Política

O trabalho de Escórcio pela Baixada Maranhense

O deputado também apresentou ao ministro Fernando Bezerra o projeto para reforma do Mercado de Imperatriz,

Deputado federal Chiquinho Escórcio.

Deputado federal Chiquinho Escórcio.

O ministro Fernando Bezerra Coelho, da Integração Nacional, reuniu-se com o deputado federal Francisco Escórcio (PMDB/MA) para tratar de investimentos da Pasta no Maranhão. O encontro aconteceu na terça-feira (23) e teve como principal pauta o projeto Diques da Baixada Maranhense, em desenvolvimento pela Codevasf [Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba]. Nas próximas semanas será publicado um edital para análises cartográficas e geotécnicas do projeto.

Com os estudos, a expectativa é de que até o final deste ano seja lançado o edital da obra, em Regime Diferenciado de Contratações (RDC). Os investimentos para desenvolver a agricultura irrigada, a piscicultura e a carcinicultura (criação de camarões em viveiros) naquela região serão da ordem de R$ 100 milhões.

A liberação de recursos para Açailândia, cidade que recentemente enfrentou fortes chuvas e deslizamentos, também foi tema do encontro entre o ministro e o deputado. Na ocasião das chuvas, a Defesa Civil Nacional enviou técnicos para uma avaliação in loco dos transtornos e prejuízos causados à infraestrutura urbana e à população. A Prefeitura vai decretar estado de emergência no município e encaminhará um Plano de Trabalho a ser analisado pela Defesa Civil, que definirá o valor do repasse para auxiliar o município nos trabalhos de recuperação.

O deputado Francisco Escórcio também apresentou ao ministro Fernando Bezerra Coelho o projeto para reforma, ampliação e modernização do Mercado Público de Imperatriz, segunda cidade mais populosa do Maranhão. O projeto para melhorar as instalações do mercado e as condições de trabalho de dezenas de comerciantes está orçado em R$ 600 mil e já foi analisado por equipes do Ministério da Integração Nacional, que deverá liberar recursos para a obra.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários