a Cleonice Freire, que receberá o Colar Judiciário “Clóvis Bevilacqua”, com o qual são agraciados os desembargadores-presidentes.

A nova presidente assumirá os trabalhos e, em seguida, dará posse à vice, Anildes Cruz, e à corregedora-geral da Justiça, Nelma Sarney.

O discurso de saudação às três magistradas ficará a cargo do desembargador Lourival Serejo. Por fim, a presidente Cleonice Freire fará seu discurso de posse.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Empresário sequestrado é assessor da desembargadora Nelma Sarney

Daniel Prado Smith, que encontra-se em poder de sequestradores deste a noite de ontem (4), é assessor da desembargadora Nelma Sarney.

A assessoria de comunicação do Tribunal de Justiça afirmou que soube do sumiço do servidor apenas pela publicação  exclusiva do  Blog do Neto Ferreira.

A polícia continua sem ter informações do assessor Daniel Prado Smith.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Geral

Nasce filho de Edilázio Júnior

Luca Sarney Costa da Silva na maternidade São Marcos.

Luca Sarney Costa da Silva na maternidade São Marcos.

Nasceu ontem ás 8h de sexta-feira (22), na Clínica São Marcos, em São Luís, o terceiro filho do deputado estadual, Edilázio Gomes da Silva Júnior (PV), com Alina Silva Sarney Costa, filha da desembargadora Nelma Sarney e Ronald Sarney

A notícia foi divulgada em rede social e confirmada no pelo parlamentar ao Blog do Neto Ferreira. A mãe e o bebê passam bem, e a criança se chamará Luca Sarney Costa da Silva.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Nelma Sarney estava em voo que fez pouso emergencial

Desembargadora Nelma Sarney

Desembargadora Nelma Sarney

A desembargadora Nelma Sarney passou por um baita susto na tarde de ontem (21). Por volta de 13h um urubu entrou na turbina do Airbus A320 da TAM com destino a Brasília.

Nelma Sarney disse que o avião chegou a passar 35 minutos sobrevoando o aeroporto Marechal Hugo da Cunha Machado, para que a aeronave pudesse gastar o combustível, a desembargadora disse ainda que os passageiros puderam ver duas explosões na turbina do avião.

Os passageiros que tinham compromisso inadiável foram encaminhados a Brasília em um voo alternativo. Nelma Sarney e outros passageiros que fariam voos internacionais ficaram para que fossem embarcados em outros voos.

De acordo com a imprensa da TAM, o Airbus irá passar por manutenção e a turbina passará por inspeção.

Em 2011, o deputado Roberto Costa (PMDB) denunciou na Tribuna da Assembleia a ameaça da Infraero de fechar ou restringir os voos no Aeroporto de São Luís por causa do excesso de urubus no local. As aves são atraídas à área de pouso e decolagem devido à proximidade do Aterro da Ribeira, onde é depositado o lixo da capital. Segundo o deputado, o próprio ministro Nelson Jobim (Justiça) encaminhou relatório ao Governo do Maranhão alertando para o problema.

A Prefeitura de São Luís, através da Secretaria de Obras e Serviços Públicos (Semosp), informou que está em andamento um estudo sobre uma nova área para aterro sanitário na capital. O resultado do estudo deve ser divulgado em 20 dias.

 

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Nelma Sarney poderá ser interrogada por conselheiro do CNJ

Blog do Itevaldo Júnior

Nelma Sarney

Nelma Sarney

O conselheiro José Guilherme Vasi Werner, do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) estará em São Luís, nos dias 28,29 e 30 deste mês. Werner irá ao Tribunal de Justiça (TJMA) onde fará o interrogatório de um Procedimento Administrativo Disciplinar (PAD).

O nome do magistrado(a) que será interrogado por José Guilherme Werner é mantido sob sigilo. Na ‘lista de apostas’ do TJMA, despontam como os possíveis interrogados a desembargadora Nelma Sarney e o desembargador Jaime Ferreira. Até o momento, apenas especulações nascidas nos corredores do Palácio Clóvis Bevilácqua.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Vereador e guarda municipal de Chapadinha são investigados por pedofilia

Vereador Emerson Aguiar PV e Antonio Gedeao Neto Netinho guarda municipal

O vereador da cidade de Chapadinha Emerson Aguiar (PV) e o guarda municipal que esta a disposição da desembargadora Nelma Sarney, Antônio Gedeão Neto, estão sendo investigados por aliciamento de menores para a prática ilegal da pedofilia.

A Policia Militar e o Conselho Tutelar foram acionados na noite do dia, 7, após denúncias que duas jovens de 16 e 17 anos, estariam embriagadas em plena praça pública do município. Segundo relatos de vizinhos, as duas menores chegaram de carro e foram deixadas no Bairro da Corrente.

O fato registrado e denunciado ao Conselhor Tutelar e ao Ministério Público, por uma professora da escola CEM. Raimundo Araújo, que após uma mulher de nome desconhecido, se passar por madrinha das menores, que no momento estariam em sala de aula, e acabou liberando-as.

Depois do inusitado, as jovens foram vista em um bar na companhia do vereador Emerson Aguiar e Antônio Gedeão Neto, Guarda Municipal licenciado e atualmente a disposição da desembargadora Nelma Sarney.

