Política

Kátia Abreu é expulsa do PMDB

O PMDB, partido do presidente Michel Temer, decidiu expulsar a senadora Kátia Abreu (TO) da legenda. A decisão foi anunciada após reunião do conselho de ética do partido, no qual os integrantes do colegiado aprovaram, por unanimidade, parecer pela expulsão da senadora tocantinense e o cancelamento de sua filiação partidária.

Em nota, o presidente da sigla, senador Romero Jucá (RR), disse que a decisão será “acatada de imediato”. Acusada de ter violado o Código de Ética e Fidelidade Partidária e o Estatuto da sigla, a senadora tem contestado publicamente as reformas trabalhista e previdenciária, das quais se manifesta sempre contrária, e tem feito duras críticas ao governo do presidente Michel Temer.

Kátia Abreu foi Ministra da Agricultura no governo Dilma Rousseff e votou contra o impeachment de Dilma. Desde que se manifestou contrária ao impeachment, no ano passado, o partido se movimenta para retirá-la da sigla.

Leia nota do partido na íntegra:

“NOTA À IMPRENSA

Terminou nesta manhã a reunião do conselho de ética do PMDB nacional. O colegiado acompanhou, por unanimidade, parecer pela expulsão da senadora Kátia Abreu e cancelamento da filiação partidária.

O partido acatará de imediato a decisão do Conselho de Ética, que expulsou a senadora Katia Abreu. A medida demonstra nova fase de posicionamento do partido.

Romero Jucá – presidente nacional do PMDB.”

Do Congresso em Foco


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Deputado solicita à ministra da Agricultura investimentos para o Maranhão

Ministra Katia Abreu

Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, e deputado estadual Júnior Verde.

O deputado estadual Júnior Verde (PRB) solicitou nesta quinta (25), à ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, investimentos em projetos de parques aquícolas, de Carcinicultura, além de uma fábrica de ração e a manutenção do seguro defeso para os pescadores maranhenses. O parlamentar participa da V Reunião do Parlamento Amazônico, que reúne deputados de nove Estados da Amazônia Legal, em Palmas (TO).

Na manhã de hoje, Júnior Verde foi recepcionado pelo governador do Tocantins, Marcelo Miranda, e o presidente do Parlamento Amazônico, Sinésio Campos, no Palácio Araguaia. A programação contou com uma palestra da ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Kátia Abreu, no Plenário da Casa.

“Na oportunidade, aproveitamos para solicitar investimentos na Maranhão para a ministra. Foi um apelo para que o Governo Federal viabilize diversos projetos, como os parques aquícolas nas barragens de Estreito e Boa esperança. Nosso Estado tem todas as potencialidades, entretanto, falta mais atenção. O desenvolvimento deste país passa pelo aumento da produtividade”, informou o deputado.

O Parlamento Amazônico é uma entidade formada por nove Estados que compõem a Amazônia Legal. Dela fazem parte os sete Estados da Região Norte, além do Maranhão e do Mato Grosso. O objetivo é deliberar sobre políticas públicas para a região.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.