Poder

Juiz federal diz que política é território de “homens maus”

Juiz-Carlos-Madeira

O juiz federal do Maranhão, José Carlos Madeira, deixou um recado na página do juiz estadual, Márlon Reis, parabenizando pela decisão de deixar a magistratura para advogar em prol do Partido Rede Sustentabilidade.

No mesmo comentário, o juiz federal polemizou ao dizer que “política é um território de homens maus”.

“Meu amigo, parabéns pela coragem em deixar a Magistratura neste momento. (…)Que Deus lhe abençoe ricamente e lhe proteja, sempre! A política é território de homens maus porque os homens bons dela se esquivam!”, declarou José Carlos Madeira.

Ainda na postagem, o magistrado disse que quando homens bons chegam a política renova as esperanças em relação a princípios da ética. “quando homens bons partem para esse território, sobretudo em momentos como os que vivemos, um alento toma conta de todos os que acreditam na Política com dimensão de ética”, finalizou José Carlos Madeira.

Márlon Reis deixou a Magistratura para se tornar advogado oficial do Partido Rede Sustentabilidade.

IMG-20160426-WA0046


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Juiz Federal lamenta morte de Herbeth Fontenelle

Por José Carlos Madeira

Juiz Federal José Carlos Madeira.

Juiz Federal José Carlos Madeira.

Morre Herbeth Fontenelle e com ele se fecha um círculo do que foi o magnífico jornalismo esportivo do Maranhão. Menino, quando seguia da minha casa para o CEMA no Alto de Fátima, era capaz de ouvir quase todo o programa de Herbeth Fontenelle; da Travessa Neiva Moreira, passando pela Neiva Moreira e Rua do Correio, ia ouvindo o programa de Fontenelle.

De quase todas as casas saía a voz de Fontenelle brandindo polêmicas e alimentando paixões e rivalidades no futebol pobre do Maranhão.., Herbeth Fontenelle fez parte de uma geração de homens iluminados pelo talento que movimentou o rádio AM nas décadas de oitenta e noventa do século passado: Guioberto Alves, Luciano Silva, Jafet Mendes, Jairo Rodrigues, Ruy Dourado, Canarinho, Haroldo Silva… Nomes que ficaram na memória dos que ouvem o rádio AM com devoção, que sentem a magia que as cores da televisão não ousam mostrar.

Vá em paz Herbeth Fontenelle; vá se juntar a Guioberto Alves para ver, do andar de cima, a ascensão da Bolívia Querida a elite do futebol brasileiro!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.