Poder

Prefeitura de S. João do Paraíso pagou por equipamentos que não foram entregues

Denúncia enviada ao Blog do Neto Ferreira aponta que a Prefeitura de São João do Paraíso, administrada por Roberto Régis de Albuquerque, comprou equipamentos de ginástica, mas não os recebeu.

Segundo documentos, em 2017, o Executivo contratou a empresa E. Oliveira Ramos, localizada em Imperatriz, pelo valor de R$ 365 mil para executar serviços da construção da Praça da Cultura.

De lá para cá, a Prefeitura firmou mais 4 aditivos para que a obra fosse concluída, ou seja, o montante pago à empresa passou dos R$ 500 mil.

A aérea de lazer foi inaugurada em junho de 2019, mas faltavam os equipamentos de ginástica que estavam inclusos no edital de licitação. Após um ano e quatro meses, os equipamentos não foram entregues à população, mas foram pagos pela gestão de Roberto Régis.

Os indícios de irregularidades na execução da construção da praça poderão acarretar em improbidade administrativa e responsabilização tanto do gestor do Município quanto da Empresa responsável pela obra.

O Blog tentou entrar em contato com a Prefeitura, mas não obteve êxito. O espaço está aberto para maiores esclarecimentos. O contato para o direito de resposta é 98756-1819.

Veja aqui o detalhamento do contrato


Acompanhe o Blog do Neto Ferreira também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

Deixe um comentário:

Formulário de Comentários