Crime

Inquérito aponta esposa como suspeita da morte de jornalista

1460711896-998211366

Três meses depois do assassinato do jornalista João Domingos França Costa, no município de Cajapió, a Polícia Civil, por meio da 6ª DRPC de Viana, conseguiu elucidar o crime.

A esposa da vítima, Maria da Graça Silva Pimentel, de 29 anos, é suspeita de encomendar a morte do jornalista, segundo inquérito.

Nessa quinta-feira (14), ela e o suspeito da execução, Hairton da Conceição Serra Ribeiro, de 27 anos, foram presos. As investigações seguem a linha de que ela matou o marido visando seus bens.

O jornalista foi assassinado com um tiro no tórax no dia 14 de janeiro, enquanto descansava em uma rede no quintal de seu sítio. Ele morava em Brasília, mas passava férias em Cajapió, onde nasceu.

Imirante


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Justiça aumenta pena do assassino confesso de Décio Sá

A 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA), em sessão extraordinária nesta quarta-feira (18), decidiu aumentar a pena de Jhonathan de Sousa, assassino confesso do jornalista Décio Sá.

Jhonathan de Sousa executor de Décio Sá.

Jhonathan de Sousa executor de Décio Sá.

Condenado em julgamento anterior ao cumprimento de pena de 25 anos e três meses, ele teve sua condenação agravada para 27 anos e 5 meses de reclusão, em regime inicialmente fechado. Ficam mantidas as demais penas determinadas pela Justiça de 1º Grau.

Na mesma sessão, o colegiado anulou o julgamento de Marcos Bruno Silva de Oliveira, que foi condenado a 18 anos e três meses de reclusão, por garantir fuga ao executor do crime, Jhonathan de Sousa. Com a nova determinação judicial, ele será submetido a novo Tribunal do Júri Popular.

Os processos – que ficaram sob a relatoria do desembargador José Luiz Almeida – referem-se às apelações criminais interpostas pela defesa dos acusados e pelo Ministério Público do Maranhão (MPMA), ambas solicitando reforma da decisão da 1ª Vara do Tribunal do Júri, proferida em fevereiro de 2014.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem baleado em hospital morre em Coroatá

Romário Machado Oliveira foi alvejado dentro de hospital

Romário Machado Oliveira foi alvejado dentro de hospital

Romário Machado de Oliveira (25 anos), que foi baleado com três tiros no Hospital Macrorregional, em Coroatá, faleceu na tarde de ontem (16).

Um homem mascarado pulou o muro da unidade de saúde e atirou contra a vítima, que estava na enfermaria recuperando-se de uma cirurgia, após ter sofrido uma tentativa de homicídio dias antes.

Romário tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas e roubo de motocicletas. A polícia suspeita de que a execução esteja envolvida com delitos da vítima.

Sobre a insegurança no hospital, a Secretaria de Estado da Saúde emitiu nota informando que intensificou a vigilância dentro das unidades de saúde e estuda a
possibilidade de colocar seguranças armados.

A polícia está em busca do suspeito que alvejou Romário.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Agiota é executado em São Luís

Foi executado na noite de segunda-feira (06), um homem conhecido como Edson, no bairro da Cohab, em São Luís. Ele estava em uma caminhonete Hilux, quando foi atingido pelos disparos.

De acordo com a Polícia Militar, Edson levou 15 tiros e morreu no local. Ainda de acordo com a Polícia, a vítima foi deixar a esposa na academia quando pistoleiros o abordaram e efetuaram os tiros.

O crime levou curiosos ao local, além de uma parenta de Edson que aparece no vídeo acima lamentando o trágico acontecimento.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Jovem de 22 anos é executado em frente a shopping em São Luís

Um jovem de apenas 22 anos foi executado no fim da manhã desta terça-feira (23), em frente ao Shopping da Ilha, no bairro Maranhão Novo, em São Luís. Segundo o comandante do 8º Batalhão da Polícia Militar (BPM) Major Décio, a vítima, que foi identificado como Giliard de Sousa Pereira, estava atrás de um ponto de ônibus quando foi surpreendido por um tiro disparado por um homem de cabelos grisalhos.

Jovem de 22 anos foi executado a tiros em São Luís (Foto: Jéssica Melo / TV Mirante)

Jovem de 22 anos foi executado a tiros em São
Luís (Foto: Jéssica Melo / TV Mirante)

“O que eu consegui apurar até o momento foi que a vítima estava atrás de uma parada de ônibus quando um homem de cabelo grisalho atirou contra o rapaz. Ele o alvejou na direção da cabeça e ele teve morte instantânea”, relatou o major.

O militar também disse que, após o crime, o suspeito teria fugido em um veículo de cor preta em direção ao bairro do Ipase, na capital maranhense. “O atirador efetuou o disparo e depois de cometer o crime, ele atravessou a avenida, entrou em um carro preto e fugiu em direção ao bairro do Ipase”, afirmou.

O Major Décio acredita em execução, já que as circunstâncias do ocorrido possuem todas as características deste tipo de crime. “Pelo o que nós apuramos e pelas características da situação, o crime tem todo o indicativo de ser crime de execução”, afirmou o comandante do 8º BPM.

Giliard de Sousa Pereira era natural da cidade de Turiaçu, a 152 km de São Luís. (DO G1MA).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Polícia é conivente com execução de mecânico em Vitória do Mearim

O vídeo acima mostra o vigilante identificado por Luiz Carlos, funcionário do município de Vitória do Mearim, dando ordens a policias para colocar o corpo de Irialdo Batalha – executado com dois tiros – dentro da viatura. Assista acima o vídeo extraído do Atual 7


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Agente é executado em São Luís

Mais um caso de pistolagem foi registrado em São Luís. O fato aconteceu na Cohab Anil, onde um agente penitenciário foi assassinado a sangue frio por três homens.

Segundo informações, três elementos entraram em uma restaurante que fica atrás do colégio Arnaldo e efetuaram um disparo na cabeça do agente penitenciário. Os bandidos fugiram em uma bicicleta rumo ao bairro da Vila Isabel.

A vitima Frank Pereira Martins trabalhava na função de agente do Complexo Penitenciário de Pedrinhas. O motivo do assassinato não foi descoberto, porém está sendo investigado pela polícia.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Acorda, Aluísio Mendes! Município de Bequimão nem viaturas têm

Um assassinato registrado no último sábado (11) na cidade de Bequimão assustou toda a população. O empresário João Delbinha foi assassinado com dez tiros na frente do filho e da esposa.

Quatro bandidos armados invadiram o estabelecimento comercial do empresário, um hipermercado de gêneros alimentícios. Os assaltantes procuravam por um cofre que segundo eles teria a quantia de R$ 500 mil reais, o que não foi encontrado no local.

Irritados com a situação roubaram a quantia de R$ 2 mil reais e pertences das vitimas que foram feitas reféns, como relógio, cordão e celulares.

O empresário estava chegando no hipermercado localizado na avenida Antônio Dino, no centro da cidade, quando deu de cara com os bandidos. Mesmo sem reagir, foi assassinado cruelmente com dez tiros.

Após o fato ter sido consumado os bandidos fugiram. Familiares solicitaram viaturas militar para saírem em busca dos assaltantes e para piorar a situação foram informados de que as únicas duas viaturas da cidade estavam no prego. Uma sem gasolina e a outra com a bateria descarregada. Uma lástima!

Parentes da vítima estão revoltados com o péssimo desempenho da polícia, já que eles afirmam ter provas que possa levar a prisão dos bandidos.

Um dia após o assassinato, populares acharam uma bermuda utilizada por um dos bandidos suja de sangue com a quantia de R$ 190,00 reais.

Assim como em São Luís, nos municípios maranhenses a Segurança Pública é uma lástima. A população fica refém da bandidagem e a Polícia dormindo no ponto, a exemplo de Aluísio Mendes


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.