Poder

Cajari vai gastar mais de 600 mil com serviços elétricos

No dia 29 de agosto deste ano, a Prefeitura de Cajari celebrou um contrato suspeito e valioso com a empresa Aciole S Varão (A 2 Varão Comércio), de Vitória do Mearim. De acordo com o extrato do contrato, publicado no Diário Oficial do Maranhão, o município gastou R$ 617.185,35 (seiscentos e dezessete mil, cento e oitenta e cinco reais e trinta e cinco centavos) com aquisição de material elétrico.

O acordo foi assinado pelo prefeito de Cajari, Joel Dourado Franco, e vigora até o dia 31 de dezembro. Conforme a publicação abaixo, a licitação foi dispensável por ter sido deserta. A licitação deserta é aquela que nenhum interessado comparece à convocação. Neste caso, a licitação torna-se dispensável. Fato, no mínimo, curioso registrado em Cajari.

a

1


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder / Política

Prefeitura de Codó gasta mais de R$ 4 milhões com material elétrico

zito

A Prefeitura de Codó mais uma vez celebrou contratos duvidosos e volumosos. No dia 11 de fevereiro deste ano, o Município firmou quatro parcerias com o objetivo de fornecimento de material elétrico, hidráulico, construção e ferragens em geral para atender as ‘necessidades’ das secretarias.

A ‘prestação de serviço’ vai gerar um rombo de R$ 4.136.622,35 (quatro milhões, cento e trinta e seis mil, seiscentos e vinte e dois reais e trinta e cinco centavos) nos cofres públicos. Os acordos foram firmados com as empresas A. Costa Nascimento-Comércio, detentora de dois contratos com valor total de R$ 250.465,40; com a J.Gonçalves dos Santos Filho & CIA, ganhadora do maior contrato (R$3.511.945,43); e A.F Lobo Mendes Comércio e Serviços (R$374.211,52).

À frente da prefeitura de Codó, Zito Rolim já arranjou diversas parcerias suspeitas, que torraram ciras milionárias.A lista é extensa e continua aumentando. Foi constatado, inclusive, pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (COAF), o envolvimento do Município em irregularidades financeiras.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.