Maranhão

Deputados se unem e usam emenda para garantir construção de hospital de 500 leitos em Imperatriz

cleber

Os recursos para construção de um hospital de alta complexidade, em Imperatriz, no sudoeste do Maranhão, com capacidade de até 500 leitos foram assegurados por meio de emenda de bancada assinada pelos deputados Cleber Verde (PRB-MA), Francisco Escórcio (PMDB-MA) e Hélio Santos (PSD-MA).

A garantia dos recursos foi confirmada à reportagem nessa sexta-feira (27) pelo deputado federal Cleber Verde, em visita à Imperatriz. “Nós destinamos a emenda de bancada para construção desse grande hospital que será referência em atendimento de saúde pública no interior do Maranhão”, disse.

Cleber Verde destacou que a emenda de bancada atende a uma solicitação da secretária Municipal de Saúde, Conceição Madeira e do prefeito Sebastião Madeira que recebeu apoio do secretário de Estado da Saúde (SES), Ricardo Murad e do ministro da Saúde, Alexandre Padilha.

Ele assinalou que o “novo hospital inspira o anseio da comunidade imperatrizense, principalmente dos municípios da região Tocantina que buscam atendimento médico especializado em Imperatriz, considerada a cidade metrópole do sul e sudoeste do Maranhão”.

“A cidade se notabiliza como grande entreposto comercial, instalação de grandes empreendimentos industriais e da construção civil, bem como a implantação do curso de Medicina, na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), previsto para março de 2014”, concluiu.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Cléber Verde recebe auditores fiscais e reafirma compromisso com a classe

auditores 2

Na manhã do último sábado,em um descontraído e agradável café da manhã, o deputado federal Cleber Verde recebeu em sua casa, representantes do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (SINAIT) que buscam o apoio politico na votação da PEC que será votada na próxima quarta-feira em uma comissão especial do Congresso Nacional.

A PEC 443/2009,caso aprovada,aumenta os salários de todos os auditores federais ativos e aposentados,pois,determina como teto remuneratório um valor equivalente a 90.25% do salario do Ministro do Supremo Tribunal Federal,ou seja,um salario justo para estes profissionais que tanto contribuem com a arrecadação do fisco em nosso país.

Cleber Verde demonstrou solidariedade com a luta dos auditores e informou que desde o início de sua trajetória política,colocou, como uma de suas prioridades,a luta na defesa dos direitos dos servidores públicos brasileiros,sendo estes aposentados ou não,comprometendo-se,de pronto a votar pela aprovação da PEC 443.

O deputado também lembrou da importância em aprovar a PEC 555/2006, pois esta repara uma das maiores injustiças perpetradas contra os servidores públicos aposentados que passaram a vida inteira contribuindo para a Previdência Social e agora se vêem obrigados a continuar a contribuir durante toda a sua aposentadoria.

“Trata-se de uma cobrança vergonhosa que o governo federal alcançou também de forma vergonhosa mediante corrupção e resultou no tão polêmico mensalão”, afirmou o parlamentar.

Depois da reunião com os auditores federais; Dr Benvino Coutinho, Dr Leonardo Braz, Dra Ana Beatriz Rêgo, Dra Léa Cristina, Dra Mônica Damais Dualibe e o Dr Cleber Nilson, registraram e agradeceram o momento com o deputado Deputado Cleber Verde.

Auditores


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Maranhão

Maranhão está no roteiro de trabalho do Marco Regulatório da Mineração

O deputado Cleber Verde (PRB/MA) conseguiu incluir o estado do Maranhão na discussão do novo Marco Regulatório da Mineração. A Comissão Especial que trata do PL 5807/13 aprovou o requerimento do parlamentar para realização de audiência pública na Assembleia Legislativa, no Estado do Maranhão, marcada para o dia 20/09 AS 9:00 horas, no Auditório Fernando Falcão.

Segundo o parlamentar, a comissão precisa conhecer a realidade dos municípios maranhenses que são usados para transportar toneladas de minérios. “Apesar de não se destacar na exploração, o Estado do Maranhão é estratégico no escoamento. Nós entendemos que seja justo compensar os 23 municípios maranhenses que ficam no corredor de escoamento dos mineiros, pois desses, 19 registraram os mais baixos Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) do país”, explicou ao apresentar o requerimento para inclusão do Maranhão no plano de trabalho.

Código Mineral

A Comissão Especial foi criada com intuito de proferir parecer ao Projeto de Lei 5807/2013 do Poder Executivo que estabelece o novo marco regulatório das atividades de mineração.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Vídeo mostra deputado Edson Araújo tentando agredir sindicalista

O Blog divulga acima o vídeo que mostra o deputado estadual, Edson Araújo (PSL), tentando agredir na quarta-feira (06), um sindicalista que estava expondo a inexpressiva atuação do parlamentar à frente da Federação dos Pescadores do Maranhão (FEPEMA).

A reunião ocorreu no auditório da Casa do Trabalhador, onde tudo foi registrado. Araújo esbravejou após a saída de Abraão Lincoln, presidente da Confederação Nacional dos Pescadores e Aquicultores (CNPA) e do superintendente do Ministério da Pesca e Aquicultura no Estado do Maranhão, Júnior Verde, irmão do deputado Cleber Verde. Confira acima a baixaria.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Marcos Play concederá titulo a Marcelo Crivela de olho nos recursos do Ministério da Pesca

Os deputados Marcos Caldas e Cléber Verde de olhos no setor pesqueiro.

Os deputados Marcos Caldas e Cléber Verde de olhos no setor pesqueiro.

A Assembleia Legislativa precisa urgentemente rever os critérios para conceder homenagens e horarias, como medalhas e título de cidadão maranhense. A medida pode evitar que deputados oportunistas se utilizem dessas homenagens-muitas delas merecidas- para simplesmente se promover, como no caso do deputado Marcos Caldas, o play, que pretende conceder um titulo de cidadão maranhense ao ministro da Pesca, o bispo Marcelo Crivela.

Um dos principais critérios para uma pessoa receber essas homenagens é ter prestado relevantes trabalhos ao estado do Maranhão, o que não é o caso do senador Marcelo Crivela. Fica claro nesse caso que a proposta do deputado Marcos Play não passa de bajulação na tentativa de se promover politicamente. A única relação do ministro Crivela com o deputado maranhense é o fato de serem do mesmo partido, o PRB e com o Maranhão não existe.

Real motivação

Tamanha bajulação vai muito além de conseguir aparecer e se promover politicamente. Na verdade, Marcos Play está de olho nos recursos que podem ser liberados pelo ministério da Pesca. Paly contará com a ajuda de seu parceiro nessa empreitada, o deputado federal Cléber Verde, também do PRB.

A dupla Cléber Verde e Marco Play pretende controlar o setor pesqueiro do Maranhão, tanto no campo político/eleitoral quanto no campo financeiro. Cléber Verde exerce grande influência sobre o ministro e é com essa influência que a dupla pretende captar recursos milionários do governo federal para o setor.

Com o controle político e financeiro do setor pesqueiro, Cléber Verde e Marcos Play terão recursos a vontade para viabilizar suas reeleições e aumentar seus “patrimônios”.

O blog ficará atento e de olho na secretaria da Pesca, comandada por Cléber Verde e nos recursos que poderão vir do ministério da pesca exclusivamente para favorecer Verde e Play.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Deivison Franklin assumirá Secretaria da Pesca

Dayvison Souza

Dayvison Souza

(Em primeiro mão) Engana-se quem pensa que o deputado federal Cléber Verde (PRB) assumiria a Secretaria de Pesca do governo Roseana Sarney.

Na verdade, quem será empossado na Pasta chama-se, Deivison Franklin Sousa, que foi indicado ao cargo após decisão do PRB Nacional.

O acerto foi feito há semanas atrás depois de uma conversa de Cléber Verde com a governadora Roseana Sarney (PMDB) no Palácio dos Leões.

O advogado Deivison Franklin  tomará posse nesta quinta-feira (31).

A Secretaria comandada pelo indicado de Verde será extraordinária e terá apoio do ministro da Pesca, Marcelo Crivela (PRB).

Desde quando Crivela assumiu o Ministério, Verde usava o nome do ministro e pressionava Roseana Sarney pela criação da Secretaria.

Com isso, entregar a Secretaria de Pesca para Deivison Franklin será um enorme equivoco que o Governo irá cometer.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

A ira do PSL com o governo Roseana Sarney

Reunião se reúne para definir rompimento com o governo Roseana Sarney

Reunião se reúne para definir rompimento com o governo Roseana Sarney

O Partido Social Liberal (PSL) que até o momento faz parte da base aliada do governador Roseana Sarney (PMDB) desde a campanha eleitoral de 2010, ontem, foi vitima do desprestigio do governo após indicação de Cléber Verde para a Secretaria de Pesca (reveja). Na Assembleia Legislativa do Maranhão, a sigla conta com apenas um representante: Edson Araujo (PSL).

Como aliado do governo há anos, a sigla segue para se desvincular depois do duro golpe da ilusão dado por Roseana Sarney com a antiga promessa de uma Pasta para o partido. Resultado: a sigla pode acabar legitimando parceria com a oposição nas eleições de 2014 junto com Flávio Dino.

No entanto, o momento é mais do que propício já que a governadora está fazendo uma reforma administrativa que beneficia apenas aos interesses financeiros do empresário Fernando Sarney e do amigo ex-deputado Paulo Marinho.

Com isso, Fernando Sarney pontuou novamente na sua conspiração contra o Partido Social Liberal.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Sem prestígio, Cléber Verde usa ministro da Pesca para pressionar Roseana por indicação no governo

Blog do Marcelo Vieira

Cléber Verde não desgruda de Crivela até conseguir a Pasta da Pesca

Cléber Verde não desgruda de Crivela até conseguir a Pasta da Pesca

Engana-se quem pensa que a governadora Roseana Sarney quer, por vontade própria, nomear o deputado federal Cléber Verde(PRB) como titular da Secretaria da Pesca no Estado – pasta ainda a ser criada pela governadora.

Desde quando o senador Marcelo Crivela assumiu o Ministério da Pesca, que Cléber Verde usa o nome do ministro para pressionar a governadora. O parlamentar sabe que sozinho não tem força e nem prestigio político eleitoral para conseguir a indicação.

No programa do partido na TV, o deputado carrega a tira colo o ministro Crivela e promete para os pescadores de São Luís, a reforma completa do mercado do peixe. Quem garante os recursos para a obra é próprio Crivela. O teatro montado por Cléber Verde tem o único objetivo de pressionar Roseana pelo cargo.

Mas não fica só por aí. O deputado também pressiona o próprio Crivela para pedir que a presidente Dilma Rousseff ajude na sua indicação junto à Roseana.

Quando Rosena garantiu que criaria a Secretaria da Pesca, ficou acertado que a Pasta seria controlada por alguém ligado ao setor.

Cléber Verde foi eleito pelas colônias de pescadores. Mas hoje a classe não quer nem ouvir falar no nome do deputado.

Outro ponto que pesa contra Verde é o fato de tentar se aproximar do o PSDB de São Luís. Ele tenta uma indicação no governo Roseana ao mesmo tempo em que negocia com João Castelo o apoio do PRB.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Contra o grupo Sarney, Cléber Verde não assina CPI de Cachoeira

Blog do Luis Pablo

Cléber Verde joga nos dois campos da política

Cléber Verde joga nos dois campos da política

Nesta sexta-feira, 20, a Mesa do Congresso divulgou a lista dos deputados e senadores que assinaram e dos que não assinaram o requerimento para criação da CPI mista que investigará as relações com políticos e empresários do bicheiro Carlos Augusto Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, preso em fevereiro pela Polícia Federal.

O blog relacionou apenas os nomes dos parlamentares do Maranhão, que foram contra a CPI do bichieiro que é apontado como chefe de uma quadrilha que explorava o jogo ilegal em Goiás.

Nessa relação o único deputado que se diz aliado do grupo Sarney que não assinou foi Cléber Verde. O deputado do PRB, como se sabe, vem forçando a governadora Roseana Sarney com o apoio do ministro da Pesca, senador licenciado Marcelo Crivella (PRB-RJ), para assumir a nova Secretaria da Pesca do Maranhão que será criada.

É estranho que uma pessoa que luta para assumir uma pasta no governo da filha do presidente do Senado fique contra a CPI de Cachoeira. Abre o olho governadora!

Não assinaram / Câmara

Cleber Verde (PRB)
Davi Alves Silva Júnior (PR)
Edivaldo Holanda Junior (PTC)
Nice Lobão (PSD)
Zé Vieira (PR)

Não assinaram / Senado

Clovis Fecury (DEM)
Lobão Filho (PMDB).


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Escolha de Cléber Verde enfraquece o setor de pesca no Maranhão

A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), durante a campanha de 2010 assumiu o compromisso de criação de uma Secretaria de Pesca no Maranhão. E que entregaria a Pasta para o setor pesqueiro.

O espertalhão Cleber Verde

O espertalhão Cleber Verde

Depois de eleita, a governadora simplesmente esqueceu-se da promessa feita durante a campanha, desconsiderou que o Maranhão tem o segundo maior litoral, a maior concentração de mangues e o maior contingente humano de trabalhadores na pesca do país. E mais: que o Governo Federal tem um Ministério de Pesca.

Nos últimos tempos, sentindo vontade de alavancar o setor, Roseana Sarney decidiu finalmente criar a Secretaria de Pesca. E a principio entrega-la para quem realmente entende do assunto: do setor pesqueiro.

Estranhamente, a governadora atendeu aos misteriosos pedidos do irmão, o empresário Fernando Sarney, para colocar na Pasta o deputado federal Cléber Verde (PRB).

Fernando Sarney, na verdade, quer agraciar o eterno amigo, ex-sócio ex-prefeito e ex-deputado federal Paulo Marinho. Se Verde for ocupar a futura Secretaria assume em seu lugar o suplente de deputado federal, Paulo Marinho Júnior. Aqui fica claro o negócio.

Cléber Verde que foi votado pela maioria dos eleitores das colônias de pescadores do Maranhão, não tem nenhuma ação ou emenda em favor do setor pesqueiro. Hoje é odiado pelos pescadores maranhenses.

O seu irmão Júnior Verde, que ocupa a Superintendência de Pesca do Governo Federal no Maranhão, só entende de peixe quando já está cozido ou frito á mesa. Ele é escrivão de policia. Durante toda a sua gestão não houve nenhum avanço do setor pesqueiro do Estado.

Entregar a Secretaria de Pesca para o deputado federal Cléber Verde, será um equivoco enorme que o Governo irá cometer. É como se Roseana Sarney estivesse levando a pesca no Maranhão do nada a lugar nenhum.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.