Poder

Dados revelam que duas mulheres são agredidas por dia em São Luís

violencia-contra-mulher-21455285497

As estatísticas de agressão e violência sexual contra mulheres em São Luís são alarmantes. Em média, 2 casos de lesão corporal são registrados por dia.

Em 2016, a Delegacia da Mulher, localizada na capital maranhense, registrou 695 ocorrências de agressão contra mulher, 41 casos a mais do que em 2015, que contabilizou 654.

De janeiro até junho de 2017, 368 mulheres foram agredidas pelos seus companheiros, pais, irmãos e/ou parentes, o que equivale a 2 casos por dia.

O Blog do Neto Ferreira também apurou dados acerca de estupros e verificou que os números quase dobraram de 2015 para 2016.

Há dois anos, 16 mulheres foram estupradas, segundo a estatística da Delegacia da Mulher. Já em 2016, 26 sofreram abusos sexuais. Entre janeiro a junho de 2017, foram registrados 22 casos de estupros. A tendência é aumentar.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Técnica de enfermagem acusa endocrinologista de violência sexual, em São Luís

1494952004-431551722

Nesta terça-feira (16), uma técnica de enfermagem procurou a Delegacia Especial da Mulher (DEM), em São Luís, relatando ter sofrido abuso sexual por parte de um médico endocrinologista. Segundo a delegada Wanda Moura Leite, titular da DEM, a técnica afirmou que procurou o médico por recomendação de sua ginecologista, já que havia a suspeita de que a paciente estava com problemas hormonais.

E, ao chegar na sala do endocrinologista, a técnica de enfermagem afirma que ele pediu para examiná-la.

“Ela conta que durante o exame, por várias vezes, o médico introduziu o dedo na vagina dela como se quisesse excitá-la. Depois começou a roçar o pênis nela e até tentou levar a mão da paciente ao seu órgão sexual. Diante disso, a jovem disse que ficou assustada e foi que percebeu que o médico estava com a calça aberta. De imediato ela se levantou e reclamou da atitude do médico. No entanto, ele disse pra ela que isso era um procedimento normal. Revoltada com a situação, a técnica de enfermagem procurou a delegacia para prestar queixa contra o endocrinologista”, relatou a delegada Wanda Moura Leite.

Na delegacia, a técnica disse que o médico, que atende em uma clínica no Anjo da Guarda, aparenta ter em torno de 60 anos. “Ela relata que não imaginava que o médico fosse capaz disso, já que aparentava ser uma pessoa idônea. A jovem ainda conta que foi à clínica na companhia do marido, o qual ficou do lado de fora do consultório, sem saber que a mulher estava sendo vítima de uma violência como essa. É importante ressaltar que a própria vítima foi quem pediu que o caso fosse divulgado, pois ela disse que da mesma forma que foi violentada, pode haver outras mulheres que passaram pela mesma situação”, contou a delegada.

Ainda de acordo com Wanda Moura Leite, o caso está sendo investigado. A técnica de enfermagem já passou pelo exame de conjunção carnal e aguarda o resultado do mesmo para comprovar a violência. Já o médico denunciado ser chamado em breve para ser ouvido na DEM. Além disso, a jovem também foi encaminhada à Defensoria Pública do Estado para que entre com uma ação contra a clínica na qual o endocrinologista atende.

A delegada Wanda Moura Leite ressalta que qualquer mulher que tenha sofrido algum tipo de abuso deve procurar a Delegacia Especial da Mulher, para que esse tipo de crime não fique impune.

Do Imirante.com


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Criança de 4 anos é vítima de violência sexual em Codó

G1,MA

crianca-abuso

Uma criança de apenas quatro anos de idade foi vítima de violência sexual no povoado Km 17, situado na zona rural de Codó, a 290 km de São Luís.

De acordo com a mãe da vítima, que preferiu não se identificar, contou que o seu filho foi abusado de forma violenta por um adolescente de 14 anos no quintal da casa do infrator.

“Ele foi até a porta da minha casa pegou pelo o braço e saiu arrastando. Levou para dentro da casa da mãe dele e levou para o fundo quintal. A mãe dele chegou e disse ‘meu filho o que é isso aí?’. Ele saiu correndo e deixou o menino”, relatou a mãe da criança.

Conselheiros tutelares que acompanham o caso pediram ao delegado que preside a investigação que expedisse uma ordem para que um exame de conjunção carnal fosse feito na criança.

O delegado Rômulo Vasconcelos, responsável pelo caso, afirma que ainda nesta semana a vítima será ouvida em uma audiência especial com a participação de um juiz e um promotor de Justiça. Ele acrescenta que já está trabalhando na tentativa de apreender o adolescente infrator.

“Na verdade as duas casas em que nós fomos não localizamos e por isso é que a gente está pedindo a sua internação desse ato infracional desse menor, mas ele já está identificado e tem toda qualificação dele. A fuga é um ato que independe da vontade da autoridade policial. A diligência nós fizemos e lógico que tem vários casos que as pessoas fogem, mas as pessoas vão ser identificadas. Nós vamos pedir o que a Justiça nos cabe e esperamos o trabalho da Justiça para dar internação o mais rápido possível”, finalizou o delegado.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem acusado de estuprar crianças é preso na casa da mãe das vítimas

1468829632-509072345

Na noite desse domingo (17), as Polícias Civil e Militar do Maranhão recapturaram um fugitivo da Delegacia de Santa Luzia do Paruá. Lucas Lopes Costa Ferreira, 20 anos, é acusado de ter abusado sexualmente de duas crianças, uma de 7 e outra de 8 anos de idade.

