Saúde

Funcionários do ICN reclamam do atraso no pagamento dos direitos trabalhistas

Desde novembro que o caso se encontra na mesma situação.

Mais uma vez chega a este Blog denúncias envolvendo pagamentos de funcionários do Instituto de Cidadania e Natureza (ICN).

Os profissionais do Hospital Regional Adélia Matos Fonseca, localizado em Itapecuru-Mirim, já estão cansados de esperar uma resposta do Instituto sobre o pagamento das rescisões.

Pois desde novembro de 2015, quando foi cancelado o contrato do ICN com o Governo do Estado, os funcionários estão tendo problemas com os direitos trabalhistas. Afinal, todos migraram para a Empresa Maranhense de Serviços Hospitalares (Emserh), mas não receberam o que era de direito.

Os trabalhadores afirmam que se até o dia 30 de janeiro não for dada uma posição sobre o caso ou regularizarem a situação, irão até o Ministério do Trabalho, em Chapadinha, denunciar as irregularidades.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Tudo sobre:

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários