Poder

União entra com ação contra centrais sindicais e pede mais de R$ 1 milhão de indenização

WILT1899.JPG BRASILIA DF BSB 24/05/2017 - NACIONAL - MANIFESTAÇÃO PROTESTO ATO FORA TEMER - Centrais sindicais, partidos de oposição entre outras entidades fazem protesto e pedem a saída do presidente Michel Temer além de Diretas Já na esplanada dos Ministerios, rumo ao Congresso Nacional em Brasilia - NA FOTO Manifestantes colocam fogo em banheiros quimicos usados como barricada durante protesto FOTO: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

A União, por meio da Procuradoria Regional da União – 1ª Região, entrou com uma ação indenizatória contra os movimentos sindicais, que participaram dos atos de manifestação, no último dia 24 de maio, em Brasília.

A ação pede R$ 1.105.057,90 (hum milhão cento e cinco mil e cinqüenta e sete reais e noventa centavos) em ressarcimento aos cofres públicos.

Foram acionados a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB), a Força Sindical, a Central Única dos Trabalhadores (CUT), o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terram (MST), o Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST).

Segundo a União, cerca de 35 mil pessoas ocuparam a Esplanada dos Ministérios Esplanada dos Ministérios para realização de protesto de cunho político.

Porém, após algumas horas, a manifestação se tornou “em verdadeiro exercício de barbárie e depredação do patrimônio público, com utilização de artefatos explosivos e incendiários lançados contra uma série de edifícios-sede de Ministérios e agentes de segurança presentes no local.”, pontuou a União.

A União alega, ainda, que houve participação de integrantes dos movimentos sindicais durante os atos de vandalismo e por conta disso pede o ressarcimento ao Erário.

Leia a íntegra da petição protocolada contra os movimentos sindicais

união


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.