Segundo informações policiais, o jovem foi encontrado em uma casa no bairro Parque do Sabiá, em Santa Luzia do Paruá, por volta das 20h. O fugitivo estava escondido na residência de Francisca das Chagas Bezerra dos Santos, 24 anos, com quem mantém um relacionamento.

De acordo com a polícia, Francisca das Chagas é mãe das meninas estupradas. A mulher foi presa por dar guarida a um fugitivo da Justiça.

Além das prisões, a polícia apreendeu uma pequena quantidade de substância análoga ao crack encontrada na residência


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime / Judiciário

Prisão é decretada de cinco pessoas por quebradeira em delegacia de Urbano Santos

Foi decretado, nesta quinta-feira (26), a prisão preventiva de cinco pessoas suspeitas de participar de atos de vandalismo durante manifestação realizada pela população de Urbano Santos. De acordo com o processo investigatório, conduzido pela Polícia Civil, os suspeitos teriam atentado contra os prédios públicos com motivos alheios aos da manifestação e teriam a finalidade de destruir processos e libertar criminosos. Quatro pessoas já foram detidas e encaminhadas para a Unidade Prisional de Chapadinha, a quinta continua foragida.

A manifestação que levou centenas de pessoas à delegacia decorreu da prisão e possibilidade de transferência de um acusado de ter estuprado e assassinado uma criança de seis anos naquele município. A menina teria desaparecido no último sábado (21) e só foi encontrada no dia seguinte, em um matagal próximo da residência dos pais, ainda com vida. Apesar dos esforços para salvar a criança, ela faleceu a caminho do hospital. O crime teve grande repercussão e comoveu todo o Estado.

A prisão do suspeito aconteceu nessa terça-feira (25) e ele foi levado, juntamente com testemunhas, para depor na delegacia da cidade. Sabendo da prisão, a população se deslocou para a porta da unidade policial, onde passou a reivindicar a entrega do suspeito do crime.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Urbano Santos vira terra sem lei

O vídeo acima faz parte da intensa movimentação de moradores da cidade de Urbano Santos, que tentaram invadir a delegacia para fazer justiça com as próprias mãos.

A população está transtornada com a morte de uma criança de 6 anos de idade vítima de estupro. Ela foi encontrada ainda em vida, mas não resistiu quando foi levada para o hospital.

O medo é o reflexo da insegurança que afeta não somente Urbano Santos, mas todas as cidades do Maranhão com o número inexpressivo do efetivo das Polícias Civil e Militar.

Embora não seja de sua responsabilidade, Iracema Cristina Lima Vale, prefeita da cidade, deveria orientar os órgãos competentes, inclusive, cobrar do secretário de Segurança Pública a transferência imediata dos estupradores para São Luís ou presidio mais próximo.

Faltou, sem sombra de duvidas, o papel institucional do poder executivo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Professor é preso em Carolina suspeito de estuprar e aliciar

A Equipe de Investigação de Carolina, composta pelos IPCs Noleto, Marcelo e Arcileu, comandada pelo delegado Elmerich, deu cumprimento a mandado de prisão preventiva de Edvan Castro Júnior e busca e apreensão na sua residência, acusado de estupro de vulnerável.

As investigações que duraram meses elucidaram ação criminosa do autor que se aproveitava da condição de professor para aliciar e abusar de garotos menores.

Após uma campana de horas os policiais prenderam o Indivíduo em sua residência, na mesma foram apreendidos celulares e notebook de sua propriedade. O crime chocou a cidade e a sociedade clamava pela prisão do infrator.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem suspeito de estuprar criança de 7 anos é preso em Imperatriz

Ranyel Sena/Foto: Antônio Pinheiro

Ranyel Sena/Foto: Antônio Pinheiro

Ranyel Silva Sena, de 23 anos, foi preso ontem à noite em Imperatriz acusado de ter estuprado uma criança de 7 anos no mesmo dia.

O crime aconteceu no bairro Parque Alvorada II e o suspeito foi encaminhado para delegacia de Davinópolis, onde ficará preso para prestar esclarecimentos até que a polícia conclua as investigações para confirmar sua participação.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homens são presos por estupro em Açailândia

Homens acusados de estupro em Açailândia

Homens acusados de estupro em Açailândia

Dois jovens foram presos na cidade de Açailândia durante o final de semana, acusados de estuprarem uma mulher no final de semana, no povoado de Pequiá, em Açailândia.

Raimundo Nonato R. Pereira (19 anos), e um adolescente de 12 anos foram presos em flagrante após denúncia do marido da vítima, que conseguiu fugir após três meliantes terem roubado o celular das vítimas. O terceiro participante conseguiu fugir.

A vítima foi levada para o hospital em estado de choque e até o momento não há informações sobre o terceiro envolvido no estupro. A polícia investigará o crime para ir em busca do fugitivo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Crime

Homem estupra enteada de 9 anos em povoado do Maranhão

Antônio Pereira, de 42 anos é acusado de estuprar a enteada

Antônio Pereira, de 42 anos é acusado de estuprar a enteada

A polícia militar de Carutapera, cidade que fica a 570 km de São Luís, cumpriu um mandato de prisão ontem (05), contra Antônio Cardoso Pereira, acusado de estuprar a enteada de 9 anos de idade.

Antônio Pereira, de 42 anos, foi preso em casa, no povoado Caranadeua, e conduzido para delegacia da cidade para prestar esclarecimentos sobre o caso. Na cidade, o clima é de revolta entre os populares.

A polícia informou que o suspeito foi conduzido sem lesões corporais para a delegacia e ficará preso por tempo indeterminado, até que os fatos sejam apurados e o delegado decida que medidas devem ser tomadas, caso seja comprovada a acusação.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.