Poder

Suspensos direitos políticos de Raimundo Lisboa

O prefeito de Bacabal, Raimundo Nonato Lisboa, foi condenado à suspensão dos direitos políticos por quatro anos. O pedido foi feito pelo Ministério Público por meio de uma ação civil de obrigação de fazer e não fazer.

O processo nº 2.547, originado no ano de 2009, trata de improbidade administrativa. O prefeito contratou dezenas de pessoas sem concurso público, num ato que, segundo o juiz Celso Pinheiro Júnior, da 1ª Vara, no município de Bacabal é prática antiga e ainda utilizada pelos gestores municipais. O prefeito Lisboa alocou os contratados em três setores: administração, saúde e educação.

Em sua defesa, o prefeito alegou que não houve dano ao erário já que o serviço prestado e pago. Ainda cabe recurso. (Do Imirante)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.