Política

Edivaldo Holanda Júnior afirma que não é dependente do governo do Maranhão

1470737510-157320296

Durante a sabatina realizada pelo jornal o Estado do Maranhão, na manhã desta terça-feira (09), o prefeito e candidato à reeleição, Edivaldo Holanda Júnior (PDT), foi enfático ao afirmar que não é dependente do Governo do Maranhão.

“As parcerias são necessárias e que o bom gestor sai em busca de recursos porque não há como uma prefeitura em qualquer lugar do país que consiga tocar o dia a dia somente com recursos próprios”, garantiu o pedetista.

Edivaldo Holanda Júnior disse que existem avanços em São Luís e que a Prefeitura fez uma ousada ação para revitalização de praças e espaços públicos.

Na entrevista, o candidato do PDT foi questionado sobre a construção de viadutos, que foi promessa de campanha em 2012, e ele declarou que buscou recursos no governos estaduais e federais para que as obras iniciassem, mas não obteve sucesso. Edivaldo Júnior disse, ainda, que somente após Flávio Dino ter assumido a gestão estadual foi possível realizar um trabalho de intervenções em vários pontos críticos de São Luís, como no retorno da Forquilha.

“As intervenções tem melhorado o trânsito de São Luís. Após a chegada do governador Flávio Dino fizemos a parceria e avançamos uma intervenção médio porte, que já se iniciou na Forquilha, ainda não mexemos na rotatória, mas estamos fazendo serviços complementares”, afirmou Edivaldo Holanda Júnior.

Durante a sabatina, o prefeito de São Luís também falou sobre o Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) e sobre a licitação do transporte público. Segundo ele, há um projeto em andamento, que já foi encaminhado ao governo federal, para a implantação do VLT, que atenderá a região do Itaqui-Bacanga.

E sobre a licitação do transporte urbano, Edivado declarou que recebeu a Prefeitura com uma série de problemas e que para realizar o processo licitatório era preciso combater a fraude, instalar o Bilhete Único. “Recebemos um sistema com uma série de problemas, que enfrentamos e estamos resolvendo. Primeiro, era preciso vencer etapas para que chegássemos até aqui.”, pontuou.

O pedetista respondeu também sobre o tema saúde. Edivaldo Júnior garantiu que não existem mais pacientes nos corredores dos Hospitais Socorrões I e II. “O programa Maca Zero retirou todos os pacientes dos corredores dos Socorrões e o que existe de forma pontual são pacientes aguardando a triagem para serem transferidos para a Santa Casa”, afirmou.

O candidato do PDT disse, ainda, que a Saúde avançou muito em sua gestão. De acordo com ele, o Hospital da Mulher foi reaberto, o SAMU recebeu uma nova sede, está sendo construído um novo Hospital da Criança. Edivaldo ressaltou que quando recebeu a Prefeitura não existia recursos para a construção do Hospital Jackon Lago ” Quando assumi percebi que não haviam recursos para que fosse construído o Hospital Jackson Lago. Mas será feita uma consulta pública e depois uma licitação para que seja feita uma parceria pública-privada para a construção do Hospital Jackson Lago”, declarou.

Outro assunto polêmico foi colocado em pauta durante a sabatina. A construção da maternidade da Cidade Operária. Holanda Júnior foi categórico ao responder. “Há um convênio com o Governo Federal, mas que os recursos não estavam sendo repassados, o que fez com que as obras fossem paralisadas. A situação do convênio com o Governo Federal para construção da maternidade já foi normalizado e as obras retomadas”.

Durante 1h, Edivaldo Júnior falou sobre temas como meio ambiente e habitação e garantiu que soluções já estão sendo encontradas para que o lixo seja recolhido e tratado da melhor maneira possível. Disse também que São Luís é a cidade com o maior programa habitacional do país e que os bairros que estão surgindo recebem planejamento de infraestrutura básica.

E por fim, o prefeito de São Luís falou sobre a sua mudança do PTC para o PDT e sobre as finanças da Prefeitura. E garantiu que não haverá atrasos salarias, pois há um planejamento responsável e sério.

E sobre a troca de partidos, Edivaldo afirmou que o PTC tinha um tempo muito reduzido e não daria para divulgar a sua gestão. “Dentro do processo político chega o momento que é necessário buscar uma casa maior até mesmo porque o PTC tinha pouco tempo de televisão muito reduzido e o PDT tem uma história em São Luís e a escolha foi natural”


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Edivaldo Holanda Júnior afirma que não é dependente do governo do Maranhão”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Leonardo

    Aconpanhei toda sabatina pela internet, e particularmente, achei Edivaldo ter ido muito bem, pois não se comprometeu, não se enrolou e não fugiu de nenhum tema! Achei muito boa a postura do Prefeito!

  2. kristiano

    A prefeitura não é totalmente dependente do Governo do estado. até porque recebem sua propria verba. mas nem tudo se pode fazer sem o apoio dela. é um trabalho em equipe. por isso que dá certo quando há a boa ligação como há entre flavio e edivaldo.

  3. Margarene

    Edivaldo foi muito bem na sabatina, não titubeou em momento algum, agora senti firmeza no Prefeito!

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários