Política

Prefeito é denunciado por ‘forjar licitação’ em Colinas

Várias empresas não conseguem participar das licitações.

Blog do Ademar Sousa, com edição

Prefeito Dr. Antonio Carlos.

Prefeito Dr. Antônio Carlos.

Várias empresas do ramo gráfico e de outros segmentos não conseguem participar das licitações anunciadas pela Comissão Permanente de Licitação da Prefeitura Municipal de Colinas. De acordo com relatos de representantes das empresas, que lá comparecem para obter o edital de licitação que lhes dar o direito de concorrer ao certames, o presidente da Comissão e o pregoeiro simplesmente são fantasma, pois nunca são encontrados para atender os fornecedores interessados em participar dos eventos licitatórios anunciados na imprensa e nos órgãos de controle externo, no caso o Tribunal de Contas do Estado.

Segundo eles, hoje mesmo, por exemplo, está previsto para acontecer uma licitação destinada a contratação empresa para fornecimento de materiais gráficos, cuja licitação já foi denunciada a Promotoria Pública, que tem a frente a promotora Francisca Ferreira da .S Barros, com pedido de cancelamento porque os representantes das empresas interessados em participar do certame não receberam o edital. A crescentaram que fizeram inumeras tentativas visando a obtenção do documento e não tiveram êxito porque o presidente da CPL “sumiu”.

Os representantes das empresas disseram ainda que a conversa que corre nos bastidores da Prefeitura é que o sobrinho do prefeito teria montado uma empresa do ramo e o contrato oriundo da licitação seria pra ele, razão pela qual nunca iriam conseguir concorrer por conta desse “esquema para forjar a licitação”.

Casos em que prefeitos se utilizam do cargo para favorer empresas não ocorrem apenas em Colinas. Em dezembro do ano passado, o prefeito de Buriticupu, Antônio Marcos de Oliveira, o “Primo”, foi condenado a 2 anos de detenção em regime inicialmente aberto e ao pagamento de multa de R$ 28.053,60 por influenciar resultado de processo licitatório em favor da Stac Engenharia Ltda. A empresa seria contratada para prestar serviços de abastecimento de água em povoados do município. A decisão é da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Maranhão (TJMA).

De acordo com o relator do processo, desembargador José Bernardo Rodrigues, o prefeito utilizou-se de vários expedientes para reduzir o caráter competitivo da licitação, com a intenção de afastar competidores indesejáveis e dirigir o resultado em favor da empresa adjudicatária.

Oliveira teria restringido a publicidade do processo licitatório, deixando de cumprir a Lei nº 8.666/93, uma vez que a tomada de preços não teve sua publicação em jornal de grande circulação do Estado ou Município.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

9 comentários em “Prefeito é denunciado por ‘forjar licitação’ em Colinas”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Simone

    O Prefeito ou o responsável pelos processos licitatórios foram procurados por este site para se pronunciar sobre a denúncia?

  2. carla maria

    Até parece que isso é novidade para cidades pequenas…por isso que o Brasil não vai pra frente.
    É obvio que o senhor presidente da comissão de Licitação, João Ricardo, parente próximo do prefeito por sinal, só irá favorecer aos seus!Espero muito que o ministério público tenha posição quanto a isso…vários processos já tem donos, ganhadores, antes mesmo das sessões acontecerem, como por exemplo, combustivel é o Posto Taysa, adivinhem pq? e Merenda escolar?supermercado o Baratão…Novos tempos?bizarro…Mais o povo elegeu, é pq quer beneficiar os grandes empresários…Amém

  3. lucio

    O coitado do Oliveira tá num beco sem saída…Deve até a alma e não faz a mínima idéia de como de sair dessa. Estou certo de que a pataiada toda não sabe se virar e vai virar a cidade de cabeça pra baixo, piorar o que estava. Mas o povo tava querendo experimentar…taí o que tá dando. O duro é ter que aturar esses pilantras….mas acho que não chega aos quatro anos.

  4. lucio

    A princesinha do médio sertão não tava precisando de um “príncipe” tão desnorteado. O pior é que pra poupulação a rejeição do Dr. tem sido estrondosa, igual ao número qua carregava na legenda. São 40% só em 30 dias de governo. Quase 1,5% por dia. Eu não queria tá na pele dele não!

  5. Emanoel

    Acho muito engraçado si denunciar isso em colinas si na administração anterior nada era resolvido na base de licitação, o ex-prefeito resolvia da forma que o beneficiava e agora vem os recalcados reclamar da atual administração? Faça-me o favor né?! Ele ganhou pq o povo cansou e acordou! Agora, resta a estes q estão insatisfeitos si conformarem. Ele ganhou e ganhará novamente, o povo acordou! Eu ouvi muito bem q vc mi chamou d vagabunda na hora q sai do carro, so tenho p q ti responder uma coisa, essa vagabunda aki vai criar vergonha na cara e nunk mais tu mi procura

  6. tereza

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.Aguente povo de Colinas. Vera neles

  7. MARCO AURÉLIO FEITOSA

    ACUSAR SEM PROVAS, ALÉM DE CRIME, DENOTA MÁ FÉ E IGNORÂNCIA.

  8. tereza

    Nós colinenses somos moradores sem sorte,passamos uma meia vida sofrendo nas mãos dos Brandão. Agora iremos penar nas mãos dos Oliveira e dos “grandes empresário” desta cidade.

  9. manoel carlos

    toda historia tem tres lados o A,B e o Verdadeiro,espero nao dececcionar

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários