Poder

Gestão de Edivaldo faz contrato na Saúde de R$ 4 milhões com indícios de superfaturamento

Mesmo diante das duas recentes operações deflagradas para combater ao desvio de recursos público, a Prefeitura de São Luís não para desafiar os delegados da Polícia Federal e os órgãos fiscalizadores.

Sem licitação, no dia 22 de outubro desse ano, a empresa NR Comercial e Serviços Eireli, conhecida como Nunes & Rezende Comercial, de propriedade Lustosa, abocanhou um contrato orçado em mais de R$ 4 milhões na gestão de Edivaldo Holanda Júnior (PDT).

O documento obtido pelo Blog do Neto Ferreira mostra que a firma foi contratada pela Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria de Saúde, comandada por Natália Mandarino, para fornecer luvas cirúrgicas e para procedimento não estéril.

Há fortes indícios de superfaturamento no valor contratual, o que pode levar à Polícia Federal a deflagrar uma nova operação e manchar, ainda mais, a imagem do prefeito Edivaldo Holanda Júnior.

Documentos revelam que a empresa já, inclusive, emitiu nota fiscal para efetuar o fornecimento de parte de matérias hospitalares, mas isso será revelado em outra reportagem.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Um comentário em “Gestão de Edivaldo faz contrato na Saúde de R$ 4 milhões com indícios de superfaturamento”

Se quiser fazer uma citação desse artigo no seu site, copie este link

  1. Jorge Duallibe

    RONALLDO LOPES LIMA . KKKKKKKKKKKKKKK AINDA SEDENTO

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários