Poder

Áudio revela suposta influência de Osmar Fonseca em julgamento no TRE

Em um áudio obtido pelo Blog do Neto Ferreira, o prefeito de Lago do Junco, Osmar Fonseca, insinua que terá supostamente uma influência no julgamento da sua ex-esposa que ocorrerá na tarde desta quarta-feira (18) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE)

Na gravação, o gestor falou que sabe “jogar”, dando a entender que, irá conseguir fazer a sua ex-esposa, Edna Fontes, ser eleita na cidade. “Não me deixaram jogar em Lago da Pedra, mas eu sei jogar em São Luís, e vocês vão ver o resultado terça ou quarta feira, aqui de Lago do Junco”.

Edna Fontes teve seu registro de candidatura indeferido pela justiça eleitoral de Lago da Pedra, por maquiar uma suposta separação em janeiro desse ano para se candidatar a prefeita, o que afronta o entendimento consolidado pelos Tribunais Superiores.

Em outro vídeo, o filho da candidata a prefeita, Olavo Fonseca, diz que contratou o melhor advogado do Brasil, William Tomaz, que foi preso pela Polícia Federal, para atuar no caso da mãe.

Ainda na gravação, o herdeiro de Edna chega a afirmar que foi, junto com o jurista, nos gabinetes dos desembargadores que teriam confirmado a possibilidade da ex-esposa de Osmar Fonseca de participar da disputa eleitoral em Lago do Junco.

“Fui contra a candidatura da minha mãe. Mas vi dentro dela o ideal que ela tem: o sonho de ser prefeita dessa cidade. A gente viu a dificuldade da candidatura. Pois eu procurei o melhor advogado do Brasil, lá em Brasília, e com ele fui em gabinete em gabinete dos desembargadores, mostrando o caso dela e todo mundo dizendo: ela pode ser sim candidata”, esbravejou o filho da candidata.


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários