Política

Flávio Dino toca na ferida de Edinho Lobão em debate da TV Difusora

O comunista falou sobre a condenação de Edinho Lobão a 2 anos de prisão

O inicio o debate da TV Difusora afiliada (SBT), realizado com os principais candidatos ao governo do Maranhão chegou a ser controlado, mas aos poucos foi perdendo sua essência e chamou atenção de telespectadores e internautas que acompanhavam atentamente as perguntas e respostas.

Os benefícios foram nítidos logo no segundo bloco como – por exemplo -, o candidato Edinho Lobão (PMDB), passou a ser beneficiado em três tempos de 1 minuto cada qual, diferente do comunista Flávio Dino que de três pedidos de direito de resposta apenas um foi atendido.

Aproveitando a oportunidade do minuto do qual foi concedido, Flávio Dino comentou sobre pontos negativos do peemedebista que foi condenado a 2 anos de prisão pelos crimes de formação de quadrilha e falsidade ideológica. Ou seja, tocou na ferida do candidato da Oligarquia Sarney.

Outro ponto bastante questionado por quem assistiu o debate foi a ausência do do candidato do PSTU, Saulo Arcangeli, que acabou irritando Edinho Lobão durante o debate da TV Guará ao dizer que o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB), cometeu estelionato eleitoral com a Refinaria Premium, localizada na cidade de Bacabeira.

No entanto, Flávio Dino destacou-se no segundo debate entre os candidatos.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

3 comentários em “Flávio Dino toca na ferida de Edinho Lobão em debate da TV Difusora”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. D.Silva

    Saulo é do PSTU, não PSOL.

  2. kassio

    vamos lá flavio é sua vez de governar o maranhão..

  3. Amanda

    Engraçado é que ninguém percebe os argumentos falaciosos de Flávio Dino para defender o comunismo, regime aparente inofensivo nas palavras dele, mas que possuem raízes seríssimas e que podem sim afetar nossa população. Lobão pode não ser ficha limpa, mas fez ressalvas muito boas no debate. Inclusive sua proposta do “Alô Doutor”, que foi atacada pelos outros, dá muito certo em outros estados e evita idas desnecessárias ao hospital.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários