Poder

Candidato de Formosa da Serra Negra é acusado de engravidar menor de idade e bebê morre misteriosamente

O candidato a prefeito de Formosa da Serra Negra, Cirineu Costa (PL), responde a processo de pedofilia.

Documento obtido pelo Blog do Neto Ferreira mostra que, quando Costa era secretário de administração da cidade, teria engravidado uma adolescente de 12 anos.

O caso foi investigado pela Polícia Civil de Grajaú, que chegou a solicitar a prisão temporária do então gestor. Enquanto, a Justiça não concedia a ordem, Cirineu desapareceu da cidade temendo a sua prisão.

Ao analisar as informações contidas nos autos, o juiz entendeu que o ex-gestor poderia responder ao processo em liberdade.

O inquérito da polícia aponta que o candidato teria oferecido dinheiro para que seu vaqueiro assumisse a paternidade da criança. No entanto, foi feito teste de DNA com o vaqueiro, chamado Sula, e o mesmo deu negativo. Enquanto a polícia solicitava o teste de DNA do candidato Cirineu Costa, o bebê morreu misteriosamente.

A morte da criança foi por causa desconhecida e ninguém, até o momento, encontrou vestígios do que aconteceu. Caso tivesse feito o DNA e o resultado fosse positivo, o fato levaria a prisão imediata de Cirineu Costa.

Há a possibilidade do Ministério Público pedir a exumação do cadáver da criança para que então seja feito o exame.

Segundo informações, no curso do inquérito policial, foi apreendido o celular da menor e nele encontradas inúmeras mensagens e fotos trocadas entre Cirineu e a menor, material que não deixa duvidas sobre as acusações.

Na cidade, circula um áudio que teria sido vazado do celular da menor, onde o candidato manifesta preocupação com a investigação policial no dia dos depoimentos da menor, de sua mãe e de Sula. No áudio, Costa chega a dizer que encontra-se escondido com medo da policia.

Comenta-se, ainda, que candidato pode ter a intenção de assumir o poder público municipal para interferir nas investigações do processo. Por se tratar de uma menor, o processo encontra-se em segredo de justiça.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários