Poder

Câmara quer explicação do STJ por anular as provas contra Fernando Sarney

Fernando Sarney correu risco de ser preso na Operação Boi Barrica da Polícia Federal na

Fernando Sarney correu risco de ser preso na Operação Boi Barrica da Polícia Federal

Inconformado com a anulação de provas da Operação Boi Barrica, que investiga supostos crimes financeiros atribuídos ao empresário Fernando Sarney, o deputado e delegado federal Fernando Francischini (PSDB-PR) apresentou requerimento na Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime Organizado para que os ministros da 6 ª Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), responsáveis pela decisão, deem explicações em audiência pública no Congresso.

Também serão convidados a depor os delegados federais e membros do Ministério Público Federal que atuaram no caso e em outras três operações mutiladas por anulação de provas pelo mesmo tribunal. Acusado de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e sonegação de impostos, entre outros crimes, Fernando é filho do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP). Ele nega as acusações.

A sentença do STJ anulou os diálogos telefônicos interceptados na operação e o relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf), que detectou movimentações financeiras atípicas do empresário em 2006, fazendo a investigação voltar à estaca zero.

A anulação das provas da Boi Barrica causou grande polêmica nos meios jurídicos porque tirou força de dois instrumentos importantes de investigação policial: as interceptações telefônicas e os relatórios do Coaf, instituição que controla as movimentações bancárias e financeiras e alerta às autoridades sempre que detecta operações atípicas com indícios de crime.

(Com informações do Estadão)


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Promotoria pedirá que deputado explique suposta venda de emendas

Da Folha

Deputado Roque Barbieri diz que colegas da Assembleia vendem emendas

Deputado Roque Barbieri diz que colegas da Assembleia vendem emendas

O promotor Carlos Cardoso vai pedir na segunda-feira a abertura de um inquérito para investigar a declaração do deputado estadual Roque Barbiere (PTB) de que colegas da Assembleia Legislativa de São Paulo enriqueceram vendendo emendas parlamentares e fazendo lobby para empresas.

O promotor informou que o Ministério Público de São Paulo foi alertado da acusação no dia seguinte pelo vereador da Câmara de Araçatuba Dr. Nava (PSC).

Cardoso afirmou que irá notificar o deputado para que dê explicações sobre as suas declarações.

O promotor também pedirá informações ao governo de São Paulo sobre a execução de emendas parlamentares.

Barbiere afirmou que de “25% a 30%” dos 94 deputados estaduais ganharam dinheiro vendendo emendas.

“Tem bastante fazendo isso. Não é a maioria. Mas tem um belo de um grupo que vive, sobrevive e enriquece fazendo isso”, disse o deputado.

Clique aqui e assista ao vídeo em que o deputado diz que colegas vendem suas emendas


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Sindicato de Lago Açu denuncia omissão da Justiça

Prefeita de Lago Açú, Marly Sousa

Prefeita de Lago Açú, Marly Sousa

O Sindicato dos Servidores Municipais de Conceição do Lago Açu cobrará a apuração das denúncias contra a administração da prefeita Marly Sousa.

No dia 18 de março deste ano o Sindicato entrou com uma representação no Ministério Público, em Bacabal.

O motivo da representação, foi por conta da gestão de Marly Sousa que consta diversos atos de improbidade administrativa e atos ilícitos cometidos na atual administração.

O Sindicato reclama que até hoje não recebeu uma resposta sequer do Ministério Público. Continue lendo no blog do Louremar


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Carlos Filho falta sessão mas não perde farra em Barreirinhas; veja o vídeo

“Onde tem Carlos Filho tem festa”. O deputado estadual mais ausente da Assembleia Legislativa do Maranhão, Carlos Filho (PV) que falta sessão na Casa, porém, não perde uma quinta-feira no “Daquele Jeito” do Vinhais, agora mudou de horizontes.

Festinha em Barreirinhas

Festinha em Barreirinhas

Carlos Filho que foi comentário entre os deputados na Assembleia Legislativa, após o longo feriadão do dia, 7, de Setembro.

O parlamentar que é conhecido por esbanjar sua fortuna em festas, dessa vez atacou em Barreirinhas no Maranhão.

Empolgado na cidade turística, o parlamentar desfilou só com beldades de biquíni fio dental no Rio Preguiças em sua lancha que é avaliada em R$ 300 mil.

A festa que teve inicio no flat Lençóis Resort, onde foi regada a coquetéis e bastante whisky no bar molhado, depois se deslocaram na lancha em direção ao evento realizado no “Bambaê” ponto de encontros de festas dos playzinhos.

Ao comparecer no local, que teve como atração principal da festa Sunset Paradise, o cantor e compositor Pepê Júnior, Carlos Filho chegou acompanhado com duas loiras de parar o trânsito marítimo, uma de nome Sarinha, conhecida como “vaqueira” e outra de nome desconhecido.

Depois do evento, uma das beldades deu um show de sensualidade (veja abaixo) na piscina do Lençóis Resort:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Vereadora de Pinheiro entra em sites pornográficos na Câmara

Vereadora Layana FerreiraA vereadora mais votada da cidade de Pinheiro, Layana Ferreira (PHS), filha do então suplente de deputado federal Tonny Ferreira, acessou sites pornográficos no computador da Câmara de Vereadores de Pinheiro. O caso já repercute na cidade e nacionalmente como falta de vergonha e ética profissional como parlamentar.

A desculpa dada pela vereadora ao acessar o site pelo computador da Câmara foi que, segundo ela uma amiga havia dito da existência de uma sósia em um site pornográfico chamado Só Acompanhantes .

