Poder

Dono da Dimensão deve responder por pelo menos quatro crimes

Barbosa Dimensão

A lista de crimes praticados por Antônio Barbosa de Alencar é extensa. O proprietário da Dimensão Engenharia foi preso dia 12 pela Polícia Federal durante a operação Lilliput, que desmontou um esquema fraudulento na Receita Federal.

De acordo com a Justiça Federal, as investigações apontaram o envolvimento do empresário nos crimes: redução/suspensão de tributos e contribuições sociais; falsidade ideológica; inserção de dados falsos em sistema; corrupção de agentes públicos da Receita Federal, de cartórios e do fisco municipal.

Barbosa foi apontado como beneficiário direto e principal de todo o esquema. Ele maximizava seus lucros com a redução da carga tributária. As vantagens econômicas foram obtidas por meio de sonegação de impostos, angariada de forma criminosa com auxílio de funcionários das Receita, que recebiam propina.

Barbosa Dime 01


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Barbosa deixa Pedrinhas e vai para cela da Superintendência da Polícia Federal

thumbnail_FullSizeRender (1)

O mega empresário e proprietário da Dimensão Engenharia, Antônio Barbosa de Alencar, conseguiu na Justiça, mudar de local em que estava preso, .

Barbosa que estava detido no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, foi encaminhado, na última quinta-feira (14), para a cela da Superintendência da Polícia Federal, localizada na Cohama.

Outros duas pessoas que foram presas durante a operação Lilliput, o auditor da Receita Federal, Osmir Torres Neto, e o advogado tributarista, Alan Fialho Gandra Filho, também mudaram de local e seguiram juntamente com o empresário para a PF.

Os três estavam envolvidos em esquema de corrupção liderado pelo dono da Dimensão Engenharia.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.