Poder

Prefeita de Guimarães, filha e genro são levados para Pedrinhas

Em entrevista concedida ao Blog do Neto Ferreira, o chefe da Superintendência Estadual de Prevenção e Combate à Corrupção (Seccor), Roberto Fortes, afirmou que as investigações sobre crimes de desvio de verba pública em Guimarães iniciaram em dezembro de 2015.

Segundo Fortes, somente em 2013 os contratos irregulares firmados pela Prefeitura do município somaram quase R$ 3 milhões.

Após a constatação de diversas irregularidades, a prefeita de Guimarães, Nilce de Jesus Farias Ribeiro, foi presa. Além dela, também foram detidos a secretária de Finanças da cidade e filha da gestora, Carlane de Jesus Farias Ribeiro; o pregoeiro do município e genro de Nilce, Railson de Assis Pereira Sodré; o empresário Douglas Pereira Ribeiro; o ex-presidente da Comissão de Licitação de Guimarães, Francivaldo Martins Piedade, o Buiú.

thumbnail_img-20161020-wa0030

Prefeita de Guimarães sendo levada para Penitenciária de Pedrinhas.

As prisões se deram em cumprimento de mandado de prisão temporária expedido pelo desembargador da 2ª Vara Criminal do Tribunal de Justiça, José Bernardo Rodrigues.

Agentes da Seccor cumpriram, ainda, mandados de busca e apreensão na Prefeitura de Guimarães, na lotérica do município, que é de propriedade da gestora municipal e nas residências dos envolvidos.

Todos responderão pelos crimes de fraudes em licitação; superfaturamento de contrato de locação e manutenção de veículos, fornecimento de combustíveis, e serviço de limpeza pública; peculato – apropriação do dinheiro público-, e lavagem de dinheiro.

Os cinco alvos da operação da Polícia Civil foram apresentados na manhã desta quinta-feira (20), na sede da Secretaria de Segurança Pública, em São Luís e depois seguiram para o Complexo Penitenciário de Pedrinhas.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Bandidos explodem mais um banco e assaltam agência dos Correios no Maranhão

Agência do Bradesco explodida por bandidos em Guimarães

Agência do Bradesco explodida por bandidos em Guimarães

A quinta-feira foi bastante agitada para os criminosos, que estão cada vez mais audaciosos e sem medo de agir à luz do dia.
O dia começou com a explosão de mais um banco na cidade Guimarães. Em duas motos, quatro bandidos explodiram os caixas de auto-atendimento. Parte da cidade ficou sem energia após os bandidos dispararem um transformador com a chegada da polícia. Ninguém foi preso.

Só em 2015, 30 casos já foram registrados, um número bastante elevado se comparado ao ano passado, com 45 ações durante os 365 dias do ano.

Em Humberto de Campos, dois homens em uma moto assaltaram a agência dos Correios e durante a fuga entraram em confronto com a polícia e dois policiais foram atingidos. Um investigador levou um tiro de raspão e um tenente da Polícia Militar foi atingido no abdômen e levado para o hospital, em Barreirinhas.

Os bandidos conseguiram fugir.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Sem ambulância em Guimarães paciente é transferido para Cururupu em cima de uma porta

guimarae-310x232

A falta de ambulância na cidade de Guimarães obrigou o motociclista José Antônio Lázaro Louzeiro, de 27 anos de idade, vítima de acidente de trânsito na estrada que liga o povoado Santo Antônio ao Jandiritíua a ser transportado para o hospital na carroceria de uma L200. Ele foi levado para uma emergência em cima de uma porta, utilizada coma maca por populares, com fratura exposta no fêmur.

Em Guimarães, o médico de plantão Dr. Wilson Carvalho atendeu o paciente e logo encaminhou para a Santa Casa de Cururupu. A direção do hospital não tendo outra opção, por não dispor de uma ambulância fez a transferência da vítima na corroceria.

Uma calamidade.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.