Layana Ferreira foi a tribuna da Casa para esclarecer o ocorrido, e chegou a considerar algo absolutamente normal em sua ótica.

Segundo a lei, a vereadora esta fornecendo todos os elementos concretos para ser afastada da do cargo de vereadora por falta de decoro parlamentar. Assista ao vídeo abaixo:


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

'Magno Bacelar passou por um momento infeliz em sua carreira política', diz Davizinho

Davi Alves Silva Júnior

Davi Alves Silva Júnior

Em resposta as declarações feitas pelo deputado Magno Bacelar na última terça-feira, 20, em discurso na Assembléia Legislativa, no qual o mesmo afirmou que “tudo agora na Saúde é só para Imperatriz, que fica lá no cafundó do Judas, no quintal do Maranhão”, o deputado federal Davi Alves Silva Júnior (PR) declara que:

Acredito que o Deputado Magno Barcelar passou por um momento infeliz em sua carreira política. Creio que os moradores da região do Baixo Parnaíba certamente devam receber melhor atenção, tanto do Governo Estadual quanto do Governo Federal. Agora, o que a população não merece é um Deputado que fique na Assembléia Legislativa, jogando palavras ao vento, ignorando o fato de que a cidade de Imperatriz é hoje parte significante do motor que movimenta a economia e o desenvolvimento do Estado do Maranhão.

Faço desde já o convite para que o Deputado Magno Bacelar venha conhecer essa cidade maravilhosa e hospitaleira. Na oportunidade, Vossa Excelência terá tempo de comprovar que, assim como a região do Baixo Parnaíba necessita de investimentos para a saúde, Imperatriz também necessita da mesma ajuda – tanto do Governo Estadual bem como do Governo Federal – para desafogar uma das áreas mais críticas em todo o Brasil.

Assim como na região do Baixo Parnaíba que a população é composta por pais de família e pessoas de bem, afirmo que essas mesmas qualidades são encontradas em cada casa da região Tocantina.

Nesse momento, o mais sensato seria o nobre parlamentar rever os seus conceitos quanto aos moradores da região Tocantina.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Lobão defende Roseana Sarney de acusações no TSE

José Sarney, Roseana Sarney e Edison Lobão

José Sarney, Roseana Sarney e Edison Lobão

O ministro de Minas e Energia, Edison Lobão (PMDB) compareceu na noite de ontem, 21, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para prestar depoimento sobre o abuso de poder econômico na campanha eleitoral da governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB).

Durante o depoimento, o advogado de Zé Reinaldo, o jovem experiente Rodrigo Ferreira Lago, contestou os fatos de Lobão ter sido ouvido antes das testemunhas de acusação, o que, segundo ele, seria motivo para anular a oitiva do ministro.

O abuso de poder da TV Mirante de comunicações que ultrapasse uso direto e indireto da estrutura da administração pública em vários locais.

As denúncias foram apresentadas na época por Zé Reinaldo Tavares. Agora é só aguardar pra ver o resultado desse imbróglio.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Tablets poderão ser produzidos no Maranhão

Tablet

Tablet

Uma vitória para o Maranhão, é que o plenário do Senado aprovou na quarta-feira (21) o projeto de Lei de Conversão 21/2011, que concede incentivos fiscais para a produção e venda de tablets no Maranhão e alguns estados do Brasil.

A medida, lançada pelo Executivo em maio deste ano, beneficia com isenção de PIS e Cofins aparelhos “que tenham uma unidade central de processamento com entrada e saída de dados por meio de uma tela sensível ao toque de área superior a 140 centímetros quadrados”.

Como já foi aprovada na Câmara, a medida será encaminhada direto à sanção da presidente Dilma Rousseff, que ainda pode vetar trechos da lei.

A segunda mudança, segundo o relator, deixa mais claro o artigo que trata da prorrogação por mais dois anos do prazo para que as Zonas de Processamento de Exportação (ZPE) sejam implementadas no país. Os estados beneficiados seriam o Maranhão, Pará, Bahia e Mato Grosso.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Agiota preso pela Polícia Federal reassume secretaria de Finanças em Barra do Corda

Pedro Telis irmão do deputado estadual Rigo Telis

Pedro Telis irmão do deputado estadual Rigo Telis

Atenção Ministério Público, o prefeito de Barra do Corda, Manoel Mariano de Sousa (PV) o “Nenzin”, efetivou novamente no cargo de secretário de Finanças do Município, o filho e agiota Pedro Teles.

Pedro Alberto Teles de Sousa que reassumiu na segunda-feira, 19, a secretaria de Finanças da prefeitura de Barra do Corda, em meio ao clamor da população que contestou sua entrada na gestão, devido o escândalo motivado pela “Operação Astiages” da Polícia Federal no dia, 03, de fevereiro deste ano, que resultou na sua prisão e da irmã, Sandra Maria, mas ambos acabaram libertados por força de uma liminar do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O agiota foi acusado de ser o mentor de uma organização criminosa, com um núcleo de “laranjas”. Pedro Teles na época, secretário de Finanças e Manoel Mariano de Sousa, o “Nenzin” prefeito de Barra do Corda foram acusados de ser os principais integrantes da quadrilha, que de acordo com a Policia Federal, movimentaram irregularmente R$ 50 milhões entre 2005 e 2010.

É  incorreto e imoral que Teles reassuma a secretária, depois do escândalo protagonizado após a operação deflagrada pela Polícia Federal, além do nepotismo descarado que fere o princípio da impessoalidade e da moralidade pública cometido pelo gestor que conduz como se estivese fazendo da prefeitura uma empesa particular, onde se nomea filhos e parentes.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.