Política

Deputado mobiliza poderes para conseguir benefícios a militares

Deputado Rigo Teles.

Deputado Rigo Teles.

O deputado Rigo Teles (PV) anunciou nesta terça–feira (25), durante pronunciamento na tribuna, que protocolou a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) na Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, pedindo a concessão do adicional noturno para os policiais militares do Estado do Maranhão.

A PEC – que já recebeu a assinatura de 27 deputados e está tramitando nas comissões técnicas da Assembleia – altera o parágrafo XI do Artigo 24 da Constituição do Estado do Maranhão, e passará a vigorar com a seguinte redação: “A remuneração do trabalho noturno superior ao diurno da Polícia Militar”.

Na ocasião, o deputado Rigo Teles pediu o apoio de todos os colegas deputados para aprovar a PEC, um benefício muito importante para os policiais militares, considerados os verdadeiros guardiões do patrimônio público e os protetores da sociedade em todos os cantos do Estado do Maranhão.

O parlamentar também pediu o apoio na sanção da PEC ao governador Flávio Dino, que na sua avaliação está demonstrando compromisso com a segurança da população, convocando novos policiais civis e militares e concedendo reajustes salariais dignos para a categoria que merece melhorias.

LUTA NA ASSEMBLEIA

Para Rigo Teles, os policiais militares devem ser contemplados com o adicional noturno, que já é concedido pelo Estado aos policiais civis. “Quando trabalham dia e noite na violência que assusta Brasil e o Maranhão, os policiais militares rezam com seus familiares para voltarem ilesos às suas casas”, disse.

A luta do deputado Rigo Teles para conseguir o adicional noturno para os policiais militares é antiga. O parlamentar lamenta que apesar de previsto em lei, o benefício do adicional noturno nunca foi concedido pelos governadores que antecederam Flávio Dino, que com certeza será sensível ao pleito.

Em sua fala, Rigo Teles esclareceu que sua intenção é continuar lutando para que o governo conceda o adicional noturno aos policiais militares, que trabalham dia e noite no policiamento ostensivo, na segurança do trabalho, na preservação de florestas e mananciais e na restauração da ordem pública.

Por fim, Rigo Teles lembrou que luta desde 1999 pela concessão do adicional noturno para os nossos briosos policiais militares, e prometeu conversar pessoalmente com o governador Flávio Dino e com o secretário da Segurança, Jefferson Portela, para conseguir o adicional noturno para a categoria que é merecedora.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Política

Deputado reapresenta projeto que concede adicional noturno a militares

O deputado Rigo Teles (PV) anunciou nesta segunda-feira (1º), que acaba de reapresentar na Mesa Diretora da Assembleia, a Proposta de Emenda Constitucional (PEC), pedindo a concessão de adicional noturno para os policiais militares do Estado do Maranhão.

Deputado estadual Rigo Teles.

Deputado estadual Rigo Teles.

No pronunciamento, Rigo Teles pediu o apoio dos colegas deputados, especialmente dos membros da Comissão de Constituição e Justiça, para tramitação e aprovação da PEC em favor dos policiais militares, que lutam pelo adicional há anos.

Na ocasião, Rigo Teles também pediu o apoio na sanção da PEC do governador Flávio Dino, que deu uma grande demonstração de compromisso com a segurança da população, convocando novos policiais e concedendo reajustes salariais dignos para a categoria.

LUTA ANTIGA

A luta de Rigo Teles para conseguir o adicional noturno para os policiais militares é antiga. Apesar de previsto em lei, o benefício nunca foi concedido pelos governadores que antecederam Flávio Dino, que com certeza será sensível ao pleito.

O parlamentar lembrou que desde 1999 luta pela concessão do adicional noturno para os nossos briosos policiais militares. Rigo prometeu conversar pessoalmente com o governador Flávio Dino (PC do B) e com o secretário Jefferson Portela, para conseguir o benefício.

Para Rigo Teles, ao sair de suas casas no meio da violência que assusta Brasil e o Maranhão, os militares rezam com seus familiares para voltarem ilesos. “Os militares devem ser reconhecidos com o benefício, que já é concedido aos policiais civis”, apelou.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.