Poder

Procuradoria Geral de Justiça investiga contrato suspeito da Prefeitura de São João do Sóter

A Procuradoria Geral de Justiça (PGJ) instaurou um Procedimento Investigatório Criminal (PIC) para apurar irregularidades em um contrato da Prefeitura de São João do Sóter.

Segundo a Portaria publicada no Diário Eletrônico do Ministério Público, o contrato investigado é oriundo Pregão Presencial nº 12/2017 realizado pelo Município de São João do Sóter.

O caso sendo comandado pelo assessor da PGJ, promotor de Justiça Pedro Lino Silva Curvelo, e tem 90 dias para ser concluído.

No documento, não há detalhes sobre o PIC e nem que já se encontra.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários