Judiciário

Vice-prefeito de Bacuri é absolvido em decisão ‘relâmpago’ por desembargador Lourival Serejo

Do blog Luís Pablo

Desembargador Lourival Serejo

Desembargador Lourival Serejo

O desembargador Lourival de Jesus Serejo Sousa (vice-presidente e corregedor do TRE-MA) poderá enfrentar uma grave denúncia no Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Serejo concedeu uma decisão ‘relâmpago’ e cheia de suspeita em favor do vice-prefeito de Bacuri, Richard Nixon dos Santos (PMDB), que foi preso pela polícia por vender notas ‘frias’ a prefeituras maranhenses envolvidas com agiotas. Nixon passou a ocupar o cargo do prefeito Baldoino Nery.

A decisão de 15 laudas do magistrado em colocar o vice no cargo de prefeito levou apenas o tempo de 1h e 11min. Como pode?!

Mas o mais grave não é isso. É que o Blog do Luis Pablo apurou e descobriu que quando o processo subiu concluso (chegou no gabinete do desembargador no Tribunal de Justiça) e quando saiu a decisão, Lourival Serejo estava presente na sessão do Tribunal Regional Eleitoral.

Como pode?! O desembargador desafiou a lei da física, ou então é um The Flash – o homem mais rápido do mundo que é personagem de uma série da TV americana.

Lourival Serejo terá que explicar como estava em dois lugares ao mesmo tempo. Do contrário, cairá a forte suspeita de que a decisão já estava pronta, sem ele ter lido o processo, para apenas assinar uma liminar em favor de uma pessoa acusada de sagrar os cofres públicos.

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Judiciário

Desembargador Lourival Serejo é empossado membro substituto do TRE

TRE-MA-des-lourivalserejo
Em cerimônia realizada no gabinete da presidência do Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão, na tarde desta terça-feira (14 de janeiro), Lourival de Jesus Serejo Sousa tomou posse como membro substituto do órgão, na categoria desembargador.

O magistrado foi eleito pelo Tribunal de Justiça para compor a Corte do TRE-MA em
18 de dezembro de 2013. Ele substitui o também desembargador José Luiz Oliveira de Almeida.

Participaram do ato o desembargador José Ribamar Froz Sobrinho (presidente), os juízes Márlon Reis e Ana Lucrécia Bezerra Sodré Reis, o diretor Gustavo Campos (geral) e os secretários Amudsen Bonifácio (Administração e Finanças) e Gualter Gonçalves (Tecnologia da Informação).

Currículo

Lourival de Jesus Serejo Sousa tem cursos de especialização em Direito Público e em Direito Processual Civil. Antes de se tornar desembargador, foi advogado, promotor de justiça e juiz. Como magistrado, serviu nas comarcas de Arari, Brejo, Imperatriz e São Luís. Na capital, foi juiz auditor da Justiça Militar, juiz da 3ª Vara da Família, juiz corregedor, membro do Tribunal Regional Eleitoral e diretor da Escola Superior da Magistratura (Esmam), na qual ainda atua como professor. Serejo é também escritor.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.