Poder

População sofre com sistema de Saúde de Buriticupu

Essa é a realidade que vive a população de Buriticupu

Essa é a realidade que vive a população de Buriticupu. O teto cheio de infiltrações

O prefeito de Buriticupu Francisco Primo (PDT) abandonou de vez o sistema público de Saúde do município.

A po­pu­la­ção de Buriticupu não tem mais a quem re­cor­rer, com re­la­ção ao caos em que se en­con­tra a si­tua­ção da saúde pú­bli­ca do mu­ni­cí­pio. Tem sido cons­tan­te as re­cla­ma­ções enviadas ao blog, que so­li­ci­tam uma providencia imediatas da prefeitura.

As consequência da falta de es­tru­tu­ra dos pos­tos de saúde de Buriticupu, a falta de um tra­ba­lho pleno das equi­pes do Pro­gra­ma de Saúde da Fa­mí­lia (PSF’), a enor­me de­man­da do Hos­pi­tal Municipal, e prin­ci­pal­men­te a falta de aten­di­men­to mé­di­co, que tem se tor­na­do cada vez mais ine­fi­caz na ci­da­de.  O morador do município relatou que “Está cada dia mais de­su­ma­na a si­tua­ção da saúde pú­bli­ca em nossa ci­da­de, são in­fi­ni­tos pro­ble­mas que de­mons­tram no sistema de saúde. O prefeito Francisco Primo tem que tomar uma ati­tu­de, caso isso não ocor­ra, mui­tas ou­tras tra­gé­dias irão ocor­rer”, disse o morador.

Se­gun­do informou, o secretário de saúde ig­no­ra a si­tua­ção da po­pu­la­ção que ne­ces­si­ta do sis­te­ma caó­ti­co de saúde do município.

As crí­ti­cas ao sis­te­ma de saúde pú­bli­ca de Buriticupu, não deve ser en­ca­ra­do como uma ati­tu­de opo­si­cio­nis­ta ao prefeito, mesmo ele afirmando que “não liga pra blogs, por que em sua cidade nem todos tem computador”.  Isso serve como uma aler­ta sobre as necessidades urgentes de mudança na forma de assegurar assistência me­di­ca a po­pu­la­ção da cidade pacata de Buriticupu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Direito de resposta do deputado federal Gastão Vieira

Deputado federal Gastão Vieira

Deputado federal Gastão Vieira

O deputado federal e presidente da Comissão de Educação, Gastão Vieira (PMDB), em resposta enviada ao blog, a respeito do post ‘Gastão Vieira destinou emenda para obra inacabada‘, o deputado confirma que foi destinada emenda parlamentar a prefeitura de Buriticupu, só que joga a total responsabilidade na Caixa Econômica Federal, e no prefeito Francisco Primo (PDT).

Embora, mesmo que divida-se a responsabilidade, Gastão Vieira poderia também fiscalizar a origem de sua emenda que foi destinada ao município.

Leia Abaixo, o direito de resposta do deputado federal Gastão Vieira.

A emenda parlamentar foi destinada para a obra citada sim, como várias outras que fiz ao longo de minha carreira parlamentar. Agora, quanto a execução da obra, divide-se a responsabilidade entre a Caixa Econômica Federal, de fiscalizar para que seja efetuada a liberação do recurso, e da Prefeitura Municipal, de concluí-la. Não me manifestei antes porque não fui procurado pelo autor do blog para dar a minha versão do assunto tratado.

GASTÃO VIEIRA


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Gastão Vieira destinou emenda para obra inacabada

O prefeito de Buriticupu Francisco Primo (PDT) recebeu mais de R$ 400 mil através de emenda parlamentar do deputado federal e presidente da Comissão de Educação, Gastão Vieira (PMDB) para realização da construção de um Balneário que beneficiaria o povoado de sagrima em Buriticupu.

A obra ficou orçada no total de R$ 445 mil, o recurso destinado a prefeitura de Buriticupu foi depositado na conta em dezembro de 2008 pelo Ministério do Turismo.

Até hoje, a estrutura da obra se encontra totalmente comprometida com varias rachaduras, na época a empresa vencedora da licitação foi a construtora Malta, que pertence ao engenheiro Joao Carlos que sempre é favorecida em Buriticupu

O ocorrido já chegou a Superintendência da Polícia Federal através de uma denúncia feita por moradores do povoado sagrima.

Até o momento, o deputado federal Gastão Vieira não se pronunciou a respeito da emenda enviada para a prefeitura de Buriticupu.

Informações passadas ao blog há uma equipe da Folha de S. Paulo investigando o destino dos recursos enviados através de emenda parlamentar para o município de Buriticupu. Isso vai gerar uma repercussão nacional. Aguardem!


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Bomba! Polícia Federal investiga prefeito de Buriticupu

Francisco Primo é um dos alvos da investigação da PF do Maranhão

Francisco Primo é um dos alvos da investigação da PF

Durante a Operação Geleira 01, que foi deflagrada pela Polícia Federal do Piauí no inicio deste ano, onde foram presos sete prefeitos, dois ex-prefeitos e mais 21 contadores, secretários, advogados, assessores e lobistas, acusados de desvios de verbas de prefeituras.

A Operação foi motivada por desvio de recursos públicos destinados pelo Governo Federal à Prefeituras que seriam utilizados em ações do Fundeb (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica) e do SUS (Sistema Único de Saúde).

Antonio Sérgio Neto, proprietário da Remac Odontomédica Hospitalar

Antonio Sérgio Neto, proprietário da Remac Odontomédica Hospitalar

Em conjunto, a Polícia Federal do Piauí e do Maranhão estão preparando a Operação Geleira II. No Maranhão além das prefeituras envolvidas de Balsas, Pirapemas, Caxias, Santa Inês, Colinas, Estreito, Monção e Arame.

Também há fortes indícios de esquema na prefeitura de Buriticupu, onde o prefeito Francisco Primo (PDT), esta sendo investigado pela Polícia Federal por manter contrato com Antonio Sérgio Neto, proprietário da empresa Remac Odontomédica Hospitalar LTDA desde 2005.

A Remac Odontomédica Hospitalar LTDA que tem sede em Teresina na Rua Barroso, foi citada pela Polícia Federal do Piauí por compra de notas “frias” e fornecer para órgãos públicos.

Abaixo a relação de empresas a serem pagas pela prefeitura de Buriticupu em 2005:

 

Empenho a pagar

Empenho a pagar

Vejam a relação abaixo divulgada pela Polícia Federal do Piauí de pagamentos efetuados para Remac Odontomedica Hospitalar LTDA, por prefeituras do Piauí.

Empresas que compram notas "frias" e fornecer para órgãos públicos.

Empresas que compram notas "frias" e fornecer para órgãos públicos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.