Poder

Doações complicam Luciano Leitoa em Timon

prefeito-eleito-luciano-leitoa-psb-73185

O prefeito reeleito de Timon, Luciano Leitoa (PSB), tem complicações com a Justiça Eleitoral, após receber doações de campanha irregulares. Entre as doações ilegais recebidas por Leitoa estariam quatro feitas por beneficiários do Bolsa Família, o que é vedado pela atual legislação eleitoral. Ao todo a Justiça Eleitoral identificou 2899 doações com indícios de irregularidades na campanha de Luciano Leitoa.

A Justiça Eleitoral identificou cinco tipos diferentes de doações ilegais que teriam sido efetuadas em prol do candidato: Doador inscrito em programas sociais do governo, quatro casos; Doador cuja renda conhecida é incompatível com o valor doado, dois casos; Doador sem vínculo empregatício conhecido nos últimos 60 dias anteriores à data da doação, sete casos; Fornecedores com relação de parentesco com candidato ou seu vice, revelando indícios de suspeita de desvios de recursos, 2816 casos; e concentração de doadores em uma mesma empresa, revelando indícios de doação empresarial indireta, 70 casos.

O juiz da 19ª Zona Eleitoral de Timon, Rogério Monteles da Costa está desde a semana passada intimando estes doadores para que esclareçam as doações e apresentem os documentos que comprovem capacidade financeira para fazer doações e cópia dos últimos registros de contrato de trabalho. Caso sejam comprovadas as irregularidades, o prefeito Luciano Leitoa e seu vice, João Rodolfo podem ter a sua prestação de contas reprovada, assim como a cassação do registro de candidatura ou diploma, além de sanção de inelegibilidade por oito anos.

Não é a primeira vez que beneficiários de programas sociais se envolvem em polêmicas no governo de Luciano Leitoa. No final de 2015 a tesoureira da Secretaria de Desenvolvimento Social (Semdes) da Prefeitura de Timon, Márcia Araújo da Silva, foi flagrada como beneficiária de forma ilegal do Programa Bolsa Família. A funcionária pediu desligamento voluntário do Programa, quando a notícia foi veiculada em jornais e blogs de todo o Maranhão, mas acabou sendo exonerada de seu cargo pouco tempo depois.

doacoesluciano


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Prefeito de Timon declara R$ 69 mil em bens à Justiça Eleitoral

O prefeito de Timon e candidato à reeleição, Luciano Leitoa, declarou à Justiça Eleitoral que seus bens estão avaliados R$ 69 mil.

Conforme o detalhamento dos bens declarados ao Tribunal Superior Eleitoral, Luciano informou que possui apenas dois lotes de 10×60 m, localizados no  Bairro Piauí, em Timon. De acordo com os dados fornecidos pelo prefeito, um terreno vale R$ 9 mil e o outro R$ 60 mil.

Na declaração de Luciano não constam casas, apartamentos, veículos e nem dinheiro em conta. O que deixa bem claro a omissão de informações à Justiça. Em contrapartida, o limite de gastos para a campanha de Leitoa é bem elevado: R$ 1.197.588,31.

b


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Educação

Alunos reclamam de goteiras em escola de Timon

prefeito-eleito-luciano-leitoa-psb-73185

Prefeito Luciano Leitoa

Indignados, alunos da escola municipal Marechal Castelo Branco, no município de Timon, registraram a situação da unidade escolar quando chove. No vídeo, é possível ver as inúmeras goteiras, que formam uma cachoeira e alagam a escola.

A situação é ainda mais grave, pois a água da chuva atinge a instalação elétrica, podendo causar um curto-circuito e colocar a vida dos alunos e funcionários da escola em perigo. O que mais revolta é o fato da escola ter passado recentemente por uma ‘reforma’. O Município é administrado pelo prefeito Luciano Leitoa.

Confira o vídeo registrado por um aluno da escola Marechal Castelo Branco:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Promotor pede afastamento do prefeito de Timon por ilícito

Prefeito Luciano Leitoa.

Prefeito Luciano Leitoa.

O prefeito municipal de Timon, Luciano Leitoa, está respondendo a mais uma ação de improbidade administrativa pela má condução da gestão do município maranhense. Desta vez a ação foi motivada pela contratação de escritório de advocacia de forma ilícita.

Na ação, movida pelo Ministério Público do Estado do Maranhão, o promotor de justiça requereu que o Poder Judiciário condene os gestores municipais à perda de suas funções públicas; à suspensão de direitos políticos, pelo período de três a cinco anos e ao pagamento de multa de até cem vezes o valor da remuneração recebida à época do processo licitatório.

O Ministério Público pede contra o escritório condenação à proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais pelo prazo de três anos, como é o caso.

Além de Luciano Leitoa, também são réus no processo a sua chefe de gabinete, Sueli Maria Conceição Barros da Silva Capuama, Patrícia Maria Freire Macedo, Gerson de Sousa Assunção, Neryson Francisco Pereira da Silva e o escritório Advogados Associados.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

TCE aponta superfaturamento de contrato em Timon

O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE) abriu processo para apurar supostas irregularidades em processo licitatórios realizados pela Prefeitura de Timon nos anos de 2013 e 2014 para contratação da empresa Teknik Soluções Tecnológica.

Prefeito Luciano Leitoa.

Prefeito Luciano Leitoa.

Segundo o TCE, na Carta Convite nº 004.002/2013, cujo objetivo é a contratação de empresa para prestação de serviços de instalação e adequação de lógica, através de cabeamento estruturado entre os órgãos públicos de Timon, não foi informada na prestação de contas do município.

O TCE destaca que a empresa Teknik Soluções Tecnológica Ltda. ME não participou do certame nas duas vezes em que foi convidada pela Comissão de Licitação de Timom. E, em seguida, foi contratada pelo valor de R$ 79.759,00, em fevereiro de 2013.

A análise realizada pelo Tribunal de Contas sobre o Pregão Presencial n° 10/2013 constata diversas irregularidades, como o contrato nº 020/2013 que foi efetuada a contratação de 22MB, quando o termo de referência estabelece que cada órgão utilizará no máximo 20MB; falha no edital e julgamento da licitação, pois a Tekinik, a única empresa licitante, não tem Certidão de Registro no CREA, como tinha sido pedido pela Comissão de Licitação.

O TCE detectou também o superfaturamento nos preços contratados, sendo que o valor mensal de link dedicado de internet de 1MB de R$1.280, é totalmente acima dos valores de mercado na época da contratação.

O confronto de valores foi realizado pela Corte, que fez a comparação com o valor praticado no contrato 011/2012, firmado em 13 de dzembro de 2012, cujo valor mensal é de R$ 24.879,00 por 50 MB o equivalente R$497,58 por 1MB.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Prefeito e agência são denunciados na Polícia Federal

Dono da agência e o prefeito de Timon, Luciano Leitoa.

Dono da agência e o prefeito de Timon, Luciano Leitoa.

A Superintendência Regional do Departamento de Polícia Federal do Maranhão e Ministério Público Federal receberam documentos que podem implicar a vida do prefeito Luciano Leitoa (PSB) e empresa Texto e Arte Propaganda Ltda, a Sofia Comunicação, que faturou milhões dos cofres públicos da cidade de Timon.

De acordo com a representação protocolada, há fortes indícios de superfaturamento no uso da verba do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). A agência pertence ao publicitário Zeca Pinheiro, ex-secretário de Comunicação do governo Jackson Lago.

A Sofia Comunicação ganhou contrato e aditivos que acumulam R$ 15 milhões da Prefeitura de Timon. E parte do transferido na conta da empresa – totaliza R$ 2 milhões – foi dinheiro do Governo Federal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Prefeitura de Timon já torrou quase R$ 5 milhões com internet

Prefeito de Timon Luciano Leitoa.

Prefeito de Timon Luciano Leitoa.

O prefeito Luciano Leitoa cortou 30% dos salários dos servidores de Timon alegando crise financeira, mas vem torrando cifras milionárias desde 2013, quando assumiu, com serviços prestado pela empresa Tekynik.

A prestação de serviço é de internet banda larga. A empresa agraciada iniciou em 2013 faturando R$ 477 mil reais; 2014 pulou para R$ 2.1 milhões e, consecutivamente, recebeu R$ 2.2 milhões só nos 10 meses deste ano. Um escândalo que desafia o promotor responsável pela defesa do patrimônio e probidade, Sérgio Martins.

A Tekynik foi turbinada em contratos com 15 secretarias: Educação, Meio Ambiente, Administração, Desenvolvimento Econômico e Turismo, Esporte e Juventude, Desenvolvimento Rural, Cultura, Finanças, Saúde, Desenvolvimento Social, Recursos Humanos, Agricultura, Infraestrutura, Habitação e Planejamento.

A empresa foi criada em 31/01/2013, apenas um mês após a posse do prefeito Luciano Leitoa e ainda que a mesma é gerenciada por um homem chamado Rui, que é marido da atual chefe de gabinete do prefeito e cunhado da secretária de Educação de Timon. Abaixo alguns demonstrativos de pagamentos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Alegando crise e exonerando funcionários, prefeito de Timon torra R$ 370 mil com passagens

Prefeito Luciano Leitoa.

Prefeito Luciano Leitoa.

A Prefeitura de Timon gastou, só este ano, quase meio milhão de reais apenas com passagens aéreas para o prefeito e funcionários do município. As informações foram publicadas no Diário Oficial.

De acordo com as resenhas dos contratos, a empresa Miraceu Turismo LTDA é responsável pelo fornecimento de passagens aéreas para atender as necessidades das Secretarias de Saúde, Educação, Assistência Social, Administração e do próprio prefeito. Foram exatos R$ 370 mil dos cofres públicos gastos com passagens.

Desde 2013 Miraceu Turismo Ltda ganha licitação, referente o fornecimento de passagens aéreas da prefeitura de Timon.

Os contratos foram assinados pelo prefeito Luciano Leitoa (PSB), que parece não se importar com a crise financeira, conforme mostra os contratos no Blog do Kiel Martins.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Contrato e aditivos fazem agência acumular R$ 15 milhões da Prefeitura de Timon

Prefeito de Timon, Luciano Leitoa e Zeca Pinheiro, dono da Sofia Comunicação

Prefeito de Timon, Luciano Leitoa e Zeca Pinheiro, dono da Sofia Comunicação

Enquanto o prefeito Luciano Leitoa (PSB) corta a carne dos servidores com a redução salarial, anunciada no site da prefeitura, a Prefeitura de Timon celebrou contrato e continua fazendo aditivos escandalosos com a empresa Texto e Arte Propaganda Ltda, a Sofia Comunicação.

A Sofia Comunicação, agencia de propriedade de Zeca Pinheiro, ex-secretário de Comunicação do governo Jackson Lago, abocanhou R$ 5.000.000,00 milhões em 2013 da prefeitura, para prestação de serviços de publicidade e propaganda, pelo prazo de 12 meses.

Ainda não satisfeito, Leitoa fez o primeiro aditivo em junho de 2014, com mais R$ 5.000.000,00 milhões, para agraciar novamente a empresa de publicidade.

Espanto mesmo foi quando em meio à crise que assola a cidade de Timon, a prefeitura comunicou o segundo aditivo com a empresa, por mais um ano, no valor de R$ 5.000.000,00 milhões. No contrato de serviço, a Sofia Comunicação atenderia as Secretarias de Comunicação, Educação, Saúde e Desenvolvimento Social.

No dicionário, a palavra crise é definida como um momento perigoso ou difícil de uma evolução ou de um processo. Está em crise é estar na moda e, muitos gestores pelo Brasil a fora tem utilizado o termo para “tentar” justificar suas atitudes absurdas.

O prefeito de Timon então justificou que diante desse quadro, e para preservar o equilíbrio das contas do Município e a manutenção dos empregos, foi obrigado a reduzir, a partir deste mês, em 30 porcento as gratificações dos servidores municipais que ganham acima de mil reais.

Pelo visto, é bem mais fácil retaliar um pai de família que reincidir o segundo aditivo do qual faz Zeca Pinheiro acumular as cifras de R$ 15.000.000,00 milhões.

Primeiro contrato (2013)

Primeiro contrato (2013)

Primeiro aditivo (2014)

Primeiro aditivo (2014)

Segundo aditivo (2015)

Segundo aditivo (2015)

Contrato com a Sofia Comunicação

Contrato com a Sofia Comunicação


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Luciano Leitoa faz alvoroço para inauguração mixuruca em Timon

Luciano Leitoa durante lançamento de projeto voltado para segurança.

Luciano Leitoa durante lançamento de projeto voltado para segurança.

O prefeito Luciano Leitoa (PSB), que não anda bem avaliado nas últimas pesquisas, resolveu sair do gabinete para inaugurar no final da tarde de ontem (26), um poste com uma câmera filmadora localizado no bairro Formosa.

Leitoa foi aos meios de comunicação tentar mobilizar toda população para inauguração do que ele classifica de “sistema de monitoramento”. Ocorre que o governo técnico que ele tanto pregou nas eleições cai mais uma vez por terra.

A inauguração do poste com a câmera contou apenas com funcionários da prefeitura, que não passaram de 50, e o povo que era bom nem deu as caras.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.