O depoimento da professora e as denúncias sobre o suposto caso de pedofilia, já se encontra na Promotoria de Justiça do município. Atenção CPI da Pedofilia!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Retorno de Alberto Ferreira nas mãos de Nelma Sarney


Blog do Zeca Soares

Nelma Sarney desembargadora

Nelma Sarney desembargadora

Quem pensa que o presidente da Federação Maranhense de Futebol, Alberto Ferreira se deu por derrotado apos o seu afastamento do cargo pela Justiça está enganado.

Ontem, no último minuto da partida como gostamos de dizer nos jogos de futebol, o presidente da FMF, por meio de seu advogado José Ribamar Marques deu entrada no recurso contra a decisão do juiz Josemar Lopes Santos, às 18h2min.

O processo já foi distribuído e caiu nas mãos da desembargadora Nelma Sarney. A decisão do retorno ou não de Alberto Ferreira à Federação caberá a Nelma Sarney.

Não tenho conhecimento do teor do recurso que foi dado entrada pelo advogado de Alberto Ferreira, mas é claro que o presidente da FMF não quer mesmo deixar a “sua Federação” como tanto gosta de afirmar cair nas mãos de outros.

Vamos ver o que vai acontecer agora. A queda de Alberto Ferreira era um sonho que se transformou em realidade para quase que 100% da comunidade esportiva. A sua volta agora poderá se transformar num grande pesadelo para o futebol.

Como disse antes da decisão do juiz Josemar Lopes Santos, a bola agora está com Nelma Sarney. Ela é quem vai cobrar o pênalti agora. Se vai ser gol ou não só vamos saber nos próximos minutos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Nelma Sarney mantém no cargo prefeita corrupta de Paço do Lumiar

A corrupção continua em Paço do Lumiar

A corrupção continua em Paço do Lumiar

Após articulada feita pela equipe da prefeita de Paço do Lumiar, Bia Venâncio (PDT) na última terça-feira, 20, em que o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Jamil Gedeon, recebeu nove vereadores do município, para tratar da “Nota de Repúdio” depois dos atos de manifesto da população contra a desembargadora Nelma Sarney.

O objetivo dos vereadores na reunião foi tentar pressionar o desembargador Jamil Gedeon, que sempre foi a favor da cassação da prefeita que é recordista em processos por improbidade administrativa, segundo o Ministério Público.

Jamil é conhecido nos tribunais, por não compactuar com certos interesses políticos de alguns desembargadores, até mesmo que em (01) de junho deste ano, o presidente acatou a decisão dos juízes da força-tarefa do projeto “Pauta Zero”, da Corregedoria Geral da Justiça, que afastaram, imediatamente, Bia Venâncio da Prefeitura de Paço do Lumiar.

Vereadores de Paço do Lumiar pressionam o presidente do Tribunal de Justiça, Jamil Gedeon

Vereadores de Paço do Lumiar pressionam o presidente do Tribunal de Justiça, Jamil Gedeon

Já no dia (03) de junho, os advogados da gestora recorreram da decisão, e Gedeon, negou o pedido da defesa que suspenderia a liminar que a afastou do cargo.

Depois do imbróglio no judiciário, a desembargadora Nelma Sarney, que sempre facilitou a vida de Venancio nos tribunais, desta vez conseguiu com que a corrupção permaneça, e por isso, em decisão unanime no Pleno, Bia Venâncio se mantém no cargo surrupiando aos cofres públicos da cidade pacata de Paço do Lumiar.

Moradores do município de Paço do Lumiar esculhambaram com a desembargadora Nelma Sarney

Moradores do município de Paço do Lumiar esculhambaram com a desembargadora Nelma Sarney


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Nelma Sarney tenta politizar as decisões do judiciário

Blog do Itevaldo Júnior

BDesembargadora Nelma Sarney, do TJ do Maranhão

Desembargadora Nelma Sarney, do TJ do Maranhão

A frase que dá título a esta postagem, mais “esses atos tem origem no inconformismo de um grupo político” e “uma flagrante tentativa de intimidação ao Poder Judiciário”, foram o norte da resposta da desembargadora Nelma Sarney, ao satos de protestos realizados na frente do Tribunal de Justiça (TJ-MA), em que ela tem sido o alvo preferencial, e que resultou no texto ” A  insesatez de uma magistrada” (reveja).

“A reclamação se dá na tentativa de politizar as decisões de cunho eminentemente jurídico, cujos desfechos já ocorreram em outros recursos, quando também houve manifestações políticas na frente do Tribunal, sempre no intento de coagir os magistrados a esquecer os direitos e garantias dos cidadãos, para satisfazer as vontades pessoais de quem organiza os protestos”, afirmou.

Segundo a magistrada,  os atos são uma “inequívoca e manifesta vontade de alterar a verdade dos fatos”.

“Os fatos que puseram em  mais uma representação ao CNJ, não são verdadeiros e tem origem no inconformismo de um grupo político que sempre esteve ao lado da prefeita de Paço do Lumiar e de sua família, que por décadas estão inseridos no quadro administrativo daquela cidade”, frisou Nelma.

Nelma Sarney afirmou que em nenhum momento, as lideranças que realizam os protestos “ingressaram com qualquer pedido ou recurso para alegar a minha suspeição para atuar nesse processo ou em qualquer outro feito”.

Ontem, o presidente do TJ-MA, Jamil Gedeon afirmou que “se há pessoas insatisfeitas com algum resultado de julgamento, que esta insatisfação se faça pelas vias legais, por meio de recursos às instâncias superiores, e não com agressões ou ameaças. Os desembargadores e juízes são independentes e gozam de garantias constitucionais e vamos dar todo o apoio para que exerçam suas funções com independência”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.