Poder

Quadrilha de hackers é alvo de operação da Polícia Civil do Maranhão

Uma operação que combate uma quadrilha de hackers que causou um prejuízo ao Banco Nubank no valor de quase R$ 13 milhões foi deflagrada pela Polícia Civil do Maranhão nesta quarta-feira (16).

Mais de 200 policiais civis estão cumprindo mandados de busca e de prisões nas cidades de Imperatriz, São Luís, Governador Nunes Freire, Açailândia, Carolina, São João do Paraíso, Cidelândia, Davinópolis, Paço do Lumiar, São José de Ribamar e João Lisboa.

O trabalho dos agentes maranhenses conta com apoio da Polícia Civil do Tocantins e de Goiás. Os presos na operação estão sendo conduzidos para o Colégio Militar Tiradentes 2, em Imperatriz.

 


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários