Política

Grupos tentam definir candidatos em Bacabeira

Ela, assim como Alan, já tem praticamente definida seu grupo para a disputa de 2016, mesmo que ainda falte pelo menos quase um ano para a eleição e mesmo que ainda tenha outros nomes na disputa.

Pelo menos três pré-candidatos majoritários já estão praticamente definidos para a disputa pela prefeitura de Bacabeira no ano que vem. Por enquanto, somente três se manifestaram para o pleito. A briga maior é pela Vice, principalmente nos grupos de Alan e de Fernanda.

Alan Linhares (PCdoB), atual prefeito de Bacabeira e que deve buscar a reeleição, parece que vai mesmo repetir a mesma chapa de 2012 com o “pescador” Arrumadinho (PSDB). Ambos foram eleitos graças ao ex-prefeito José Venâncio, o Venancinho, mas, pelo que parece, vão enfrentar muita dificuldade para repetir a façanha, pois sua principal concorrente, Fernanda Gonçalo (PMN) promete ir quente para a disputa.

Há quem aposte que o irmão de Venancinho, o empresário Werbet Pinheiro, mais conhecido como Pinheirinho, esteja na biqueira pela vaga de vice de Linhares, mas, por enquanto, não passa de especulação.

A ideia não é ruim, mas poderá ser usada como estratégia caso as coisas fiquem piores.

A principal força da oposição na cidade de Bacabeira é Fernanda, que é esposa do ex-prefeito de Santa Rita, Hilton Gonçalo, quem tem muito prestígio político em toda a região do Munim, inclusive nas cidades de Rosário, Bacabeira e em Santa Rita, onde administrou por oito anos e é hoje o principal e provável futuro prefeito da conhecida capital da farinha.

Ela, assim como Alan, já tem praticamente definida seu grupo para a disputa de 2016, mesmo que ainda falte pelo menos quase um ano para a eleição e mesmo que ainda tenha outros nomes na disputa. O nome do ex-vereador Jefferson Calvet (PSC) é o mais cotado para a vaga de Vice da nova esperança bacabeirense. Ele é o único do grupo que está com os Gonçalos desde a última eleição de 2012, quando Fernanda ficou em segundo lugar na disputa que tinha ainda o ex-prefeito Reinaldo Calvet em 3º colocado.

Outro que tem tentado emplacar o nome é o ex-vereador de Rosário, Ubirajara Torres, o Bira (PP). Ele já tentou em todas as eleições vencer a disputa pela cadeira do executivo bacabeirense, mas em nenhum momento logrou êxito. O mais próximo que Bira chegou foi no ano 2000, quando, com um grupo forte, perdeu por uma diferença de 80 votos para Reinaldo Calvet, então prefeito na época. De lá para cá sua votação foi só decaindo. Sua última tentativa foi de lascar… Se aliou a Reinaldo Calvet, que teve o registro de candidatura cassado por causa da lei da Ficha Limpa, e o resultado todo mundo já sabe.

Bira firmou acordo com o empresário Gilvan Luna. Este, por sua vez, diz aceitar ser Vice na chapa encabeçada pelo popular progressista. No entanto, figuram longe, em terceiro lugar, nas últimas pesquisas realizadas no município.

Há, inclusive, uma pequena probabilidade de Bira e Gilvan compor com Fernanda Gonçalo. Isso dependerá apenas do seguimento e do andar da carruagem. Ou seja, se a chapa não decolar até junho do ano que vem, eles embarcarão no grupo dos Gonçalos e somarão para a vitória inédita da oposição em Bacabeira.

Claro que ‘muita água ainda vai passar por debaixo da ponte’ daqui até lá e muitas conversações ainda devem acontecer, mas é apenas uma questão de tempo.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários