Política

Sarney tenta evitar crise com Mauro Fecury

Mauro, Sarney e Clóvis Fecury.

Mauro, Sarney e Clóvis Fecury.

O ex-senador José Sarney (PMDB), anda preocupado com o posicionamento do dono do império Uniceuma, Mauro Fecury. Tudo isso devido o filho de Mauro, o suplente de senador Clóvis Fecury (sem partido), ter sido destituído da presidência do partido dos Democratas.

Segundo fontes, Sarney teria ajudado o ex-secretário de Roseana Sarney, Fernando Fialho, e o deputado federal Juscelino Filho (PRP), na trama para tomar a sigla da família Fecury.

Para tentar amenizar uma possível crise, ex-senador ligou para o Mauro Fecury pelo menos três vezes se justificando e garantiu não ter participação na conspiração. Sarney ainda pediu que o empresário recebesse em sua residencia, que fica na Península da Ponta da Areia, os novos patronos do DEM no Maranhão.

No encontro, que teve a participação dos deputados Juscelino Filho, Stenio Rezende e do novo presidente do DEM, o advogado Augusto Herbert Lima Serra, parente do senador João Alberto, ficou claro pelo semblante de Fecury o descontentamento.

A conspiração que tem como coadjuvante Sarney é reflexo da aliança do DEM com o PCdoB do governador Flávio Dino.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários