Poder

MP impugna candidato a prefeito de Peritoró

Em Peritoró, o MPE impugnou junto à Justiça Eleitoral a candidatura de Josias Lima Oliveira, ex-prefeito, que pretende voltar ao cargo nas próximas eleições. O motivo da impugnação foi a desaprovação das suas contas referentes aos exercícios financeiros de 2005 e 2006 pelo TCE.

Já a candidata Joana da Amovelar também teve a candidatura impugnada pelo Ministério Público em decorrência de ser esposa do atual prefeito do Município de Coroatá, do qual Peritoró é termo judiciário e contíguo a este.

O representante do MP justifica sua tese por considerar a candidatura da impugnada um artifício para perpetuar a família no poder local. “Sua eventual eleição à condição de prefeito, cujo passo primeiro é o registro de candidatura para tal fim, se configura em verdadeira perpetuação no poder de um clã ou núcleo familiar, o que é vedado pelo inspiração do legislador constitucional”.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Deputado destaca aniversário de 160 anos de Imperatriz

O deputado Antonio Pereira (DEM) ocupou a tribuna da Assembleia Legislativa na manhã de ontem (12), para parabenizar o povo de Imperatriz e destacar o aniversário de 160 anos da segunda maior cidade do Estado do Maranhão e a mais importante da região Tocantina, que acontece na próxima segunda-feira (16).

O democrata lembrou que chegou a imperatriz em 1967, no boom do crescimento da cidade, que foi emancipada em 1924.  Pereira disse que nesse período o avô de sua ex-esposa, Gumercindo Milhomem, ocupou a cadeira de prefeito de Imperatriz, duas vezes consecutivas, contribuindo para o desenvolvimento da cidade.

Antônio Pereira comentou que a partir de 1960, com a ordem do então presidente que trouxe grande desenvolvimento para o Brasil, Juscelino Kubitschek, aconteceu a abertura da Belém/Brasília, e Imperatriz tomou um novo rumo de crescimento e desenvolvimento.

O parlamentar afirmou que foi Moacir Milhomem quem conduziu a ligação de Imperatriz ao Pará.  Segundo ele, a abertura das matas virgens foi feita por Açailândia, para que se pudesse acessar a rodovia federal, que hoje serve o Brasil: a Belém/Brasília  (BR 010).

De acordo com Pereira, depois da abertura da rodovia federal Belém/Brasília, vieram o ciclo do Arroz e o Ciclo da Madeira, que fortaleceram a cidade de Imperatriz e colocaram o Estado do Maranhão em destaque, como um dos primeiros colocados na produção nacional.

Em seu discurso, Antonio Lembrou que participou, também, da abertura e do asfaltamento da BR-222, autorizadas pelo então presidente da República, José Sarney. “A cidade de Imperatriz cresceu e foi fortalecida com o extrativismo da madeira, que na época era política do próprio governo federal”, assinala.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

MP impugna candidato a prefeito de Pirapemas

O Ministério Público Eleitoral também ingressou com impugnação contra as candidaturas de Selma Pontes e Eliseu Moura à Prefeitura de Pirapemas

No caso de Selma Pontes, a impugnação deve-se ao fato de a candidata quando no exercício do mesmo cargo de prefeita de Pirapemas, em 2005, ter tido suas contas rejeitadas pelo TCE e  pela Câmara Municipal.

Adversário de Selma Pontes, o também ex-prefeito Eliseu Moura igualmente teve seu pedido de candidatura impugnado pelo Ministério Público, em razão da desaprovação de suas contas pelo Tribunal de Contas da União, conforme acórdão 371/2010.

Em ambos os casos, a impugnação foi interposta pelo promotor de Justiça Marco Aurélio Ramos Fonseca.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Candidatura de Zé Alberto tem pedido de impugnação

Blog do Louremar

Zé Alberto.

Zé Alberto.

O pecuarista Zé Alberto Veloso (PMDB) tem um pedido de impugnação contra o seu pedido de registro de candidatura.

A coligação ‘Bacabal de novo nas mão do povo’, do seu principal opositor, o deputado Zé Vieira, foi que deu entrada no pedido de impugnação. Alegam os advogados que Zé Alberto tem contra si uma condenação em uma ação proposta pelo Ministério Público Eleitoral por ter feito doação irregular na eleição de 2010 (releia).

Na peça em que pedem a impugnação do registro da candidatura, os advogados da coligação de Zé Vieira afirmam que Zé Alberto deu entrada num recurso “em tempo e modo não adequados”. Citam também os advogados, a dificuldade de terem acesso a todas as informações uma vez que o processo tramita em segredo de justiça.

Através do número fornecido no pedido de impugnação, o Blog acessou o sistema do TRE e observou os dados do processo e as últimas movimentações no Tribunal Regional Eleitoral

Leia também: pai do deputado Alberto Filho é condenado à suspensão dos direitos políticos


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Arnaldo Melo é reeleito presidente da Assembleia Legislativa

Arnaldo Melo recebe o carinho do deputado Antônio Pereira.

Arnaldo Melo recebe o carinho do deputado Antônio Pereira.

Em sessão extraordinária, os deputados estaduais elegeram, na manhã desta quinta-feira (12), os membros da nova Mesa Diretora da Assembleia Legislativa, para o biênio 2013-2015. Com votação aberta e nominal, realizada em ordem alfabética, a nova Mesa foi eleita – mediante chapa única – com votação unânime.

Todos os 42 deputados participaram da votação no Plenário Nagib Haickel, confirmando o deputado Arnaldo Melo (PMDB) na presidência da Casa por mais dois anos. A votação, iniciada pontualmente às 12h, foi concluída 20 minutos depois com a eleição da nova Mesa, que será empossada no dia 1° de fevereiro de 2013.

Mediante um acordo de lideranças, formalizado nos bastidores da Casa, o deputado Arnaldo Melo conquistou a reeleição, sendo eleito para o cargo de primeiro vice-presidente o deputado Ricardo Murad (PMDB), que se licenciou temporariamente do cargo de secretário de Estado da Saúde, para participar da eleição.

Além de Arnaldo Melo (presidente) e Ricardo Murad (vice-presidente), também foram eleitos na chapa única os deputados Eduardo Braide (PMN) – segundo vice-presidente; Marcelo Tavares (PSB) – terceiro vice-presidente; Gardênia Castelo (PSDB) – quarto vice-presidente; Rogério Cafeteira (PMN) – primeiro secretário; Carlinhos Florêncio (PHS) – segundo secretário; Dr. Pádua (PSD) – terceiro secretário; e Zé Carlos da Caixa (PT) – quarto secretário.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Justiça prorroga prisão de suspeitos da morte de Décio Sá

A Justiça prorrogou, nesta quinta-feira (12), a prisão temporária dos sete suspeitos de envolvimento no assassinato do jornalista Décio Sá. A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão havia feito o pedido na última segunda-feira (9) e, nesta manhã, o deferimento da solicitação foi confirmado.

Com a decisão expedida pela 1ª Vara do Tribunal do Júri, permanecerão presos por mais 30 dias: Jhonatan de Sousa Silva (assassino confesso), Gláucio de Miranda Carvalho (suposto mandante), José de Alencar Miranda Carvalho ( suposto mandante), Airton Martins Monroe (suposto mandante), José Raimundo Sales Charles Júnior, o Júnior Bolinha (agenciador do pistoreiro), Fábio Aurélio do Lago e Silva, o Bochecha (agenciador do pistoleiro) e Fábio Aurélio Saraiva Silva (teria fornecido a pistola para matar o jornalista). Com informações do G1 MA.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

O favoritismo de Tina Monteles na cidade de Anapurus

Tina Monteles terá apoio da governadora Roseana Sarney.

Tina Monteles terá apoio da governadora Roseana Sarney.

As primeiras amostragens já demonstram que a atual prefeita da cidade de Anapurus é franca favorita à sua reeleição, pois aparece na frente de todas as intenções dos eleitores, o que será confirmado nas primeiras pesquisas a serem registradas na Justiça Eleitoral. Contatada pelo blog, Tina declarou que: “se sente honrada pelo favoritismo dado pelo povo, mas que tudo é fruto do grande trabalho de reconstrução das políticas públicas no município em sua atual gestão, com a ajuda do Governo Roseana Sarney, Lula e Dilma, com grandes melhorias na saúde, educação, valorização dos servidores e que pretende continuar a trabalhar muito”, disse a candidata.

Na segunda posição das intenções de votos, aparece a professora Vanderly de Sousa, do qual teve pedido de impugnação de candidatura na Justiça Eleitoral, baseada em documentações. Segundo fontes fidedignas, Vanderly havia estudado substituir sua candidatura em virtude de problemas eleitorais.

Em contato telefônico com o jurídico da campanha de Tina Monteles, o advogado eleitoral Dr. Márcio Endles, informou que “as impugnações aos registros de candidaturas é uma questão natural e que em Anapurus se repete o quadro das eleições 2008”. O advogado lembrou que “em 2008 a candidatura da professora também foi impugnada e o Tribunal Superior Eleitoral cassou seu registro de candidatura. Em 2008 os adversários também entraram com impugnação ao registro da prefeita Tina Monteles, mas sem nenhum fundamento jurídico e a Justiça Eleitoral aprovou seu registro de candidatura”, explicou o professor titular de Direito Eleitoral do Curso de Direito.

Segundo apurou o blog, a prefeita Tina Monteles tem amplas chances de derrotar a professora Vanderly de Sousa e garantir sua reeleição no pleito deste ano.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Oposição tenta impugnar candidatura de Magno Bacelar em Chapadinha

O representante da Coligação “Chapadinha Para Todos” Aldy Júnior protocolou ontem 10/07/2012, o pedido de impugnação do registro de candidatura de Magno Bacelar.  O deputado estadual Magno Bacelar teve seu pedido de registro de candidato ao cargo de Prefeito Municipal de Chapadinha impugnado em razão da união estável que mantém com a atual Prefeita Danúbia Carneiro.

O impugnado, deputado e ex-prefeito do Município de Chapadinha nas legislaturas de 2001 a 2004 e 2005 a 2008 apresentou requerimento de registro de candidatura para concorrer novamente ao cargo nas eleições de outubro de 2012.

Segundo os advogados Carlos Sérgio de Carvalho Barros e Sócrates José Niclevisk, que patrocinam a impugnação em nomes dos candidatos adversários, o casal Magno e Danúbia  mantém uma união estável e efetiva, embora dissimulada, e pretende perpetuar-se na chefia do Poder Executivo do município de Chapadinha em afronta à legislação eleitoral, uma vez que o deferimento da candidatura, neste caso, implicaria na ilegal possibilidade de exercício de quatro mandatos consecutivos pelo mesmo núcleo familiar, já que Danúbia assumiu em janeiro de 2009 e ficará no cargo até 31 de dezembro deste ano.

Os advogados acreditam que a Justiça Eleitoral, com base na Constituição Federal, não tolerará a perpetuação no poder desta família pelo quarto mandato consecutivo, e asseveram que a relação contínua e duradoura entre o deputado e a prefeita é pública e notória em Chapadinha e em todo o Maranhão e que a mesma suplanta o mero relacionamento afetivo, configurando-se uma verdadeira relação familiar (ainda que dissimulada pela ambição política de ambos).

Os advogados argumentaram ainda que Magno Bacelar é useiro e vezeiro nesta prática e que fez o mesmo no município de Aldeias Altas onde também foi prefeito e depois colocou no lugar a sua então companheira Fernanda Bacelar, e hoje, como não mas mantém relacionamento com a ex-esposa Fernanda, lançou a candidatura do seu filho, Magno Filho, um estudante universitário, para assim também perpetuar-se no poder em Aldeias Altas, sempre utilizando a mulher, a companheira, a concumbina e o filho, mas agora acreditam que a sua ânsia de poder será barrada pela Justiça Eleitoral.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Veja os acusados do sequestro do menino Pedro Paulo

Três dos cinco sequestradores presos durante operação realizada em três estados

Três dos cinco sequestradores presos durante operação realizada em três estados

Um minucioso trabalho de investigação liderado pela equipe da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic) e o apoio das polícias Civil e Militar do Tocantins e do Pará, resultou na libertação e elucidação do sequestro do menino Pedro Paulo Mendes, 4 anos e a prisão de 3 pessoas acusadas de integrarem a quadrilha que atuou na trama. Pedro Paulo foi sequestrado em sua casa no centro de Imperatriz na manhã do dia 27 de junho, sendo mantido em cativeiro por 14 dias e libertado na noite de terça-feira (10) no distrito de Cicilândia, município de Palmeirante no Tocantins, mediante o pagamento de R$ 500mil, numa ação orientada e monitorada pela equipe de investigação da Seic.

Em entrevista no fim da tarde de ontem quarta-feira (11), em Imperatriz, o secretário Aluísio Mendes destacou a importância da ação conjunta.
Mendes, acompanhado dos delegados que trabalharam no caso e de promotores do Ministério Público, apresentou o principal mandante do crime e mais dois integrantes da quadrilha envolvida na ação e detalhou as informações sobre os motivos do sequestro. Foram apresentados Antonio Diagui, acusado ser o mentor do sequestro, preso em Imperatriz; Ricardo Feitosa Santos, sequestrador que invadiu a casa e receptou a criança; e Bruno Francisco, responsável pelo apoio logístico do crime, sendo a pessoa que resgatou os dois criminosos após o pagamento do resgate, ambos presos na cidade de Marabá no Pará.

O secretário Aluísio Mendes confirmou também a prisão de mais duas pessoas efetuadas no local onde Pedro Paulo era mantido em cativeiro, sendo uma mulher e um homem, que não tiveram os nomes revelados em função da polícia está realizando averiguação para apurar o verdadeiro nome deles, já que foram encontrados com diversas carteiras de identidade. As equipes de investigação continuam na busca de mais quatro foragidos: uma mulher e três homens.

Estiveram presentes, o secretário-adjunto de Inteligência, Laércio Costa; o superintendente de Polícia Civil do Interior, Jair Paiva Lima; os delegados André Gossain; da Seic e Assis Ramos; da 10ª Delegacia de Imperatriz; comandante do 3º Batalhão de Polícia Militar, Edeílson Carvalho; e o promotor de Justiça, Joaquim Ribeiro Júnior.

A trama

De acordo com a polícia, o sequestro do menino Pedro Paulo Lemes foi idealizado por Antonio Dagui, ex-funcionário do pai da criança, Jurandir Mellado. Dagui, por anos, trabalhou com a família do sequestrado e conhecia de perto todos os hábitos dos moradores da casa onde vivia o garoto, o que lhe facilitou detalhar a quadrilha de sequestradores, os passos e o poder aquisitivo de cada um dos famialires de Pedro Paulo. Dagui foi demitido este ano.

De posse dos dados da rotina da família, Antonio Dagui informou a líder do bando, já identificado pela policia como de alta periculosidade e com mais de 10 mandados de prisão, sendo procurado no Brasil inteiro. Ele repassou, inclusive, as condições de saúde da criança, que tem rejeição a lactose e também o valor máximo que eles poderiam pagar pelo resgate. A partir daí, a quadrilha se organizou e começou a planejar o sequestro consumado na manhã de 27 de junho.

“Essa é uma quadrilha extremamente perigosa e muito bem organizada. Todas as nuances do sequestro revelam isso e basta ver o modus operandi dos mesmos, que só se comunicaram com a família através de mensagens cifradas abandonadas dentro de pequenos frascos em pontos estratégicos de Imperatriz e por meio de chip de memória, onde as mensagens em gravadas e depois repassadas aos interlocutores”, detalhou Aluisio Mendes. O secretário informou também que este tipo de sequestro só foi realizado uma vez no Brasil, no Estado do Paraná e, agora, no Maranhão.

Libertação e prisão

De acordo com o secretário, o trabalho da polícia foi iniciado logo após o sequestro de Pedro Paulo. Equipes de delegados e investigadores da Seic vieram para região de Imperatriz e, com apoio dos agentes da 10ª Delegacia Regional, começaram as ações de investigação do caso. No primeiro momento, a operação se concentrou com buscas na região Norte do Tocantins, conhecida como Bico do Papagaio e depois desencadeou para o estado do Pará.

De acordo com o delegado André Grossain, da superintendência Estadual de Investigações Criminais, os sequestradores mantiveram contato com a família desde os primeiros momentos do sequestro. “Nós não divulgamos isso porque o sigilo era fundamental neste caso, mas, a partir destes contatos iniciais, nós começamos a desvendar este crime. Quando tivemos a certeza que a criança estava bem e havia sido libertada, nós partimos para a prisão da parte do bando de sequestradores”, informou ele.

Na noite de terça-feira (10) Pedro Paulo foi libertado no estado do Tocantins e a polícia monitorou os passos das pessoas incumbidas de buscar o valor do resgate na cidade de Araguaína. Na manhã de quarta-feira (11), Antonio Dagui foi preso em Imperatriz com R$100mil. O restante do dinheiro foi dividido entre os outros membros da quadrilha.

A operação para prender todo o bando envolvido no sequestro continua. Homens da Seic, em parceria com as polícias do Tocantins, estão em campo e realizam o andamento dos trabalhos de investigação.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Poder

Sarney chega ao Maranhão para comemorar cassação de Demóstenes e aniversário de casamento de 60 anos

Blog do Luís Pablo

Num dia de muita alegria, ao ver ser maior adversário político sendo cassado nesta quarta-feira, 11, o tetrapesidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), chegou hoje ao Maranhão para comemorar com seus aliados e familiares a derrota do senador Demóstenes Torres (sem partido-GO).

Marly e Sarney vão comemorar 60 anos de casado

Marly e Sarney vão comemorar 60 anos de casado

Sarney desembarcou hoje, 11, por volta das 18h, no aeroporto Marechal Cunha Machado, em São Luís. Ele veio acompanhado no avião da FAB com dona Marly Sarney, sua esposa, os ministro Gastão Vieira e Edison Lobão, e os senadores Edinho Lobão e Clóvis Fecury.

O senador deve se reunir com seus aliados no Palácio dos Leões, que deverão saber como foi os bastidores da cassação de Demóstenes, que teve o mandato cassado por 56 votos a favor, 19 contrários e 5 abstenções.

Além de hoje, amanhã também será um grande dia para José Sarney, que completará com dona Marly 60 anos de casados.

A festa será realizada na casa do Calhau, onde será uma comemoração apenas para os familiares e amigos mais próximos.

É provável que José Sarney fique esta semana em São Luís, voltando apenas na próxima semana para Brasília.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.