Poder

Prefeito participa de bolão da Mega-Sena e vai dividir prêmio de R$ 101 milhões

Do UOL

loteria

Os outros 19 ganhadores são da cidade de Jaciara (MT). Cada um vai levar pouco mais de R$ 5 milhões. Esse é o maior prêmio em um concurso regular da Mega-Sena –sem considerar a “Mega da Virada”, que tem regras especiais– desde 2015 e o sexto maior da história da modalidade lotérica.

O município de Jaciara fica localizado na região leste do Mato Grosso (146 km de Cuiabá) e possui 26.519 habitantes, segundo dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Já o município de São Pedro da Cipa (181 km de Cuiabá) tem 4.493 habitantes, segundo o IBGE. Russi disse que não costumava jogar na loteria e só fez a aposta porque a lotérica entrou em contato com ele oferecendo o bolão.

“Eu joguei duas vezes na minha vida, essa semana e um outro sorteio que era da Mega-Sena da Virada, que não ganhei. Meu irmão, deputado Max Russi, sempre joga, mas como ele não respondeu a mensagem, a lotérica me perguntou se eu queria comprar um dos quatro bilhetes que restaram do bolão. Passei na lotérica e paguei os R$ 99,22, mas sem acreditar que ia ganhar”, conta. Ele disse que estava em um jantar na cidade de Rondonópolis (MT) quando foi informado que ele era um dos ganhadores. Ao mesmo tempo, descobriu que outros amigos e conhecidos compraram o mesmo bolão e também ganharam o prêmio

“Eu estava com um amigo, o ex-vereador Rosandro Andrade, que na hora disse que também tinha comprado o bolão. Outros cinco amigos que convivem comigo também ganharam. Conheço todos os ganhadores. Não combinamos de fazer bolão e nem comprar juntos o bilhete da lotérica, mas ontem nos reunimos para comemorar”, conta Russi. O prefeito disse que vai usar parte do dinheiro para pagar contas e guardará o restante para investir. O dinheiro também vai ser dividido na família. “Minha rotina não vai mudar muito porque não ganhei sozinho, a região agora tem 20 milionários. Como meu irmão não jogou e ele é meu sócio em tudo, vou dividir o prêmio na família. Fico feliz em ganhar o prêmio, mas também porque serão R$ 101 milhões que foram divididos e entrarão na economia da região”, destaca o prefeito.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Quadrilha dos precatórios com atuação no MA é desarticulada pela Policia Federal

A Polícia Federal desencadeou na última segunda-feira (30) a operação denominada Triângulo dos Precatórios em Timon e São Luís, com o objetivo de desarticular um esquema que falsificava precatórios.

O Ministério Público Federal e a Caixa Econômica Federal também participaram da operação, que registrou prisões na segunda (30/11) e nesta terça-feira (1º).

De acordo com a PF, três pessoas foram presas em flagrante, uma mulher em Timon e um casal em São Luís. Com essas três detenções, a força-tarefa evitou um desvio de cerca de R$ 190 mil em precatórios.

O golpe envolvia ainda advogados do Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná.

Fraude

O esquema identificado pela Polícia Federal envolvia um grupo criminoso que atuava no estado do Nordeste e aliciava advogados em Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e Paraná. O esquema começava na identificação de pessoas com precatórios do tipo Requisições de Pequeno Valor.

Depois disso, o bando falsificava documentos de identidade, comprovantes de endereço e, com isso, produziam procurações públicas legalizadas para advogados de outros estados. Estes, levantavam os precatórios. Como essa trama envolvia diferentes unidades da federação, ficava mais difícil a identificação da fraude.

Por fim, eram efetuadas as transferências dos valores descontados honorários advocatícios. As quantias eram depositadas em contas bancárias dos envolvidos no esquema e os verdadeiros beneficiários ficavam sem o dinheiro, apesar do processo ter tramitado.

Em nota da Polícia Federal, não foi divulgado o total que os suspeitos conseguiram desviar. Também não foi mencionado quantos advogados participaram da fraude. O nome da operação foi definido em alusão do Triângulo das Bermudas, onde há relatos de misteriosos desaparecimentos de embarcações e aviões.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.