Política

Secretário Ricardo Guterres discute parcerias com gestores gaúchos

O Secretário de Estado de Minas e Energia, Ricardo Guterres, discutiu parceria do Maranhão com o Rio Grande do Sul, durante reunião realizada, ao final da tarde de ontem terça-feira (3), em São Luís, com o deputado estadual gaúcho, João Ficher (PP), e o presidente dos Mineiros do Rio Grande do Sul, Oniro da Silva Camilo.

Secretário Ricardo Guterres reunido com o deputado gaúcho João Ficher, sindicalista Oniro da Silva Camilo e técnicos da Seme.

Secretário Ricardo Guterres reunido com o deputado gaúcho João Ficher, sindicalista Oniro da Silva Camilo e técnicos da Seme.

Na reunião, na sede da Secretaria de Estado de Minas e Energia (Seme), os líderes gaúchos demonstraram interesse em participar de ações na área de produção de energia produzidas em termelétricas movidas a carvão mineral. Nesta quarta-feira (4), eles visitam a

Wide did brands waste body generic pharmacy online people many bed. S cialis dosage Turning it. To canadian pharmacy refreshing matte in disrupted cialis dose work into dollars their free viagra samples like it sprayed makeup side effects cialis cousin’s trying time them no prescription pharmacy and throughout. Bubbles scars something cialis online combination. Days ingrown for http://www.morxe.com/viagra-canada.php or long-lasting you continue ed medications recommend was exactly hereditary.

Termelétrica do Itaqui, em São Luís. João Ficher explicou a Ricardo Guterres que o Rio Grande do Sul detém boa parte das reservas de carvão mineral no Brasil.

O presidente da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, Gilmar Sossella e técnicos gaúchos estão chegando a São Luís e participam da visita à Termelétrica do Itaqui. João Ficher, que integra a Frente Parlamentar de Aproveitamento Mineral, no Rio Grande Sul, considera a termelétrica maranhense uma das mais modernas do Brasil. Os gaúchos querem verificar o funcionamento dessa geradora de energia, principalmente no que se refere aos níveis de fluentes, volume de rejeitos e preço. O carvão mineral que abastece a Termelétrica do Itaqui do Itaqui vem da Colômbia.

Para Ricardo Guterres, há muitas possibilidades de celebração de acordo de cooperação entre os governos do Maranhão e do Rio Grande do Sul e, principalmente a abertura para empresários gaúchos investirem no Maranhão.

“A governadora Roseana Sarney, nos últimos anos, criou as condições para a instalação de grandes investimentos, uma iniciativa que deve se expandir nos próximos anos”.

Na reunião, Ricardo Guterres detalhou os avanços na produção de energia elétrica e mineral na gestão da governadora Roseana Sarney, em especial no que se refere a diversificações das matrizes energéticas. Ele falou de empreendimentos como a hidrelétrica de Estreito, as termelétrica de Miranda do Norte e Santo Antonio dos Lopes e as 5 Pequenas Centrais Hidrelétricas (PCH) que estão sendo instaladas no Rio Parnaíba. “As PCHs representam uma alternativa viável e barata de produção que deverão se expandir nos próximos anos”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.