Brasil

Sérgio Moro manda soltar ex-ministro Guido Mantega

mantega

O juiz federal Sérgio Moro, responsável pelos processos da Lava Jato, revogou a prisão do ex-ministro Guido Mantega. Ele tinha sido preso temporariamente na 34ª fase da operação, deflagrada hoje.

“Considerando os fatos de que as buscas nos endereços dos investigados já se iniciaram e que o ex-Ministro acompanhava o cônjuge no hospital e, se liberado, deve assim continuar, reputo, no momento, esvaziados os riscos de interferência da colheita das provas nesse momento.Procedo de ofício, pela urgência, mas ciente de essa provavelmente seria também a posição do MPF e da autoridade policial. Assim, revogo a prisão temporária decretada contra Guido Mantega, sem prejuízo das demais medidas e a avaliação de medidas futuras, declarou o juiz.

Do G1


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Ex-ministro Guido Mantega é preso na 34ª fase da Lava Jato

guido-mantega-preocupado1A Policia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (22) a 34ª fase da Lava Jato. Agentes e delegados estão nas ruas cumprindo mandados de busca e apreensão. Um dos alvos da operação é o ex-­ministro da Fazenda dos governos Lula e Dilma Guido Mantega.

Ele não está em casa, pois acompanha uma cirurgia da mulher no hospital Albert Einstein. Segundo a PF, no imóvel estava apenas um dos filhos do ex­-ministro, menor de idade, que não poderia acompanhar sozinho a operação.

Os policiais federais decidiram então ir ao hospital para encontrar Mantega. “Nós só esperamos que não atrapalhem a cirurgia”, o advogado do ex­ ministro, Roberto Batochio. Segundo ele, a ordem de busca e apreensão veio de Curitiba, onde se desenrola a Lava Jato.

Da Folha


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

PF faz condução coercitiva de Guido Mantega na nova fase da Zelotes

Do G1

size_460_16_9_ministro-da-fazenda-guido-mantega
O ex-ministro da Fazenda Guido Mantega foi alvo de condução coercitiva (quando a pessoa é levada a depor e depois é liberada) na 7ª fase da Operação Zelotes, deflagrada nesta segunda-feira (9) pela Polícia Federal.

A condução de Mantega foi autorizada pela Justiça Federal. Investigadores da Zelotes querem apurar a ligação de Mantega com empresa que é suspeita de comprar decisões do Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), ligado ao Ministério da Fazenda.

Ainda segundo os investigadores, Mantega foi citado por suspeitos investigados na operação como amigo de um dos alvos da fase deflagrada nesta segunda-feira, Victor Sandri, dono da empresa Cimento Penha, suspeita de comprar decisões do Carf.

Inicialmente, o pedido da PF para realizar a condução coercitiva de Mantega havia sido negado pela Justiça. Depois, Ministério Público Federal e a PF reuniram novos elementos para embasar o pedido, que acabou sendo autorizado pela Justiça.

Além da condução do ex-ministro, a PF deve cumprir cerca de 30 mandados, de busca e apreensão e de condução coercitiva, na atual fase da Zelotes. Agentes foram ao Distrito Federal e para os estados de Pernambuco e São Paulo.

Nesta 7ª fase da Zelotes também foi alvo de condução coercitiva o ex-conselheiro do Carf José Ricardo da Silva. Ele já foi condenado por participação nas fraudes no conselho e deu depoimento no presídio da Papuda, em Brasília.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.