Poder

Comerciante é encontrado morto após ser levado por policiais à paisana no Maranhão

Foi encontrado nesta terça-feira (2), o corpo do comerciante Marcos Santos, que estava desaparecido desde segunda (1º), após ser colocado à força dentro de um carro na cidade de Bacabal, a 347 km de São Luís. Um vídeo (veja acima) mostra o momento em que ele é levado por alguns homens.

O corpo de Marcos Santos foi achado por familiares no povoado Fazenda Cancelar, em São Luís Gonzaga do Maranhão, com marcas de tiro e sinais de violência. Segundo as investigações, os homens que colocaram o comerciante no carro são policiais militares do 15º BPM que estavam trabalhando sem fardamento, os chamados ‘velados’.

rês policiais são suspeitos do crime. Em depoimento, afirmam que estavam trabalhando em uma investigação sobre um caso de roubo de carneiros. Disseram ainda que houve troca de tiros com o comerciante, o que ainda é investigado.

Em um vídeo, o secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, disse que os responsáveis serão responsabilizados.

“Não se combate o crime praticando crime. O combate ao crime há de ser de modo legal e legítimo. Não se combate o crime com o uso desregrado da força. Deve prevalecer a força da Lei contra a força do crime. Os envolvidos serão responsabilizados”, disse Portela.

Nesta terça (2), equipes de São Luís foram levadas até Bacabal para investigar o caso. Dentre eles, o delegado Jeffrey Furtado, que também foi destacado para investigar o caso envolvendo o assassinato do auxiliar da perícia médica da Polícia Civil, Salomão Matos dos Santos. Ele também teria sido morto por policiais militares descaracterizados.

G1MA


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Comerciante é encontrado morto após ser levado por policiais à paisana no Maranhão”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Anaildo

    Até quando o velho álibi de que mataram por que reagiu vai durar? Vidas estão sendo tiradas sem o devido processo legal de defesa da acusação de seja lá qual for o crime, até quando a pena de morte será aplicada sem ao menos ser legalizada no Brasil? Será que há quem acredita nessa história de que reagiu e por isso teve que morrer? Que justiça seja feita o quanto antes com os verdadeiros criminosos.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários