Política

Lobão diz que nível de reservatório dá tranquilidade para desligar térmicas

Ministro avalia que não é mais preciso manter todas as térmicas operando.

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, disse nesta sexta-feira (3) que a situação atual dos reservatórios de hidrelétricas do país “dá completa tranquilidade” para que o governo determine o desligamento, a partir da próxima semana, de pelo menos parte das usinas termelétricas em funcionamento.

Ministro Edison Lobão.

Ministro Edison Lobão.

“[O nível das represas] dá completa tranquilidade [para iniciar o desligamento das térmicas]. Nós imaginávamos que chegaríamos ao final do período chuvoso com 50% a 55% de armazenamento nos reservatórios do Sudeste/Centro-Oeste, mas chegamos com 63%, muito além do que esperávamos”, disse Lobão, em entrevista exclusiva ao G1.

Reportagem do G1 publicada na quinta-feira mostrou que os reservatórios das usinas chegaram ao fim do período chuvoso com o nível mais baixo desde 2001.

De acordo com o ministro, o desligamento das térmicas será debatido no próximo encontro do Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), marcado para a quinta-feira (9). O CMSE reúne autoridades do setor e define medidas para garantir a segurança energética no país.

Lobão adiantou, porém, que a avaliação dentro do governo é que as chuvas dos últimos meses asseguraram o fornecimento de energia no país e, por isso, não é mais preciso manter todas as usinas termelétricas funcionando, como vem acontecendo desde outubro de 2012. ( Do G1, em Brasília )


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários