Poder

Prefeito de Barra do Corda persegue 'funcionária pública'

Prefeito de Barra do Corda covardemente persegue funcionária concursada

Prefeito de Barra do Corda covardemente persegue funcionária concursada

Na cidade pacata de Barra do Corda no Maranhão, a população ainda vive na época do coronelismo que é praticado pelo prefeito Manoel Mariano de Sousa (PV) o “Nenzin”.

Simplesmente, “Nenzin” vem perseguindo diariamente uma funcionária de carreira da municipalidade, com mais de 10 anos de serviços prestados, Luciene Nascimento Matos que tem o cargo de Auxiliar de Serviços de Informática (Matrícula-2272-1) é concursada pela prefeitura desta cidade.

A confusão e perseguição por parte do prefeito começou depois, que a servidora participou do “Movimento Contra a Corrupção” idealizado no município de Barra do Corda no dia, 7, de setembro deste ano.

Requerimento

Requerimento

Dias após a marcha, a funcionária se deslocou até a prefeitura no intuito de requerer o período aquisitivo da licença para capacitação do dia, 22, de maio de, 2002, a, 22, de maio de, 2007.

Quando Luciene tentou obter o requerimento assinado pelo prefeito, simplesmente a secretária despreparada em tom de voz alta, disse: “Fique sabendo que o prefeito Manoel Mariano de Sousa, não vai assinar a seu requerimento”, disparou contra Luciene.

O pior. Depois de ter recebido um não como resposta, ela ainda foi transferida para a Vila Miguelzinho, já no final da cidade.

Atos iguais a este mostram o despreparo da atual gestão de Manoel Mariano de Sousa, que age com truculência contra a funcionária concursada, tratando o órgão público como se fosse algo privado.

Porém, “Nenzin” logo saberá que o fim do sono chegará com o barulho da sirene que anuncia a chegada do camburão.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.